English Podcast 44: “Aprenda-me” inglês

Olá, amigos do English Experts! Depois de um tempo sem novos programas, estamos de volta. E para começar a temporada 2014 Adir Ferreira, Ana Luiza e eu conversamos sobre a atitude e o comportamento que quem estuda idiomas deve ter. Quem é o responsável pelo aprendizado, o professor ou o aluno? Quem paga pode exigir aprendizado? Respondemos essas e outras questões no programa de hoje. I hope you like it!

Prepare o seu headset, aperte play e divirta-se.

Ouvir o English Podcast

Links discutidos no podcast

Programas Anteriores

Arquivo do English Podcast

Assine no iTunes

English Podcast no iTunes

Sugestões, críticas e elogios

Envie sugestões, críticas e elogios nos comentários.

Receba mais dicas de inglês como esta por E-mail, Twitter, RSS feed ou Facebook.

34.jpg

Alessandro Brandão

Alessandro Brandão é coordenador caseiro do English Experts e do Fórum de idiomas. Trabalha também em projetos na área de Comércio Eletrônico e Ensino a Distância (EaD).

72 comentários

  • 13/08/14  
    Bruno Motta diz: 1

    Eu relaciono o estudo do Inglês a um instrumento musical.
    Se você não treinar em casa, não fizer os exercícios, não vai conseguir tocar a música, quiçá fazer um show.

  • 13/08/14  
    Marcos diz: 2

    I’m very glad to know the Podcasts are back. :)

    I totally agree, the teachers are not able to do miracles when it comes about the learning process, thus the students have to do their part as well, otherwise there will be no progress at all. So, as the reference in the podcast, they have to take the red pill in order to see how deep the rabbit hole goes, lol.

    Congratulations on this great project!
    Take care.

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Hi Marcos,

      Remember, all I’m offering is the truth — nothing more. Follow me… ;-)

      Thank you for the comment!

  • 13/08/14  
    Jonata fontela diz: 3

    Hi everyone! I’m so happy you guys are back!!!I was dying to listen to a new episode!
    Well, I agree that learning English depends only on me,my English course is good but it’s not that great so I do a lot on my own :D
    ..and i didn’t know that Alessandro had moved to London,congrats!hahahahahahahahaahaha :D

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Hi Jonata,

      I was just kidding. I didn’t move to London. ;-)

  • 13/08/14  
    Vinicius diz: 4

    Que boa notícia!

  • 13/08/14  
    Carlos Regis diz: 5

    Adoro os podcasts do EE, sempre me ajundam demais.
    E também mudou a minha percepção de lidar com a língua Inglesa.
    A forma de estudar mudou totalmente, já se tornou um hábito, agora aprendo inglês naturalmente dia após dia sem pressa com mais paciência.
    Todos do EnglishExperts estão de Parabéns continuem assim.

    • 13/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Hi Carlos,

      Fico muito feliz quando leio comentários como o seu.
      A palavra “hábito” em seu comentário mostra que você captou o “segredo” dos experts.

      Obrigado pelo comentário and keep up the good work!

  • 13/08/14  
    MARIO COHEN diz: 6

    Os podcasts voltaram!!! \o/

    • 13/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Yessss!!! ;-)

  • 13/08/14  
    VALDELINOP diz: 7

    Posso dizer que não senti muitas saudades rsr pois fiquei o período de ferias completo revisando todos os pods varias vezes nem cheguei no final ainda e já tive essa surpresa quentinha ansioso para ouvir . De volta as atividades boa sorte que o EE que recomendo nas minhas aulas ALCANCE 20000000000000000000

    • 15/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Obrigado pelo apoio!

  • 13/08/14  
    Igor Mascarenhas diz: 8

    Que legal que voltaram a produzir o podcast. E na realidade este é o primeiro que escuto e gostei bastante do bate-papo. Do assunto abordado, eu enquanto professor recem formado e no começo de carreira, achei fundamental as experiências partilhadas. Enquanto sugestão eu gostaria de opniar sobre a transição com o diálogo do chaves, foi legal na primeira vez que tocou mas durante o podcast cansou e eu adiante todas as vezes seguintes que tocou e em alguns momentos perdi alguns segundos do cast. Acredito que se fosse o trecho da vinheta de abertura ou algum outro instrumental seria menos cansativo. De qualquer forma assim como o site o podcast está com um ótimo conteúdo. Abraços

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Igor,

      As transições geralmente são mais curtas, nesse aí eu exagerei mesmo. Ouça os podcasts antigos, você vai perceber que a transição é bem mais curta.

      Obrigado pela sugestão!

      Abraços,

  • 13/08/14  
    luci silva diz: 9

    Thanks a million. I would like to win your e-book.these materials are wonderful and useful.

    Thanks

  • 13/08/14  
    sandrom diz: 10

    Alessandro, Adir and Ana Luiza,

    First of all, congratulations for one more amazing podcast. The subject, as always, is crucial for learning English. I totally agree with the points showed in this nice conversation. The students have to be the main player on the course of learning while teachers or schools just appears as a guide.

    And, please, keep the podcasts on air. They are inspiring.

    Take care!

    Sandro

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Hi Sandro,

      We will keep up this work.

      Thank you for the comment.

  • 13/08/14  
    roberson diz: 11

    Gostei do podcast. O que foi dito é a mais pura verdade. Tem muita escola ou pessoas prometendo inglês fluente em semanas ou ano etc. Eu fiz inglês e decidi parar, pois não vi vantagem em continuar, aprendi sim, mas não como eu quero. Conversei ou seja, tive uma aula grátis com professor particular que não mora no brasil e fiquei fascinado com método, o que me chamou atenção foi que ele não prometeu pra tempo pra aprender, disse que depende de mim do tempo etc. Sempre leio EE em busca de dicas, alias dicas essas que recebo no e-mail. Eu vou em busca do prejuízo e vou aprender.

    Great podcast.

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      É isso aí! Não dá para prometer fluência em X tempo.

      Obrigado pelo comentário!

  • 13/08/14  
    Saulo diz: 12

    Ótima surpresa! Um novo podcast.
    No meu entendimento, aprender inglês e “exercise at the gym” (este último muito bem explicado por Donay Mendonça em 28/07/2014) depende muito do aluno.
    Interesse, dedicação, comprometimento, etc., são fundamentais.
    Ouvindo o podcast me lembrei de uma música do Zé Ramalho ( …Se fosse fácil todo mundo era ….Se fosse muito todo mundo tinha…Se fosse claro todo mundo via.)
    Parabéns ao “ENGLISHEXPERTS” pelo excelente conteúdo disponibilizado no site.
    Saulo de oliveira

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Saulo,

      Excelente referência. Obrigado pelo comentário.

      Abs,

  • 13/08/14  
    Rogerio Manao diz: 13

    Obrigado Alessandro Brandão pelo EE. Estudo inglês todos os dias. A primeira coisa que faço pela manhã é consultar meus e-mais e conferir as dicas que recebo. Não consigo ficar sem. Ótimas dicas. Thanks a lot.

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Rogerio,

      Obrigado por acompanhar a nossa News.

  • 13/08/14  
    Elisama Lucena diz: 14

    É questão de exercitar mesmo. A maioria do pessoal é preguiçoso. Eu mesma, ultimamente, tenho estado assim, e sei que já perdi de aprender muita coisa.

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Elisama,

      Há momentos de desânimo mesmo, comigo também acontece, é normal!
      O importante é não desistir.

      Enjoy your studies!

  • 13/08/14  
    Douglas diz: 15

    Que bom que os podcasts voltaram.
    Sempre me ajudaram muito.

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      \o/
      Obrigado pelo comentário!

  • 14/08/14  
    Veronildo Araújo diz: 16

    Todos os dias quando abria o meu e-mail esperava ver o aviso de mais um podcast, pois sou fã do programa e tenho aprendido muito com todos vocês, obrigado pela volta e saibam que o trabalho de vocês é muito importante pra muita gente. Parabéns e Deus abençõe a todos.

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Veronildo,

      Muito obrigado por ouvir o nosso podcast.

      Abs,

  • 14/08/14  
    Paulo Batista diz: 17

    Parabéns pelo programa, estava sentindo falta do podcast em 2014, foi muito bom mesmo. Espero que façam mais, é fantástico. Sucesso aos 3 participantes e Alessandro, aproveite bastante sua viagem, Londres é maravilhoso. Valeu.

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Paulo,

      Na verdade eu não estou em Londres, foi uma brincadeira durante o programa. Perceba que nós trocamos as nossas cidades para ver se os ouvintes iriam perceber. Nos últimos 10 segundos do áudio eu faço uma referência a isso. ;-)

      Obrigado pelo comentário!

  • 14/08/14  
    Marcos Rodrigo da Silva diz: 18

    Sempre muito bom os podcasts de vocês.
    Sobre os assunto abordados vou falar por mim,
    Tenho 33 anos, faço Inglês desde os meus 16 anos (corrigindo – frequentava aula e fazia as lições que meus professores indicavam, minhas aulas sempre foram altas, mas meu inglês sempre foi e ainda é muito fraco) comecei e desisti cursos varias e varias vezes, e como vocês falaram eu achava que só frequentar as aulas ja bastaria para se aprender alguma coisa, essa cultura eu carrego erroneamente desde meu primário. Como a Ana Falou em um de seus podcast sobre Listening, ingles não é dificil, na verdade é muito simples, na verdade nem esforço(sacrifiio) para aprender é necessário,na verdade o que se precisa é dedicação, pratica, diaria nas 4 habilidades (leitura e escuta, escrita e fala). Das pessoas que eu conheço que falam ingles aprenderam a grande maioria do conteudo do que conhecem da lingua, se divertindo, escutando musica, jogando video game, tentando ler algo interessante em ingles, paquerando uma estrangeira via skype, entre outras coisas. e mesmo participando de cursos ou contratando professores, esses serviram mais como uma ajuda do que como base do ensino. Creio que no aprendizado de uma lingua até a osmose é valida, de tanto que se está em contato com ingles, mesmo que não com a atenção total, ele vai se incomporando ao cerebro, mas se pensar que so pela osmose irá aprender creio que é muita inocencia, uma parte do seu dia voce tem que se concentrar no que ta aprendendo. Digo tudo isso por que mudei um pouco meu jeito de tratar o ingles. Comprei um e-reader e leio todo dia um pouco, assuntos do meu interesse, e eu percebo como a fluencia, pelo menos na leitura está 200% melhor, aposto se eu fizesse isso no Listening, writting, e speaking também estariam.

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Marcos,

      Existe muito a cultura do estudar inglês, mas poucas pessoas focam em usar o idioma. Não adianta apenas estudar se não houver uma aplicação do conhecimento. Tente fazer uso do idioma com coisas de seu interesse, eu faço isso todos os dias e é muito eficaz.

      Sucesso!

  • 14/08/14  
    Tanise Carvalho diz: 19

    Excelente surpresa, estava com saudades dos podcasts, e como sempre estava ótimo. Muito obrigada Alessandro, Ana e Adir, as dicas de vocês são incríveis e funcionam mesmo. Depois que comecei a dedicar mais tempo ao listening, em poucos meses eu senti que meu inglês evoluiu muito, passei de podcasts de ESL para podcasts sobre as séries que assisto, podcasts de entrevistas. E o melhor de tudo foi que esse ano tive a oportunidade de conversar com americanos e britânicos cara-a-cara e a conversa fluiu normalmente, lembro que estava conversando com um dos britânicos e do nada ele me disse: “Your English is great”, minha reação foi: “Really??” hahaha sei que muito disso vem de todas as dicas que peguei e continuo pegando aqui no EE, THANK YOU! Por isso estou sempre indicando EE, o site do Adir e o da Ana pra todo mundo. Já aguardando o próximo podcast :)

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Tanise,

      Que depoimento bacana.

      Obrigado pelo comentário and stay tuned!

  • 14/08/14  
    Leandro diz: 20

    Que bom que vcs voltaram!!!!

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      ;-)

  • 14/08/14  
    Marcius Vinicius diz: 21

    Fico muito empolgado pela volta, realmente esperava bastante por isso. Amo as dicas postadas no EE e sempre que posso curto ou leio algum artigo do blog. Adoro você, Alessandro e o Adir Ferreira que é meu professor ^^. Espero que sempre continue a turbinar nosso inglês fornecendo um material de qualidade como esse.

    Abração e sucesso,

    Marcius Vinicius.

    • 14/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Muito obrigado, Marcius.

      Abração,

  • 14/08/14  
    Denis Gamero diz: 22

    Yeah! They’re back \o/

    Just to give a boost in my studies =)

  • 14/08/14  
    Anderson diz: 23

    Que ótimo que vocês voltaram com os podcast.
    É muito importante esse trabalhado de todos vocês, as opiniões de cada um ajuda muito aqueles alunos que estão aprendendo “como eu” ou que já aprenderam inglês. Muitas vezes alguns alunos se sentem totalmente perdidos mas vocês fazem enxergar que há outros caminhos. Alguns alunos acreditam somente naquela instituição onde temos que frequentar duas vezes por semana e ficar só focado naquele mesmo mecanismo por anos. Aqui temos a oportunidade de aprender muito, mas muito mesmo com as dicas de todos vocês, dicas das quais em muitas escolas, ou melhor, que muitos professores não poderão dar por que devem que seguir a metodologia da escola. Estudo inglês há dois anos e meio e o ano que vem estarei no nível avançado completando 3 anos e já estou começando a fazer um balaço sobre meu aprendizado pois a pior coisa é alguém ouvir o que o Adir disse ” Estudei 5 anos inglês e não consigo falar” triste escutar isso de alguém mas uma coisa eu sei, minha parte está sendo feita como aluno estudo muito em casa acredito que falo mais inglês em casa do que em sala de aula devido a metodologia da escola e perceber que alunos da turma não estão muito interessado em aprender de verdade ou ficar só focado nos livros da escola.
    Como foi dito, a escola e o professor nos ensinam um caminhado basta cada aluno fazer sua parte, se dedicar ao máximo fora da escola só assim conseguiremos ótimos resultados.
    Por favor não parem com esse trabalho!!!

    Mas uma vez Parabéns pelo excelente site.

    e continuem nos ajudando. Please rsrs….

    • 15/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Anderson,

      Nós tentamos abordar as melhores práticas para um bom aprendizado. Nem sempre isso é possível dentro de uma sala de aula, por conta do tempo e, alguns casos, falta de interesse por parte da instituição.

      Obrigado por ouvir o English Podcast e bons estudos!

  • 14/08/14  
    Edgar Henrique diz: 24

    Muito bom este podcast! Vocês disseram tudo! Acho que o que mais conta no aprendizado é o interesse do aluno e ele que tem que correr atrás. Acredito que mesmo estando em um curso ruim, muitas vezes por condições financeiras, ele busca meios de aprender e de se superar, tornando se muitas vezes mais fluente que aquele que está num curso de qualidade. Parabéns por este podcast!

    • 15/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Edgar,

      Obrigado pelo comentário.

  • 15/08/14  
    Anna Carolina diz: 25

    Que bom que os podcasts voltaram, tava com saudade deles.
    Eu dou aula atualmente mais para adultos, e volta e maia tiro uns pedaços da minha aula para conversar com a turma para ver se eles saem da passividade e se tornam alunos pró-ativos. Fico muito feliz quando alguém entende e começa a mudar suas atitudes um pouquinho que seja.
    Estes dias comecei com um aluno particular novo que me disse que queria melhorar a conversação. Daí disse a ele que iria fazer um pequeno teste de nível oral para eu sentir como ele estava antes de começarmos as aulas. Ele pegou o material antigo do curso dele e foi estudar de novo os conteúdos. Daí ele me ligou dizendo que ele também precisaria de um reforço de gramática, pois ele descobriu que só estudou pra passar nas provas e não estava sabendo usar as estruturas gramaticais em conjunto corretamente. Ele já era um aluno bem esforçado, mas foi só eu dar um empurrãozinho na sua pró-atividade que ele percebeu que ainda podia fazer melhor.
    Grande abraço a vcs!

    • 15/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Anna,

      Parabéns por essa sua visão. Não é todo professor que tem esse interesse em conversar e incentivar os alunos.

      Sucesso aí nas aulas!

  • 15/08/14  
    Wendell Ferreira diz: 26

    I’m so glad you guys are back! =)

    • 15/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Thank you!

  • 17/08/14  
    Astolfo diz: 27

    Nossa… que legal! Estamos em agosto e começou a temporada 2014! Isso aí, nunca é tarde! Quem disse que o ano começa depois do Carnaval mesmo?

    • 18/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Aqui o ano começa Agosto – do editor ;-)

      Abs,

  • 17/08/14  
    Willian Rochadel diz: 28

    Galera!
    Muito obrigado por terem voltado! Fizeram falta demais.
    Força aí.
    Abraços!

  • 17/08/14  
    Igor Gudima diz: 29

    Olá pessoal e excelente episódio! Muito bom que vocês voltaram! Acho muito importante mostrar que a responsabilidade é de quem aprende também.

    Abraços!

    • 18/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Olá Igor,

      Parabéns pelo Mundo Podcast. Já conhecia o programa de vocês, se não me engano, por indicação do Café Brasil.

      Obrigado pelo comentário!

  • 18/08/14  
    Talita diz: 30

    Olá, eu realmente amo o podcast de vocês, recentemente fiquei conhecendo este trabalho agora não paro de ouvir, pois me ajuda muito quando estou assistindo series americanas, também não sabia onde colocar pergunta, por isso estou colocando aqui, prof. Adir pode explicar quando usar o “not”, “don’t” e no? Qual a diferença do três sem considerar a grafia?

  • 19/08/14  
    Daniela diz: 31

    Esse podcast é ótimo,mas aquela vinheta do chaves é insuportáaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaavel. Poutz revê isso, é realmente necessário aquela repetição? Causa um incomodo, é um ruído terrível.

    • 19/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Daniela,

      Obrigado pela crítica. Vou observar isso nas próximas edições.

      Abraços,

  • 19/08/14  
    Leandro diz: 32

    Esse podcast é ótimo, muito bom mesmo vocês todos estão de Parabéns Continuem sempre assim.

  • 20/08/14  
    Thiago diz: 33

    Venho acompanhando os podcast a muito tempo e só tenho motivos para agradecer, obrigado.

    Nesse podcast foi comentado algo que normalmente tenho dúvidas, modos de praticar o output, quais a maneiras que vocês utilizaram e que viram pelas experiências que possuem como instrutores de inglês que geram melhores resultados.

    Mais uma vez obrigado.

    • 20/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Thiago,

      Obrigado por acompanhar o nosso trabalho.

      Bons estudos!

  • 20/08/14  
    FrankCastle diz: 34

    Olá pessoal!

    Bem vindos de volta!

    Estudei por conta durante alguns anos, aprendendo com vídeo game e sites como Livemocha. No primeiro semestre de 2014 fiz um curso presencial, nível Intermediário 2 (o próximo nível seria Avançado). Foi uma ótima experiência, sobretudo por ter até apresentado seminário, que me fez melhorar muito.

    Porém, resolvi não prosseguir, pois minha grande deficiência no decorrer das aulas foi a parte da Gramática. Nos meus estudos e métodos, não tinha nenhum com matéria de gramática, era sempre aprendida por contexto. Lá, era bem puxado, exatamente como aquelas aulas de Português com Análise Sintática. Não vou dizer que é um método ruim, mas eu me senti prejudicado pela falta de bagagem neste quesito. Já em vocabulário e compreensão, eu ia até bem. Minha professora questionou minha decisão em não continuar, disse que eu estava bem, mas sei que empurrei muito com a barriga, se tivesse me dedicado mais nas lições de casa, quem sabe…

    De momento, estou sem estudar nenhum método. Mas tentando ler livros em inglês, ouvindo podcasts e agora com a volta do English Experts, a tendência é melhorar e quem sabe focar num método específico :-)

    • 21/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Frank,

      Sucesso aí no desafio de aprimorar o seu inglês.
      Estamos aqui a disposição para ajudar.

      Abs,

  • 21/08/14  
    Vitor Hugo diz: 35

    Como eu estava com saudades dos podcast!

    Muito obrigado pelo retorno! (Welcome back)

  • 25/08/14  
    Vagner Carneiro PE diz: 36

    Gente vocês estão Realmente, Os “Experts”. Ah uma semana comecei a baixar os Podcasts, e hoje não consigo sair de casa sem ter “pelo menos” 1 podcast pra escutar durante o Dia!. Adoro ouvir esse trio!, espero que o numero de podcasts Duplique! aliás triplique!!!
    Pra deixar claro, Vocês são nossos Heroes, do inglês!. ^^ claro ñ esqueço tio Denilso! Hugs! much success, and all the best to you guys!

  • 25/08/14  
    Vagner Carneiro PE diz: 37

    Alô Experts, Lembro Adiar falando: viajar para exterior não da Fluência, e agora estou sentido que se eu não usar meu tempo de maneira lucrativa, vou acabar confirmando oque Adiar falou rsrsrs lá em um dos primeiros Podcasts. I Intercambio de 5 meses, já se passou 1 mês. peço-lhes alguma dica, para aproveitar ainda + essa oportunidade que conquistei . Estou em NEW NEALAND. by my government project.
    Ja estou no podcast number 20, e se houver algum outro podcast a frente, relacionado com a tal pedido, peço-lhe que me passe o link.
    Thanks

  • 25/08/14  
    Sergio diz: 38

    Minha única sugestão – para um dez com louvor aos podcasts – e que eles sejam falados em Inglês.
    Entendo que grande parte dos seguidores do English Experts ainda podem estar no nível elementar – o que poderia explicar o áudio em Português.
    Todavia, e ressabido que ninguém se torna fluente em Inglês sem constante exposição ao idioma, através de muito listening and Reading – in English, of course!

    • 25/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Sérgio,

      Muito boa sugestão. Já estou trabalhando em algumas pautas em inglês.

      Obrigado pelo comentário!

  • 26/08/14  
    Juliana diz: 39

    Olá,

    Achei bem interessante o que o Adir Ferreira frisou sobre o conteúdo de estudo. Ele tocou num assunto que eu questionei muito na aula de inglês que eu fazia. Começamos com um material bom e isso se estendeu até o terceiro livro, quando chegou no quarto livro o conteúdo era totalmente diferente, muito mais técnico e formal. A escola me informou que era uma metodologia anterior a que eu tinha entrado ou seja mais antiga e que no nível que eu estava eles ainda não tinha material substituto. Faltava só um ano para que eu concluísse o curso, não tive coragem de mudar depois de ter chegado tão longe. Mas senti um grande vazio com tudo que tinha aprendido até então e fiquei decepcionada com o final. No meu ponto de vista é muito melhor saber falar um inglês básico fluente do que ficar aprendendo conteúdo que não acrescenta em nada no cotidiano.

    • 30/08/14  
      Livonor diz:

      Falou tudo! Tá cheio de curso por aí falando da world health organization e afins pra um bando de alunos que não consegue nem pedi um churros e conjugar um verbo direito, mastering is mastering the basics!

    • 30/08/14  
      Livonor diz:

      Falando sério, esse devia ser o próximo tema do podcast, se eu fosse dono de uma escola eu pegava as 2000 palavras mais comuns do Inglês mais toda a gramática usada em conversas do dia a dia e martelava elas na cabeça dos alunos até entrar nem que eu levasse o curso inteiro pra fazer isso, mais a maioria dos cursos gosta mesmo é de passar direto pra outro nível de faz-de-conta sem os alunos terem aprendido nada, falo por experiência própria pois já sofri com isso

  • 26/08/14  
    Elen Pimentel diz: 40

    Olá,

    Estou conhecendo o English Experts agora e estou adorando, o site é ótimo! Mas gostaria de saber como posso fazer downloads dos Podcasts, pois quando clico em Download sou direcionada a uma página somente com o áudio… O que eu faço???

    • 26/08/14  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Elen,

      Para baixar, basta clicar com o botão direito no link de download e clicar em “Salvar link como…”

      Bons estudos!