Como dizer ”Quando um não quer, dois não brigam” em inglês

Briga GatosA expressão “quando um não quer, dois não brigam” é usada para dizer que uma briga só ocorre porque ambos permitem. Essa é também uma forma comum de pais e mães chamarem a atenção de seus filhos. Quem não se lembra? Vejam então um diálogo para ilustrar melhor o assunto.

João: Mãe, Maria me bateu, trancou a porta do quarto e não quer devolver meus brinquedos.
Mãe: Por que, João?
João: Porque ela me mostrou a língua e eu a chamei de feia.
Mãe: Viu? Se na hora que ela te mostrou a língua você tivesse deixado para lá, isso não teria acontecido. Quando um não quer, dois não brigam.

Tire suas dúvidas sobre os tempos verbais, baixe um guia grátis da Englishtown: Guia de Tempos Verbais em Inglês. Ele contém um resumo bem estruturado para revisar os conceitos que você aprendeu na escola. Clique aqui e saiba como baixar!

Agora ficou fácil de entender, não é mesmo? Em inglês, a expressão idiomática equivalente é “it takes two to tango”. Literalmente, “é preciso duas pessoas para se dançar tango’’. Como vocês já devem saber, o “tango” teve origem na Argentina e a dança normalmente é feita por um casal. Porém, a expressão em destaque não se aplica apenas a casais (homem e mulher), mas a situações diversas envolvendo duas pessoas em conflito.

Vamos agora aos exemplos de uso para que tudo fique mais claro e vocês aprendam a utilizar mais esta idiom muito interessante. Confiram a seguir:

  • She may want to argue, but it takes two to tango and I won’t stoop to her level. [Ela pode querer discutir, mas quando um não quer, dois não brigam e eu não vou me rebaixar ao nível dela.]
  • Remember: it takes two to tango. [Lembre-se: quando um não quer, dois não brigam.]
  • But as Mom always said, “It takes two to tango.” [Mas como a mamãe sempre dizia, “quando um não quer, dois não brigam.”]
  • It takes two to tango. Both are equally to blame. [Quando um não quer, dois não brigam. Os dois são igualmente culpados.]

Outra expressão usada na mesma situação é “it takes two to make a quarrel.” Porém, confesso que a tenho visto muito menos do que “it takes two to tango“. Vamos ao exemplo de uso:

Jane: I think Anna ought to apologize for arguing with me. [Jane: Eu acho que a Anna deveria se desculpar por discutir comigo.]
Mother: It takes two to make a quarrel, dear. Maybe you ought to apologize to her. [Mãe: Quando um não quer, dois não brigam, querida. Talvez você deva se desculpar com ela.]

Bom, pessoal, acho que por hoje é só.

Bons estudos e até a próxima.

Aplicativo para Ampliar o Vocabulário

Você tem dificuldade para se lembrar das palavras, phrasal verbs e expressões em inglês? Conheça o "Meu Vocabulário: Um aplicativo para ampliar o seu vocabulário em inglês" e veja como nossa equipe resolveu esse problema definitivamente.

Receba mais dicas de inglês como esta por E-mail, Twitter, RSS feed ou Facebook.

12.jpg

Donay Mendonça

Donay Mendonça é professor de inglês com anos de experiência no ensino de idiomas para jovens. Além de colaborar com artigos ele ainda é moderador do Fórum do English Experts.

12 comentários

  • 11/03/13  
    Marco diz: 1

    Gostei, mais uma frase para meu vocabulário.
    Obrigado, Donay!

    • 12/03/13  
      Donay Mendonça diz:

      Marco,

      Obrigado pelo comentário. Continue participando.

      Abraços,

  • 11/03/13  
    Nancy diz: 2

    My sister-in -law likes to argue about religion, but I will not go to lost my precious time with her. It takes two tango.

    Please,correct me if my consruction is wrong.

    • 12/03/13  
      Donay Mendonça diz:

      Nancy,

      Sugestão de correção:

      ”My sister-in-law likes to argue about religion, but I don’t waste my precious time with her. It takes two to tango.”

      Regards,

  • 11/03/13  
    João B. L. Ghizoni diz: 3

    A expressão equivalente a esse provérbio que eu conhecia era “It takes two to make a fight”.

    • 12/03/13  
      Donay Mendonça diz:

      João,

      Obrigado pela participação.

      Abs,

  • 12/03/13  
    Kassio diz: 4

    Eu tambem conhecia a expressão “It takes two to make a fight”. Mas “It takes two to tango com certeza vai para o meu vocabulário eternamente em construção! *tentando filosofar -qn*

  • 13/03/13  
    Nilza diz: 5

    Gostei da explicação, eu faria igual ou similar. Eu só queria compartilhar o que sei mas nunca deu certo. Eu moro aqui nos Estados Unidos ha 30 anos e sei bem o que tive que fazer pra aprender a língua o mais rápido possivel; consegui. Em 1 ano eu fui capaz de muita aventura, a principal foi fazer faculdade aqui e entender tudo que eu ouvia, alem de falar. Ha uma boa diferença entre entender e falar uma língua. Eu nao deixei por menos, queria aprender a qualquer custo e foi isso que aconteceu. Detesto coisas “mais ou menos”, pra mim é tudo ou nada pra maioria das coisas kkkk
    How can I help you? Talking about English Expert, I am having fun with English from England, sometimes it’s so different and cute! I will end up learning one more English kkkkkk
    tch!!

    • 13/03/13  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Nilza,

      Muito obrigado por compartilhar conosco a sua experiência com o idioma. Espero ver você participando mais aqui da nossa comunidade. Acho que você tem muita vivência do idioma pra compartilhar. Considere participar do nosso fórum: http://www.englishexperts.com.br/forum/

      Abraços,

  • 13/03/13  
    Stan diz: 6

    expressões idiomáticas… sempre um tema complexo numa língua estrangeira moderna…
    obrigada pelos esclarecimentos e pela força Donay…
    take care!!!

  • 16/03/13  
    Nancy diz: 7

    Donay,
    Thank you so much for correction of my sentence.
    Regards

  • 16/03/13  
    Donay Mendonça diz: 8

    Pessoal,

    Obrigado a todos pelas participações.

    Abraços,