Imersão em inglês no Brasil

Foto imersaoOlá, amigos do English Experts! É muito comum ouvirmos as pessoas dizerem, ou até mesmo nos pegarmos dizendo que só aprendemos inglês corretamente quando moramos fora do Brasil. Essa afirmação não é verdadeira, já que temos muitos casos de pessoas que falam um excelente inglês sem nunca ter saído do país.

Claro que morar fora (leia-se, em um país de língua inglesa) proporciona muitos benefícios, o maior deles é a imersão no idioma a ser aprendido, o que é mais difícil de atingirmos em nosso país. Temos também a questão cultural, mas isso é assunto para um outro post.

Aprenda inglês com as técnicas de quem já passou pelo processo. Experimente Grátis por 30 dias o Curso de Inglês do English Experts 3.0.

Por hora, vamos analisar qual é a dinâmica de estarmos imersos no idioma em um país de língua inglesa.

Nosso aprendizado é acelerado porque temos inúmeras oportunidades de interagir com nativos naquele idioma, e ouvimos repetidas vezes as mesmas palavras e expressões sendo utilizadas em uma variedade de contextos diferentes, como na TV, rádio, no mercado, e em outros lugares.

Se formos comparar, são limitadas as nossas oportunidades de praticar aqui no Brasil, como aulas de inglês em escolas e até mesmo auto-estudo. Raramente encontramos situações reais para interagir com estrangeiros em um contexto autêntico. Quem mora em cidade pequena ou onde o turismo não é forte sabe bem do que eu estou falando.

A internet ajudou a diminuir as limitações dessa interação nos últimos anos, mesmo assim, diálogos na “vida real” são necessários, especialmente para quem estuda online. Eu já falei isso aqui em outras oportunidades.

Uma forma de imitar a experiência em um país de língua inglesa é fazer uma imersão por alguns dias em nosso país mesmo. O maior benefício não é o volume de informações que se aprenderá, e sim a perda de inibição e ganho de confiança para falar inglês. É uma combinação de experiência autêntica com estudo dirigido.

Entendo que o investimento pode parecer alto, mas acho que a experiência é válida. Além disso, fica muito mais barato do que viajar. O nosso colaborador Daniel Bonatti, já conhecido de muitos aqui (Podcast 17), desenvolveu uma imersão feita aos finais de semana, próxima a cidade de São Paulo. O objetivo é justamente propiciar ao participante uma experiência autêntica com uma mescla de professores nativos e brasileiros. Conversei bastante com ele sobre o assunto e achei a proposta do LivEnglish muito interessante. Pode ser que eu participe ;-)

Outra vantagem de uma imersão desse tipo é o ambiente relaxado no qual se desenvolve o idioma. Diferente de uma sala de aula, o participante pratica o inglês de forma natural: conversando, caminhando, comendo, assistindo filmes e até mesmo praticando esportes ou atividades ao ar livre.

Você já fez uma imersão? Se sim, como foi a sua experiência?

Aguardo comentários!

Aprenda mais

Gostou desse artigo? Conheça o Curso de inglês English Experts e descubra como você pode turbinar o seu inglês.

Receba mais dicas de inglês como esta por E-mail, Twitter, RSS feed ou Facebook.

34.jpg

Alessandro Brandão

Alessandro Brandão é coordenador caseiro do English Experts e do Fórum de idiomas. Trabalha também em projetos na área de Comércio Eletrônico e Ensino a Distância (EaD).

32 comentários

  • 23/07/13  
    vitor boldrin diz: 1

    Bom nem sabia que Imersão existia pelo que entendi é um lugar por exemplo um sítio onde todos falam somente o inglês,correto?
    Bom se não for muito caro e se é perto de São Paulo vale a pena a experiência sim,você sabe o site para mais informações?
    Uma solução boa era ir para Ilhas Malvinas aqui na amárica do Sul mas sai muito caro ir para lá por causa que o Brasil não tem acordo comercial com ela,Brasil reconhece ela como território argentino fora isso seria uma mão na roda.

    • 23/07/13  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Vitor,

      É praticamente isso mesmo, um sítio onde só se fala inglês. Mas tem toda uma metodologia de ensino e a aplicação em atividades. Confere o site aí: http://www.livenglish.com.br/

      Bons estudos!

  • 23/07/13  
    Luciano Pinheiro diz: 2

    Vocês podiam organizar uma imersão destas aqui em Porto Alegre! Pô, gostaria muito de participar!

    • 23/07/13  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Luciano,

      Apenas para esclarecer. A imersão que citei não é organizada pelo English Experts e sim por Daniel Bonatti, ele colabora com o English Experts.

      Obrigado pelo comentário.

  • 23/07/13  
    Murilo diz: 3

    Achei muito interessante, demais mesmo!
    Sendo próximo a São Paulo melhor ainda, que cidade exatamente fica? Não sei se não procurei direito mas não achei no site a cidade exata, fala que é à 50 min de SP

    Mas achei muito legal, excelente post Alessandro!

    peace out!

    • 23/07/13  
      Daniel diz:

      Olá Murilo,
      o LivEnglish fica na cidade de Ibiúna.

      Abs!

  • 23/07/13  
    Almerizio diz: 4

    Eu estou fazendo essa ‘imersão’ de maneira caseira mesmo. Só ouço estações de rádio “talk news”, assisto séries como “That’s so Raven” e leio muitas notícias em inglês em portais como “nty.com” ou “bbc.com”, além de livros infantis. Tudo isso está fazendo com que eu, mesmo que sozinho, pratique meu inglês. Mas acredito que uma imersão total teria um retorno maior. Afinal, mesmo com todas as facilidades que se tem na internet, não há uma interação.

  • 23/07/13  
    Leticia Alves diz: 5

    É realmente muito bom imergir no idioma, tive a oportunidade de desfrutar um intercâmbio em San Francisco, na California, foi realmente maravilhoso, quando se volta ao Brasil é um grande choque, também é importante dizer que a imersão no idioma deve ser contínua, pois o aprendizado de uma língua nunca termina, é precisp estudar sempre, a fim de não se perder aquilo que foi ganho através de uma viagem ao exterior. I highly recommend it (:

  • 23/07/13  
    Ítalo diz: 6

    Era pra criar mais desses lugares na extensão do país. A ideia é muito boa!

  • 23/07/13  
    João Victor diz: 7

    Olá, vi o site que você passou sobre o LivEnglish, gostei bastante. Mas queria uma informação que não achei lá. Seguinte: há muitas coisas falando sobre temas específicos em determinados dias etc e tal… A maioria desses temas é profissional (entrevista de emprego, estudantes de TI, perguntas frequentes em ambientes de trabalho etc). Tenho 15 anos e acho que esses temas não são um tanto quanto adequados pra mim agora, há outros assuntos abordados la? E o grupo que vai possui mais o menos qual idade? Obrigado.

    • 23/07/13  
      Daniel diz:

      Olá João Victor!
      Os temas que você viu no site são temas para outras imersões. Esta imersão de agosto é focada em temas gerais mesmo. A faixa etária é em média entre 20 e 45 anos.
      Qualquer dúvida, entre em contato com o site do LivEnglish na aba Contato.
      Abs,

  • 23/07/13  
    Maurício diz: 8

    participei uma vez d uma parada assim… um amigo meu q fazia curso d ingles me chamou para um churrasco q a escola tava fazendo… cheguei la todo mundo falando ingles.. d diferentes níveis, era coisa pequena, no fundo da escola mesmo, e tinha um americano amigo do professor la.. muito legal conversar com ele.. a experiência é o q vale!!

  • 23/07/13  
    Caio diz: 9

    Parabens pela reportagem, nem sabia que existia imersão no próprio país. Valeu pela dica!

  • 23/07/13  
    Genesi diz: 10

    Ola,
    Muito interessante o artigo `Imersão em inglês no Brasil`. Eu participei de uma imersao total quando estava estudando ingles no Brasil e realmente ajuda muito. As aulas sao importantes, mas mais importante e poder vivenciar e praticar a lingua em situacoes reais. Na ‘imersao’ todos os alunos foram levados a um acampamento (um sitio) onde todos deveriam usar o ingles. Tivemos inclusive que trocar dinheiro na ‘casa de cambio’ e todas as atividades foram realizadas com professores (nativos da lingua inglesa ou nao). O mais interessante e que os alunos dos niveis mais avancados ajudavam os professores com os alunos iniciantes. Como disse, otima oportunidade para praticar o idioma em situacoes reais: comprar um lanche, ir a feira de livros, esportes, musicas, karaoke etc.
    Abracos,
    Genesis

    • 24/07/13  
      Alessandro Brandão diz:

      Oi Genesi,

      Muito obrigado por compartilhar conosco a sua experiência.

      Abs,

  • 23/07/13  
    Judy Friedkin diz: 11

    I have Skyped with people in Brazil who have never left there and speak excellent English with almost no accent. It is quite amazing. Many say they have taught themselves. For me, It is necessary to go to the country of the language to really improve. Some people are very talented with languages.

    • 24/07/13  
      Alessandro Brandão diz:

      Hi Judy,

      I agree with you, “some people are very talented with languages”.

      Cheers,

  • 23/07/13  
    Sandra traverso diz: 12

    Acho fundamental imersão acho q deveria haver o ano inteiro.

  • 23/07/13  
    atenir diz: 13

    Belo poster Alessandro, parabéns.

    Alguem saberia dizer se existe uma imersão desse tipo em Brasílila-DF?

    abs,

    • 24/07/13  
      Junio Lucas diz:

      Há o Immersion program da embaixada dos EUA, procure saber!

    • 25/07/13  
      atenir diz:

      Obrigado Lucas. vou procurar.

  • 24/07/13  
    Deborah Gomes diz: 14

    Muito interessante e convidativo… Mas muito longe pra mim. Em Minas Gerais voces nao fazem este tipo de programa nao???

    Abs!!!

  • 24/07/13  
    Elton Fedel diz: 15

    Hi guys!!

    Uma ótima imersão aqui no sul do Brasil é a Snow Valley em São Joaquim! Além da paisagem maravilhosa, do frio intenso, Neve ainda é possível fazer a imersão que em minha opinião e de grande importância! Um final de semana falando somente Inglês com certeza irá ajudar e muito a se soltar, por que creio que esta seja uma das principais dificuldades de qualquer estudante brasileiro…

    Vale a pena conferir..

    http://www.snowvalley.com.br/site/index.php/immersion

    If you come, enjoy it!

  • 24/07/13  
    Marylane diz: 16

    Participei no ano passado de uma imersão deste tipo no curso de inglês que eu fazia. Foi em um hotel fazenda no RJ e foi bem divertido, com várias atividades.
    Fomos orientados a só utilizar o Inglês mesmo quando estivéssemos no quarto, que era dividido com outros alunos.
    Foi apenas um final de semana mas percebi que nos dias seguintes eu ainda estava pensando em inglês!

  • 24/07/13  
    Flávio F. Dinão diz: 17

    Bem eu venho adiando a realização de um curso de inglês. Se fora ou aqui mesmo no Brasil. Já participei de cursos básicos e “Busines”. Falta aquela pratica de falar…leitura vai bem…até boa parte dos seriados ouço e entendo.

    Mas ainda preciso acreditar num método, de forma geral alogam demais os assuntos como gramatica, etc. . Há um método como ensinar criança a falar e depois pensar na gramatica???

  • 24/07/13  
    Elisama Rodrigues diz: 18

    Nesse momento está havendo um aqui em PE. Já participei, é um programa de imersão cristão. Muito bom. Participei há uns dois anos atrás. E no segundo dia já me sentia muito bem. Dura uma semana, sempre em janeiro e julho.

  • 24/07/13  
    Bruno diz: 19

    Gostei muito da ideia, se eu tiver a oportunidade irei!

  • 24/07/13  
    alexandre ribeiro diz: 20

    Estou participando da Jmj aqui no Rio como voluntário. Também estou recebendo alguns peregrinos de língua inglesa na minha casa. Para mim esta sendo uma experiência muito boa porque eles não falam português. Então sou obrigado a usar inglês.

  • 26/07/13  
    armando sintura diz: 21

    conhece pessoas que nunca saíram do país mas falam um excelente Ingles, curti da ideia da Imersão gostaria ter a oportunidade de participar mas ca em Angola não sei onde se realiza. peace and love

  • 26/07/13  
    Stan diz: 22

    MUITO INTERESSANTE ALESSANDRO….
    NÃO É O MEU CASO….MAS TENHO UM AMIGO QUE PRATICA ESSA FORMA DE APRENDIZAGEM….EMBORA A LÍNGUA ESCOLHIDA POR ELE SEJA A ITALIANA.
    ELE TEM OBTIDO EXCELENTES RESULTADOS…
    TKS AGAIN!!!
    TAKE CARE!!!

  • 27/07/13  
    Roberta diz: 23

    Gostaria de compartilhar que estive em Foz do Iguaçu em um Carnaval e fiquei em um albergue. Foi simplesmente sensacional, pude praticar inglês com americanos, suecos, uma inglesa e um francês, além praticar o espanhol com pessoal da Argentina e Chile. Éramos praticamente os únicos brasileiros no albergue. Viagem muito divertida que lembro com muito carinho. Recomendo!
    Abs e sucesso a todos!!

  • 28/07/13  
    Rakky diz: 24

    Isso sim é uma ideia fantástica! Quem sabe algum dia… =)