Inglês com Vídeos: Como o Girls Who Code está diminuindo a desigualdade de gêneros na área da tecnologia

Hey ya! How’s it going?

Cada dia mais a mulher conquista o seu direito de exercer qualquer profissão em qualquer área de trabalho. Contudo, há algumas áreas em que o número de mulheres é muito inferior que o de homens, como é o caso de áreas da tecnologia e engenharia.

Tire suas dúvidas sobre os tempos verbais, baixe um guia grátis da Englishtown: Guia de Tempos Verbais em Inglês. Ele contém um resumo bem estruturado para revisar os conceitos que você aprendeu na escola. Clique aqui e saiba como baixar!

Aqui no headquarter  do English Experts estou rodeada de programadores. Enquanto eu, da área de humanas, me encarrego das palavras e textos, ouço constantemente comentários sobre algum código que deverá ser aplicado para algo no site funcionar. E quer saber? Eu não entendo patavinas!

Conheço vários homens programadores e pouquíssimas mulheres. E, o que eu achava que era apenas uma questão de círculo de amizade, descobri que é assim também não só entre meus amigos, mas também em outros lugares do mundo.

E é por isso que trouxe esse vídeo de hoje. Para mostrar que existem pessoas tentando reverter essa realidade e buscando mulheres para essa área também! Assista ao vídeo, veja a transcrição, leia a tradução. Além disso, aproveite para adicionar o vocabulário aprendido na ferramenta Meu Vocabulário.

Espero que você se divirta e aprenda um pouco mais.

Assista ao vídeo e confira em seguida a transcrição com a tradução:

How Girls Who Code Is Bridging The Gender Gap In Tech Como o Girls Who Code está diminuindo a desigualdade de gêneros na área da tecnologia
We’ve inspired a movement of young girls who are saying I want to do this, I want to change the world. And learn how to code. Nós inspiramos um movimento de jovens garotas que estão dizendo “eu quero fazer isso, eu quero mudar o mundo”. E aprendem a programar.
– Hi, I’m Reshma Suajuani. I am the Founder and CEO of GirlsWhoCode. When I go speak to a room full of girls I’ll say how many of you have ever said “I hate math”. Every hand is raised. And we would never say that if the question was, have you ever said I hate to read. I really believe this is the most important domestic issue of our countries time. – Olá, eu sou a Reshma Suajuani. Eu fou a fundadora e CEO do Girls Who Code. Quando eu vou falar em uma sala cheia de garotas eu pergunto quantas delas já disse alguma vez “eu odeio matemática”. Todas as mãos se levantam. E nós nunca diríamos isso se a pergunta fosse “eu odeio ler” Eu realmente acredito que este é o problema mais importante do nosso país atualmente.
– Girls Who Code is disruptive because we’re really changing the face of the future of tech. We’re educating these young woman to take leadership positions and engineering positions in these companies where woman voices currently aren’t heard. – Girls Who Code é disruptivo porque nós estamos realmente mudando a cara do futuro da tecnologia. Nós estamos educando essas jovens a assumirem posições de liderança e cargos de engenharia nessas empresas onde a voz da mulher atualmente não é ouvida.
– I’m a sophomore at Columbia University and am now a TA at Girls Who Code. It’s because of Girls Who Code that made me decide to major in Computer Science. Talking to so many different speakers and going on field trips is what really made me realize that everything you do is involved some way, shape or form with computer science. – Eu sou uma estudante do segundo ano da Universidade de Columbia e sou agora professora assistente no Girls Who Code. É por causa do Girls Who Code que decidi me formar em Ciência da Computação. Falando com tantos porta-vozes diferentes e indo a viagens técnicas é o que me fez perceber que tudo o que você faz está relacionado, de alguma maneira, aspecto ou forma com a ciência da computação.
– Here we have, for I in range five. print ” girls who code rocks”. – Aqui nós temos, “for I in range (5). Print “garotas que programam arrasam”.
– I think the fact that we don’t have woman innovating and creating the next Facebook or the next Instagram or the next Pinterest is a problem. I am not joking when I say our mission is world domination. – Eu acho que o fato de não ter mulher inovando e criando o próximo Facebook, ou o próximo Instagram, ou o próximo Pinterest é um problema. Eu não estou brincando quando eu digo que nossa missão é o domínio mundial.
– My name is Sophie Wallgren. And I am 17 years old. If I don’t see a woman who is in technology, how do I know I can be that woman in technology? I really needed those types of role models and that’s what I am getting all the time at Girls Who Code. I didn’t think I’d be able to teach girls things but here I am today and I am explaining “oh ok so this is what’s wrong in your code”. I’m surprised by myself and as the years go by I think I’ll notice the impact that Girls Who Code has had on me even more. – Meu nome é Sophie Wallgen. E eu tenho 17 anos de idade. Se eu não vejo mulheres na tecnologia, como eu posso ser aquele mulher na tecnologia? Eu realmente precisava desses tipos de modelos de vida e é isso que estou conseguindo ter o tempo todo no Girls Who Code. Eu não achava que seria capaz de ensinar coisas às garotas, mas aqui estou hoje e estou explicando que “ah ok, então é isto que está errado no seu código”. Eu estou surpresa por mim mesma e com o passar dos anos eu acho que eu perceberei mais ainda o impacto que Girls Who Code tem tido em mim.
– I think in the next 5 to 10 years when our girls are actually in industry we’re going to see big changes in the products and the culture of the tech industry. – Eu acho que nos próximos 5 a 10 anos, quando nossas garotas estiverem de verdade nas indústrias, nós veremos grandes mudanças nos produtos e na cultura da indústria tecnológica.

Espero que tenha gostado. Até a próxima!

Fonte: How Girls Who Code Is Bridging The Gender Gap In Tech

P.S.: Estou seguindo a legenda oficial disponibilizada pelos produtores do vídeo. Eventualmente, haverá divergências entre o que é ouvido e o que está escrito.

Aplicativo para Ampliar o Vocabulário

Você tem dificuldade para se lembrar das palavras, phrasal verbs e expressões em inglês? Conheça o "Meu Vocabulário: Um aplicativo para ampliar o seu vocabulário em inglês" e veja como nossa equipe resolveu esse problema definitivamente.

Receba mais dicas de inglês como esta por E-mail, Twitter, RSS feed ou Facebook.

37.jpg

Camila Oliveira

Camila gosta de viajar, conhecer lugares, pessoas e culturas, ouvir música, sentir aromas, degustar sabores, saborear a vida, aprender novos idiomas. Não quer criar raízes, pois sabe onde é o seu lugar: o mundo.

3 comentários

  • 23/04/16  
    Cristina Santana So diz: 1

    Muito bom! Sou programadora e em todos os lugares que trabalhei o ambiente é predominantemente masculino, achei muito legal a iniciativa.

    • 25/04/16  
      Camila Oliveira diz:

      Hello Cristina, how are you?

      Concordo com você e seria ótimo se houvesse iniciativas como essa aqui no Brasil. =)

  • 27/04/16  
    Leandro dos Anjos diz: 2

    Existe também o Technovation que é um programa que premia melhores app desenvolvidos por garotas de 8 ate19 anos.