Boa notícia para quem não entende bem as Músicas em Inglês

Uma notícia recente pode animar aqueles estudantes que têm dificuldade em entender as letras das músicas em inglês. Você sabia que até mesmo quem fala inglês como primeiro idioma tem dificuldade de compreender as letras e trocam o significado de algumas palavras?

Veja só o trecho de um artigo enviado pelo leitor Fábio Marcolino de Lima:

Tire suas dúvidas sobre os tempos verbais, baixe um guia grátis da Englishtown: Guia de Tempos Verbais em Inglês. Ele contém um resumo bem estruturado para revisar os conceitos que você aprendeu na escola. Clique aqui e saiba como baixar!

Uma pesquisa encomendada por um fabricante de remédios para o ouvido elaborou uma lista das músicas cujas letras os britânicos mais confundem. A letra na qual os fãs mais escorregam é “The Sidewinder Sleeps Tonite”, sucesso dos roqueiros americanos R.E.M., lançado em 1993.

O trecho da letra que tende a ser mal compreendido é “call me when you try to wake her”, que a maioria dos britânicos entende como “calling Jamaica”. Em tradução literal, a letra original diz “ligue-me quando tentar acordá-la”, mas o público ouve “ligando para a Jamaica”.

Fonte: UOL Música

Portanto, não fique frustrado se tiver dificuldade em entender a letra da música de sua banda favorita. Isso é normal…

See you!

Aplicativo para Ampliar o Vocabulário

Você tem dificuldade para se lembrar das palavras, phrasal verbs e expressões em inglês? Conheça o "Meu Vocabulário: Um aplicativo para ampliar o seu vocabulário em inglês" e veja como nossa equipe resolveu esse problema definitivamente.

Receba mais dicas de inglês como esta por E-mail, Twitter, RSS feed ou Facebook.

34.jpg

Alessandro Brandão

Alessandro Brandão é coordenador do English Experts e do Fórum de idiomas. Trabalha também em projetos na área de Comércio Eletrônico e Ensino a Distância (EaD).

24 comentários

  • 31/10/10  
    @YamiWTH diz: 1

    É bem legal falar sobre isso porque muitas pessoas ficam frustradas ao não conseguir entender as letras de todas as músicas, mas não percebem que isso acontece com os próprios nativos. Afinal “Trocando de bikini sem parar…” te lembra algo?! rs

  • 31/10/10  
    Pablo diz: 2

    hahaha.
    Engraçado que quando eu ouvi essa música eu entendi, ” Call me Johnny wake her”
    Não entendia nada!

    rsrsrs

  • 31/10/10  
    Valéria Ramos diz: 3

    Acredito que essa confusão sonora acontece em todas as línguas, inclusive com o nosso português.
    Aproveito para parabenizar o Alessandro pelo maravilhoso site. Tenho aprendido bastante.
    Desejo-lhe muito sucesso. Sempre!
    Abçs!

  • 31/10/10  
    Mirian diz: 4

    Rsrs q post interessante!Até mesmo os nativos podem confundir letras d músicas!Nunca escutei essa musica mas vou se entendo algo….

  • 31/10/10  
    Beatriz Morgado diz: 5

    Adorei esse post! Quando acho que meu inglês tá ficando perfect, tento entender as letras das músicas e travo completamente!
    Btw, ADORO essa música do REM! Foi um ótimo exempleto… Eu sempre cantei “calling Jamaica” também, huahuahua! Tão bom saber que não estou sozinha no mundo…

  • 31/10/10  
    João B. L. Ghizoni diz: 6

    Alessandro, it’s nice of you to call your readers’ attention to the fact of how difficult it may be to understand songs in English. Although I have been a teacher for several years, I confess I usually find it very hard to understand people singing.

    But I try to conform — and I think everyone should do this — because I can’t understand many parts of songs people sing in Portuguese! My language ever since I was born! Or does anyone here understand every word all Brazilian singers sing?

    So, people, just relax and enjoy the songs you like best, without worrying so much about undersanding every single word!

  • 31/10/10  
    Frederico diz: 7

    Eu tinha esse trauma de me achar incompetente por não entender todas as músicas de língua inglesa. Mas me curei dele anos atrás quando vivi uma experiência que vou relatar agora.

    Estava eu e outros professores brasileiros numa oficina de didática de língua inglesa liderada por uma professora norte-americana de San Antonio, Texas. Aprendi muita coisa com ela.

    Durante uma das atividades com músicas em sala de aula, uma aluna brasileira entregou a todos os brasileiros e à professora norte-americana trechos incompletos de uma música dos Rolling Stones, que deveriam ser preenchidos por todos enquanto a música tocava. Eu não consegui fazer a atividade. Olhando para o lado, notei que a norte-americana também não conseguia entender o que era dito pelos roqueiros ingleses. Nesse momento, entendi que a minha dificuldade também ocorria com nativos. E a professora americana ainda explicou que há palavras de inglês britânico que ela não entendia. Pronto, a partir daquele dia aceitei com naturalidade o não entender o inglês canadense de Alanis Morissette, nem o inglês australiano do A-ha, por exemplo.

    Agora, quando quero aprender uma música, procuro logo a letra e pronto. Aprendo rapidamente a canção sem traumas, sem complexo de inferioridade.

    Vale lembrar que nas rádios brasileiros, tocam canções inglesas de diversas partes do mundo: Jamaica, África do Sul, Estados Unidos, etc. Então, esse fato contribui ainda mais para o não entendimento de determinadas canções, que por natureza, vêm carregadas de sotaque do cantor, vocabulário regional e gírias que não são entendidas por todos os anglofalantes.

  • 31/10/10  
    Dude Spell diz: 8

    Pra gente ver como é comum isso, tem até um site só sobre esses erros ao ouvir letras de música:

    http://www.kissthisguy.com/A-artists.htm

  • 31/10/10  
    Claudio diz: 9

    O interessante é que isso deve ocorrer com todos os idiomas. Muitas vezes os vocalistas mudam a entonação da palavra para melhorar a colocação na melodia. Emendam uma palavra na outra e para o nosso cérebro soa como outra palavra. Por isso, para quem gosta de música em outro idioma é interessante seguir a letra escrita.

  • 31/10/10  
    José Costa diz: 10

    Verdade! Já havia reparado nisso, mas não havia visto em notícias. Encontrei o site pelo aplicativo no Orkut. Ele me ajuda bastante no aprendizado e no ensino da Língua Inglesa.

    Congratulations
    Thank You!

  • 31/10/10  
    Cleuze de Mattos diz: 11

    Durante o perído de colégio é comum professores utilizarem a música como material didático para listening, o único cuidado que sempre os meus professores tiveram e nos orientaram também é referente à questão dos regionalismos, dos sotaques que dependem de cada falante da língua. Há casos que não somente na Língua Inglela, mas também na lingua brasileira os cantores juntam palavras por aglutinação durante a canção e ao falar rápidamente algumas palavras elas se unem e acabam confundindo o ouvinte, portanto, a melhor maneira é ouvir a letra da música com a letra em mãos, várias vezes e anotar a forma como são feitas as pronúncias. Um abraço à todos.

  • 01/11/10  
    Moacir ,Gravataí Brasil diz: 12

    Eu concordo com isso ,porque conheci dois americanos que disserão a mesma coisa ,que eles tbm ñ ent, muitas músicas em English,que coisa ñ!

  • 01/11/10  
    Moacir ,Gravataí Brasil diz: 13

    disseram!

  • 01/11/10  
    Lívia diz: 14

    Isso acontece mesmo! Quando eu estava na Nova Zelândia, ouvi uma colega de trabalho cantando e depois fui verificar a letra na internet. Descobri q ela cantava errado, as palavras soavam iguais, mas não era aquilo!!!!
    Bom para percebermos que não é o fim do mundo não entender algo qd ouvimos músicas!!
    See you guys!

  • 01/11/10  
    Patricia Sales diz: 15

    Eu tinha lido uma matéria falando sobre isso aqui http://portalplustv.com.br/musica/as-20-letras-de-musicas-que-os-ingleses-mais-erram/ há uma relação com outras músicas que os ingleses tem dificuldade em entender!

  • 03/11/10  
    THAIS CRISTINA LINS DE LIRA diz: 16

    Eu me despertei para aprender inglês através da curiosidade de saber o que diziam nas músicas. Usava um dicionário para traduzir as letras. Isso me ajudou bastante. Escutando as letras com calma, me ajudou na pronúncia…

  • 03/11/10  
    William Roger Georgiani diz: 17

    Músicas da Alanis Morissette.
    Em várias músicas já identifiquei trechos diferentes em vários sites de ‘lyrics’. Acho que nem ela mesmo sabe o que diz.

  • 03/11/10  
    Abel diz: 18

    Muito interessante o post, só que no comentário do Frederico ele trás o A-ha como banda australiana, na verdade eles são noruegueses.

  • 04/11/10  
    Stephanie Casa diz: 19

    Calling Jamaica foi ótima! kkkkkkkkk

  • 04/11/10  
    Aysha diz: 20

    Acabei de ouvir essa música e eu entendi: “Calling when try wake up” hueheuhuehue que foda :p
    Mas parece Jamaica mesmo.

  • 04/11/10  
    Alan diz: 21

    Acabei de ouvir, e nao entendo como alguem consegue escutar o correto “call me when you try wake her” :O. Para mim tambem e’ “calling Jamaica” hehe

  • 07/11/10  
    Frederico diz: 22

    Valeu, Abel. De fato, A-ha é norueguesa. Eu queria falar Men at Work (banda australiana).

  • 08/11/10  
    Fill Sanches diz: 23

    É mais fácil ouvir calling Jamaica mesmo… Ainda mais porque o ritmo da guitarra em reggae induz a isso.

  • 12/09/16  
    Iza224 diz: 24

    Sinto dificuldades com aqueles cantores que juntam muito o som das palavras, rápido demais. Tipo a música 7 year. Tem partes que eu consigo acompanhar ele cantando, mas outras que parece que eu ele tá falando japonês, shuaseiaods. Eu queria muito saber se eles compreendem bem, só de saber que até eles sentem, como no português, tem trechos que não compreendemos bem.