Andar de bicicleta em inglês, com documentário

Andar de bicicletaQuando pensamos na ação de andar, logo vem a nossa mente a tradução mais comum no inglês (walk). Com isso é fácil para o estudante iniciante dizer “I will walk by bicycle”, o que erroneamente poderia ser entendido como “eu vou andar de bicicleta”. Só que em inglês o verbo walk se refere à idéia de andar a pé, ou “de dedão”, como dizem os matutos de minha terra.

Em inglês a frase “eu vou andar de bicicleta” pode ser formulada da seguinte forma “I will ride a bicycle”. No caso, nós não andamos de bicicleta, nós montamos a bicicleta, por isso usar a palavra ride.

Aprenda inglês com as técnicas de quem já passou pelo processo. Experimente Grátis por 30 dias o Curso de Inglês do English Experts 3.0.

A dica de hoje serve para introduzir um tema que vem martelando na minha cabeça, o transporte. O trânsito está cada vez mais caótico, mesmo em cidades de médio porte, como a minha. A solução, no meu entendimento é buscar alternativas baratas, ecologicamente corretas e saudáveis. Adivinha qual é o veículo que proporciona tudo isso? A bicicleta, é claro.

Há uma iniciativa muito forte, principalmente na Europa, a respeito da reestruturação das cidades para incentivar a utilização de bicicletas em vez de carros. Assisti recentemente a um documentário muito interessante sobre o tema, vale a pena conferir. Tenho certeza que você vai ficar com vontade de sair por aí riding a bicycle ;-)

Vídeo 1

Vídeo 2

See you!

Aprenda mais

Gostou desse artigo? Conheça o Curso de inglês English Experts e descubra como você pode turbinar o seu inglês.

Receba mais dicas de inglês como esta por E-mail, Twitter, RSS feed ou Facebook.

34.jpg

Alessandro Brandão

Alessandro Brandão é coordenador caseiro do English Experts e do Fórum de idiomas. Trabalha também em projetos na área de Comércio Eletrônico e Ensino a Distância (EaD).

20 comentários

  • 05/06/09  
    LaPingvino diz: 1

    Olá!

    É muito bom isso. Gosto muito de ver isso do meu pais para los brasileiros. (Sou holandês e uso o site para aprender Português, não o Inglês.)

  • 05/06/09  
    João Ghizoni diz: 2

    Hi, there! Thanks a lot for today’s post. (I’ve seen only the first video yet.) I think it was very different and great chance for practice. Despite this, I’d like to call the attention to (or ask if I’m right about) these three points: 1) at a certain moment a girl says GO TO FRIENDS’ (which means: go to friends’ houses, right?), and the translation was “ir ao francês” (!); 2) a few seconds after that, a woman says “laboratory”, and the translation was “biblioteca” (!); 3) a woman (the instructor) says they “learn the kids to ride” where she should’ve said “teach the kids to ride”. Sorry for these comments, but I’m trying to help. Any comments on mine are welcome. Congratulations again, Alessandro, for the great idea of including these videos.

  • 05/06/09  
    Jordania Prata diz: 3

    Muito interessante este post.Se aqui em Fortaleza houvesse espaço e segurança para andar de bicicleta eu com certeza andaria.Só quando vou para o interior é que ando.A bicicleta realmente dá um certo ar de liberdade e não polui o q é muito bom.

  • 05/06/09  
    Roberta diz: 4

    Ótimas dicas Alessandro,
    e de nosso “friend” João também.
    Os vídeos devem servir de exemplo para nós brasileiros.
    Abraços

  • 06/06/09  
    Valter Menezes Vieira Junior diz: 5

    Fiquei até com vontade de comprar uma bike.

  • 07/06/09  
    mary diz: 6

    Yes João, I heard the same mistakes as you did.

    I am staying in Germany now, and the bike paths here are well maintained and the inner city is a car free zone, too. There are wonderful bike paths along the rivers here, too.

  • 12/06/09  
    Guilherme diz: 7

    I’d love to go to work ridding a bike, but, we live in Brazil and you cannot ride a bike, because you don’t have safe, you can die or something like this, so, you need to take a public transport (bus, train and etc) or you can buy a car.. (it’s not healthy)..

    I’d love to live in Netherlands! ;)

    Congratulations Alesseandro! Keep doing this job! you help me a lot and I thanks you! ^^

    (sorry for my mistakes)

    hugs,

  • 22/06/09  
    Glaucia diz: 8

    I don’t know ride by bike, but I go to work walking.
    Very nice videos.

  • 25/06/09  
    Jonã Machado diz: 9

    Gostei muito!

  • 28/06/09  
    robertajf fernandes diz: 10

    FIQUEI BASTANTE ENTUSIASMADA COM O SITE, POIS O MESMO ME RENOVOU A ESPERANÇA DE PODE APRENDER E TER A FLUÊNCIA QUE DESEJO – FUTURAMENTE- DE FALAR EM INGLÊS. GOSTE MUITO DA DICA DO USO DO VERBO RIDE AO INVÉS DO WALK. AGRADEÇO AO IDEALIZADOR, QUE DEUS O ABENÇOE PELA SUA CIDADANIA!

  • 03/07/09  
    João Lacerda diz: 12

    Alessandro,

    Muito legal ver que esse documentário e o tema da mobilidade por bicicleta chegou até a esse blog de ensinar inglês.

    Vale conhecer a versão original e sem legendas!
    http://www.ta.org.br/Videos/ICE/CyclingFriendlyCities.mpg

    • 03/07/09  
      Alessandro diz:

      João,

      Obrigado pelo comentário e pelo link. Gostei de assistir o documentário sem legendas.

      Abraço,

  • 04/07/09  
    Paulo Alexandre diz: 13

    Olá Alessandro tudo bem?
    Descobri hoje seu blog e gostei muito. A muitos anos tenho tentado fluencia em ingles, porém não tenho “saco” para escolas. Tentei este ano com um professor particular, mas ele se mudou, agora vou tentar novamente, da forma auto-estudo. Conto com suas dicas.
    Grande abraço de seu novo fã!

  • 16/07/09  
    Roberttus diz: 14

    Olha os vídeos sao maravilhosos tanto no aspecto de conciência ecológica, como no incentivo ao “self-taught” ou “Autodidakt” como dizemos em Alemao.

    Moro em Berlim a mais de três anos. Neste interim frequentei apenas uma escola para aprender o idioma Alemao, todavia posso assegurar que meu melhor desempenho foi estudando por conta própria!
    A grande maioria dos sistema de ensino no mundo (incluindo a fama das instituicoes Alemas) nao respeitam as necessidades reais e o tempo de aprendizado o indivíduo.
    Por isto me afundei nos livros, revistas, internet, televisao, rádio, e contatos diretos com o povo nas ruas, igrejas, locais de esportes e etc.

    Fator importantíssimo: na hora de aprender uma nova língua: É impossível traduzir tudo ao pé da letra. Como sempre digo: “Traduzir palavras é adquirir conhecimento, entender a mentalidade é ganhar lógica!”

    Good Bye!
    Grüß’ Gott!

    • 16/07/09  
      Alessandro diz:

      Roberttus,

      Obrigado por compartilhar a sua experiencia conosco. Continue participando!

      Abraço,

  • 10/08/09  
    Claudia diz: 15

    Comecei um curso de Inglêsonline e navegando pela interenet encontrei esse site com tantas dicas, vou acrescentá-lo em meus estudos para adicionar mais conhecimento e facilitar meu aprendizado.
    Obrigada pela dicas maravilhosas!

  • 31/10/09  
    Josefa Vieira de Almeida diz: 16

    Adorei, estas atividades, dicas,vídeos, nossa, estou louca para aprender falar inglês.Preciso de ajuda.
    Parabéns pelo seu trabalho.

  • 25/03/10  
    claudilea pinto - Léa-RJ diz: 17

    Show ver o site indicando o modal do século XXI. Parabéns Alessandro !
    deixo aqui um link para visitas, ainda estamos engatinhando, mas as sementes já estao germinando pelo país. http://www.uniaodeciclistas.org.br