English Podcast 39: Reprogramando a mente para falar inglês

Olá, amigos do English Experts! Você que estuda inglês há algum tempo já deve ter percebido que a linha de raciocínio de quem fala outro idioma é diferente. Aprender apenas vocabulário e pronúncia não é o bastante para falar inglês com fluência, é necessário reprogramar nossa mente para pensar diferente. Hoje o colaborador Daniel Bonatti (criador da imersão LivEnglish) vai te ajudar a desvendar um pouco do idioma inglês com dicas imperdíveis. I hope you like it!

English Podcast 39 banner

Prepare o seu headset, aperte play e divirta-se.

Ouvir o English Podcast

Links discutidos no podcast

Programas Anteriores

Arquivo do English Podcast

Assine no iTunes

English Podcast no iTunes

Sugestões, críticas e elogios

Envie sugestões, críticas e elogios nos comentários.

Receba mais dicas de inglês como esta por E-mail, Twitter, RSS feed ou Facebook.

34.jpg

Alessandro Brandão

Alessandro Brandão é coordenador caseiro do English Experts e do Fórum de idiomas. Trabalha também em projetos na área de Comércio Eletrônico e Ensino a Distância (EaD).

39 comentários

  • 16/10/13  
    Diego diz: 1

    Olá, pessoal do EE. Parabéns por mais um super podcast, dica de grande utilidade. Tenho alguns exemplos que extrai do livro Macro English – Iran P. Boone. Acho que existe alguma relação entre os assuntos.

    Ex.:
    Nativo: There is a book on the table.
    Outras Línguas: A book is on the table.
    Nativo: It is lucky for you to get the ticket.
    Outras línguas: You are lucky to buy the ticket.

    Abraços.

  • 16/10/13  
    Paulo Henrique Novaiss diz: 2

    Parabéns, eu gostei muito deste podcast!
    Eu assisto uma série com o inglês britânico e eu percebi que eles seguem a mesma estrutura do “i think”, eles falam “i don’t think so” para “eu acho que não” , já em muitos cursos eu sempre aprendo o seguinte ” I think not” , quando posso usar essas frasas? Há alguma diferença?

  • 16/10/13  
    Cllaro diz: 3

    Muita bacana as dicas.

  • 16/10/13  
    Cleber diz: 4

    Grande pod cast! Este é um dos problemas mais crônicos do meu aprendizado
    Eu me perco “violentamente” tanto pra entender, quanto na hora de formular uma frase, por causa desse modo como o inglês funciona
    As palavras estão lá, todas compreensíveis, mas na hora de converter na cabeça a coisa da um nó!
    Acho que só vai ficar bom pra mim quando eu estiver na instância superior dos elevados seres que conseguem pensar em inglês.
    Então, por enquanto VALEU PELAS DICAS!!! UM ÓTIMO PODCAST!!

  • 16/10/13  
    fernando diz: 5

    Um exemplo que por vezes dá em erro de interpretação “The Queen Elizabeth has 4 sons” (uma pessoa que fala português iria perceber com facilidade porque na nossa língua a palavra filhos tanto pode ser do sexo feminino com masculino, mas uma pessoa inglesa entendia com sendo apenas pessoas do sexo masculino. A frase correta era “The The Queen Elizabeth has 4 children ” porque eu quis dizer que a rainha tem 3 filhos e 1 filha, e para smplificar a frase tem se utilizar children e não sons.

  • 16/10/13  
    Gediel da Silva diz: 6

    Muito bom o PodCast… Parabéns!
    Estou acompanhando o English Experts há algum tempo e posso dizer que meu inglês tem melhorando muito!
    Continuem com esse ótimo trabalho que estão realizando, no qual é muito útil para muitas pessoas que quem sabe não têm condições de pagar um curso de inglês.
    Sou iniciante e espero aprender muito no EE, e em 10 ou mais anos estar fluente, como diz o post do Alessandro ‘hehehehe
    Obrigado por mais este podcast e pela dedicação de toda equipe que está envolvida neste projeto.
    Abração!

  • 16/10/13  
    Valdelino diz: 7

    Me desligar totalmente o português isso que tento fazer quando estou estudando ingles , o que é muito dificil porque eu acordo pensando em português as pessoas não falam comigo em ingles mas eu tento pensar o maximo em ingles no meu dia . Podcast mais que da hora.

  • 16/10/13  
    lordtux diz: 8

    Oi Alessandro, muito bom o podcast, como sugestão para entrevista eu sugiro o walther hermann autor do livro domesticando o ladrão, ele aborda bem essa parte de reprogramar a mente, sugiro muito, vc vai adorar o tema dele, aborda bem essa parte de usar o potencial natural do cérebro para aprender com mais naturalidade, fluência e rapidez mas é um autor que não vejo ser muito comentado. Vai valer a pena. Recomendo muito o livro dele também.

    • 17/10/13  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi lordtux,

      O Walther já está na minha programação aqui. Li o livro em 2005 e me ajudou bastante, foi inclusive inspiração para a criação do EE.

      Abs,

  • 17/10/13  
    Lílian diz: 9

    Adorei o post, parabéns!

  • 18/10/13  
    Benjamin diz: 10

    Boa noite pessoal. Só tenho a agradecer por mais este podcast. Eu tenho acompanhado o EE há uns 4 meses, desde quando comecei estudar inglês de verdade. As dicas dos podcasts tem me ajudado bastante. Tenho 20 anos e sou da area de TI, como voce Alessandro, mas o ingles está me contagiando de tal forma que começo a repensar sobre minha carreira, é algo que gosto de verdade.
    Abraços e parabens :)

    • 18/10/13  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Benjamin,

      Acho que as duas áreas caminham praticamente juntas, pelo menos é o que acontece comigo. Não precisa largar a área de TI, use o inglês como ferramenta para evoluir na sua profissão.

      Obrigado pelo comentário e sucesso aí nos estudos!

  • 18/10/13  
    Sérgio Czajkowski diz: 11

    Excelente Trabalho que acompanho há certo tempo e através do qual já aprendi muito, mesmo estando com mais de 60 anos. Sabe-se que é muito importante também assimilar a cultura do povo que utiliza o idioma que desejamos aprender, como enfatiza o Michael A. Jacobs em sua obra “Como não aprender inglês”, autor e obra já referenciados há um certo tempo através de seu Blog (21/11/2006). PARABÉNS !

    • 19/10/13  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Sérgio,

      A idade cronológica é irrelevante, o que importa é a idade do seu cérebro. Temos sempre que buscar exercitar o cérebro para mantê-lo sempre jovem e ativo. Pelo seu comentário você tem conseguido isso.

      Enjoy your studies!

  • 18/10/13  
    Jonas diz: 12

    voces tem esse podcast no itunes??

  • 19/10/13  
    Adriana diz: 13

    Olá pessoal do EE, gostaria de prestigiar o grande trabalho de vcs. Este podcast foi muito bom, como os outros. Eu AMO os podcasts para ouvir durante o transito, caminhando, limpando a casa…Através do EE, outras varias portas da lingua Inglesa e aprendizagem foram abertas. Eu apaixonada por este mundo do conhecimento. Realmente um trabalho de conteúdo. Keep up with it!!!

    • 19/10/13  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Adriana,

      Fico feliz que conteúdo esteja sendo útil.

      Enjoy your studies!

  • 20/10/13  
    Gilberto Lúcio diz: 14

    Mais um excelente trabalho! O Bonatti da um show a parte nos comentários dele nos podcasts. Parabéns a todos os envolvidos. Vocês são show! Abraços!

  • 20/10/13  
    Loi diz: 15

    Oi Alessandro,
    “Cada vez mais cada vez hein!” Ótimas as dicas deste podcast . O Daniel é muito didático né…. Só uma observação, em cidades grandes como São Paulo Rio, as pessoas estão acostumadas a se orientarem pelos pontos cardeais sim. Por exemplo a pessoa diz que mora na Zona leste, ou que tal shopping fica na Zona norte e assim por diante. Talvez até nem tenha noção exata dos pontos cardeais mesmo assim já incorporam esse tipo de informação.

  • 21/10/13  
    Caroline Pinheiro Kotowiski diz: 16

    Essas dicas do Daniel são realmente valiosas! É o tipo de coisa que a gente não aprende com um nativo da língua inglesa, pelo simples fato de eles não conhecerem os pormenores da lingua portuguesa e por isso não tem condições de comparar. E muitas vezes comparar é o que falta pra aprendizagem se consolidar. I don’t think I will live without this website!!! hahaha… Thank you so much!

  • 22/10/13  
    Julio Cesar diz: 17

    I’m fan of this great Forum and I’m so thankful for all I’ve learnt on here. But I’d like to confirm What you’ve said about the correct way to tell one’s age, using the verb to be, of course. For example: you are old, you are young. We can’t say, We have old, We have young. Then, When I say, I’m thirty one years old. I’m getting older, right? Do you agree with me? I’ve explained to my students this way and They understood better.

  • 22/10/13  
    Arthur Soares diz: 18

    Ouvi falar do podcast ontem.
    Esse é o primeiro episódio (posso chamar de episódio?) que escuto e achei muito bom.
    Parabéns!

    • 22/10/13  
      Arthur Soares diz:

      escutei*

    • 23/10/13  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Arthur,

      Você conheceu o podcast por indicação?

      Seja bem-vindo ao English Experts.

    • 10/11/13  
      Arthur Soares diz:

      Sim, eu estava voltando de um evento de universidades britânicas com um amigo e ele me indicou o podcast de vocês :D

  • 23/10/13  
    Deliomar diz: 19

    Muito didático, gosto muito de ouvir os podcasts, acompanho sempre no meu ipod
    abcs e continue cada vez melhor

  • 27/10/13  
    marinilva F. Dequique diz: 20

    As dicas são boas, gostaria de ouvir listen curtos, penso que isso nos ajudaria a praticar mais nosso inglês. Um abraço e parabéns a vocês.
    Marinilva

  • 28/10/13  
    Elizângela diz: 21

    Obrigada pelo grande trabalho, e isso vai me ajudar muito! Thank you ;)

  • 05/11/13  
    Marcelo diz: 22

    Bem legal o tópico. É realmente interessante pensar nas diferentes maneiras de pensar de cada língua.

    Em português falamos 6 e meia, indicando que passaram 30 minutos das 6 horas.

    Em alemão se fala “halb sieben”, indicando que faltam 30 minutos para as 7 horas.

    • 05/11/13  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Marcelo,

      Gostei da curiosidade, muito obrigado por compartilhar.

      Você domina o idioma Alemão?

  • 09/11/13  
    David diz: 23

    Adorei a entrevista. Adorei a iniciativa do podcast. Gostaria que durasse mais, pois foi um aprendizado gostoso, natural.

  • 13/11/13  
    Sonia Fiorine diz: 24

    Bom dia, Alessandro

    Ouvi o podcast Reprogramando a mente para falar inglês, e nela você falar sobre deixar comentários no Itunes, gostaria muito que você me indicasse o passo a passo de como deixar minha opinião lá, desde já agradeço a atenção.

    Estou curtindo muito o site e recomendando a todos os meus amigos.

    Sds. Sônia Fiorine

    • 13/11/13  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Sônia,

      Só faz sentido se você usa o iTunes para ouvir os podcasts, fora isso seria muito complicado você fazer todo o processo só para deixar a avaliação.

      Você usa o iTunes?

      Obrigado pelo comentário.

  • 13/11/13  
    Sonia Fiorine diz: 25

    Olá, Alessandro

    Eu baixei o aplicativo do Itunes para ouvir podcast, como devo fazer para deixar o meu comentário?
    A propósito apreciei bastante as Dicas valiosas do Daniel, só fiquei com uma dúvida de como escrever em inglês a frase : Eu não acho que isso vai funcionar, a qual ele citou na segunda dica.
    Agradeço desde já sua atenção.

    Sds. Sônia Fiorine

  • 17/11/13  
    fabiao diz: 26

    Tenho adorado todas as dicas. Mandem sempre!