O uso do That é opcional?

Perguntas e respostasJosué pergunta no fórum: Gostaria de saber se é opcional usar that, como “que”, tal como em “All I want is eat a cake now” ou “All that I want is eat a cake now”. Os dois estão certos? Em casos como esse posso sempre optar em inglês pelo that ou não? Obrigado, desde já.

Olá Josué, essa dúvida é muito comum entre estudantes brasileiros. Como no português usamos muito a conjunção “que”, há uma tendência natural de se transferir esse hábito para o inglês. A resposta mais curta é: sim é opcional. É claro que existem algumas regras e exceções que precisam ser levadas em consideração.

Tire suas dúvidas sobre os tempos verbais, baixe um guia grátis da Englishtown: Guia de Tempos Verbais em Inglês. Ele contém um resumo bem estruturado para revisar os conceitos que você aprendeu na escola. Clique aqui e saiba como baixar!

Com relação às frases sugiro que você substitua o “a cake” por algum substantivo que indique a quantidade de bolo que você deseja comer, sugiro: bit (pedacinho), piece (pedaço) ou slice (fatia). Usar apenas “a cake” /keɪk/ transmite a idéia que você quer comer um bolo inteiro, o que provavelmente não é verdade.

Na sua frase o that é usado como um relative pronoun, introduzindo uma relative clause. Calma! Não precisa decorar isso, existe uma forma bem simples de não errar. Você pode omitir o that sempre que ele vier antes de pronomes (e.g. I, You, He, She, It, We, You, They). Confira aqui mais detalhes sobre os pronomes em inglês.

Na linguagem falada e informal o that é quase sempre omitido. No entanto, na linguagem escrita ele aparece mais, por questões de estilo ou clareza. Existem também aqueles casos que o uso do that é proibido ou não recomendado.

Josué, espero ter ajudado!

Gostaram do post? Enviem sugestões, críticas e complementos nos comentários.

See you!

Aplicativo para Ampliar o Vocabulário

Você tem dificuldade para se lembrar das palavras, phrasal verbs e expressões em inglês? Conheça o "Meu Vocabulário: Um aplicativo para ampliar o seu vocabulário em inglês" e veja como nossa equipe resolveu esse problema definitivamente.

Receba mais dicas de inglês como esta por E-mail, Twitter, RSS feed ou Facebook.

34.jpg

Alessandro Brandão

Alessandro Brandão é coordenador do English Experts e do Fórum de idiomas. Trabalha também em projetos na área de Comércio Eletrônico e Ensino a Distância (EaD).

45 comentários

  • 10/01/10  
    Adriano diz: 1

    Essa também era uma dúvida muito frequente minha, obrigado. :)

  • 10/01/10  
    Diogo diz: 2

    Quando o assunto é that, sempre me lembro da frase I said that, that “that” that that man wrote was right.

  • 11/01/10  
    João B. L. Ghizoni diz: 3

    Na verdade, o “that” pode ser omitido nesse tipo de frase quando ele se refere ao sujeito e não ao objeto do verbo. Mas como isso é um pouquinho difícil de se descobrir, uma maneira fácil de saber se podemos omiti-lo ou não é ver se o verbo que vem após “that” já tem o seu sujeito (que, na verdade, não precisa ser um pronome). Ex.: This is the book that my mother bought for me. = This is the book my mother bought for me.

    O segundo verbo (bought) tem seu sujeito (my mother – que, como podem ver, não é um pronome), então o “that” pode ser omitido.

    • 11/01/10  
      Alessandro diz:

      João Ghizoni,

      Ótimo complemento. Obrigado pela colaboração.

      Abraços

  • 11/01/10  
    Arthur diz: 4

    Eu também sempre tivi esta dúvia. Muito bom o post. Obrigado!!! ^^

  • 11/01/10  
    Denis Albuquerque diz: 5

    há muito tempo que tinha essa dúvida também. Obrigado.

  • 11/01/10  
    gleison diz: 6

    você poderia ir mais a fundo na reposta repondendo por exemplo quais os casos em que o “that” deve ser omitido. Achei a reposta incompleta.

    • 11/01/10  
      Alessandro diz:

      Gleison,

      Hummm.. Você leu o post com atenção?

      Abraço,

  • 11/01/10  
    Barbara diz: 7

    Tenho algo a adicionar: faltou o to acompanhando o verbo ‘eat’… “All I want is TO eat a … (slice, piece, etc.) of cake now.

  • 11/01/10  
    Mateus Campos diz: 8

    Vi esse tópico do uso do “that” e lembrei de uma vez que estava conversando sobre “Amor à primeira vista” e lembrei de uma dúvida.

    “Have you ever met a woman THAT from the very first time you layed eyes on her, she takes possession of your heart? “.

    Está correto?

    PS: Favor desconsiderar o anterior.

  • 11/01/10  
    Ester diz: 9

    It’s very good, because now I knew this rule (that) I didn’t know. Thank you

  • 11/01/10  
    cecília fernandes diz: 10

    “Que” é preposição? Desde quando?

  • 11/01/10  
    Fernando Carlos diz: 11

    Até que em relação com o “that”, eu não tenho tantos problemas, mas eu gostaria muito que tentasse explicar um pouco seria em relação ao uso do “as”, eu nunca sei como usa-lo, e todas as vezes que tentei, eu errei,
    obrigado

  • 11/01/10  
    sílvia regina de oliveira (piracicaba) diz: 12

    Interessante e oportuno o post! Tão interessante qto oportuno foi o comentário da Bárbara s/ o ‘to’ antes do ‘eat’!

  • 11/01/10  
    RodrigoGF diz: 13

    Olá Alessandro,

    Obrigado pelo post era uma dúvida que eu tinha tb.
    Boa semana^^

  • 11/01/10  
    TATY diz: 14

    Olá Alessandro.Eu me parece que teclando,teclando embora com alguma cofusão acabamos por chegar á meta.
    Gostaria de saber se estas frases estão de bem com o objectivo.
    She´s the woman that helped you.
    This the car (that )I sold. Aqui retiro /that/ porque está antes do pronome I ???

    Obrigada

  • 11/01/10  
    Isadora diz: 15

    Olá, gostaria de saber diferença básica entre as unreal conditionals”, a qual estrutura da primeira é formada por (If + past simple + would + complement). E a segunda, por (If + past perfect + would + have + past participle)?
    Acho que pertence à second conditional, certo?
    Obrigado.
    Bjs

  • 12/01/10  
    Patrícia Pereira diz: 16

    Muito boa observação Barbara.

    Paty

  • 12/01/10  
    João B. L. Ghizoni diz: 17

    Mateus, há um pequeno erro na frase: a palavra “she” na segunda parte não devia estar lá.

    Uma vez que se usou THAT, “she” não pode ser usado para referir-se a “a woman”, pois o sujeito de TAKES é THAT. É um ERRO como em “This is the man that he is my father.” Veja:

    This is the man. He is my father.
    This is the man THAT is my father.

    Quando o antecedente (de THAT) for pessoa, também se pode usar WHO (no lugar de THAT). E não se pode usar “that” nessa função após vírgula (ou seja, em orações explicativas), como em “My wife, who is in hospital, is expecting a baby.”

    Espero que tenha ficado claro.

  • 12/01/10  
    Márcia diz: 18

    eu falo pouca coisa em inglês, e me perguntaram …Do you espeak english? ai eu não sabia se eu respondia more or less, a little ou nenhum dos dois esta correto.Qual seria a melhor resposta?obrigada

  • 12/01/10  
    Marcia diz: 19

    Adoro a forma objetiva como vocês respondem às dúvidas. Será que posso usar seus textos para enviar dicas aos meus alunos? (citando a fonte, é claro!)

    • 13/01/10  
      Alessandro diz:

      Márcia,

      Citando a fonte sim. Porém os textos não podem ser publicados em outro site.
      Obrigado pela confiança.

      Abraços,

  • 12/01/10  
    Ernando Santos diz: 20

    Olá Alessandro!
    Obrigado pleo tópico, pois eu tinha essa dúvida há muito tempo. São pequenos detalhes que fazem nosso inglês melhorar.
    Thank’s guy

  • 12/01/10  
    João B. L. Ghizoni diz: 21

    Bárbara, na verdade aquela frase é mesmo sem o TO; após o verbo TO BE usamos o infinitivo sem esse “acompanhante”. Outros exemplos: What I want is stay home. / What you need is work harder. / What they should do is study every day.

  • 12/01/10  
    Guilherme Nascimento de Lima diz: 22

    Eu queria saber se tem algum opcional para quando se usa preposições para perguntas como Do,Does e What

  • 12/01/10  
    EVERARDO ELIAS diz: 23

    Embora não seja esse o assunto em pauta mas também assim como a Bárbara senti falta da partícula TO no verbo EAT.

  • 13/01/10  
    Flávia Magalhães diz: 24

    Pessoal,

    Acredito que a Cecília Fernandes tem razão. “Que”, no exemplo dado, é conjunção, não é?

    João, pode passar alguma indicação de gramática (link da internet) a respeito do não uso de “to” depois do verbo “to be”?

    tks in advance

  • 13/01/10  
    João B. L. Ghizoni diz: 25

    A observação da Cecília é pertinente. QUE realmente não é preposição; nesse tipo de frase é conjunção (pode ser outras coisas em outros tipos de frase). Preposição liga termos de uma oração; conjunção liga orações.

  • 13/01/10  
    João B. L. Ghizoni diz: 26

    Isadora, a diferença básica entre as “unreal conditionals” a que você se refere é que a do segundo tipo (second conditional) se refere ao presente, ao passo que a do terceiro tipo (third conditional) se refere ao passado. Veja:

    Second conditional: presente
    If I had lots of money, I’d travel a lot.
    (Se eu tivesse [hoje] muito dinheiro, viajaria bastante.)

    Third conditional: passado
    If I had gone there, I’d have met you.
    (Se eu tivesse ido lá [ontem, semana passada…], eu teria encontrado você.

  • 13/01/10  
    João B. L. Ghizoni diz: 27

    Márcia, você pode responder: a little / a little bit / not very well / so, so.

    “More or less” é usado com coisas contáveis. Por exemplo: Do you have many books? – Thirty, more or less. (Embora seja mais comum se dizer “About thirty”, ou “Around thirty”.)

  • 13/01/10  
    Wagner Duarte diz: 28

    Adorei o Post!
    Esse é o tipo de assunto que sempre nos deixa c/ uma certa dúvida, e foi explicado com muita clareza parabéns!

  • 14/01/10  
    César diz: 29

    Muito útil o post, parabéns.

  • 14/01/10  
    isaac diz: 30

    Que bom saber disto uuf !
    tinha esta dúvida tambem..

  • 16/01/10  
    Michele diz: 31

    Adorei o post. Achei-o muito interessante. Esclareceu um dúvida minha que sempre tenho quando vou escrever algo em inglês ou falar qualquer coisa na língua!!!Parabéns…

  • 16/01/10  
    Gil diz: 32

    Adorei ter recebido essa dica, a dúvida do Josué também era minha.
    Alessandro, as vezes me deparo com palavras que aparentemente sei o significado, mas que não se encaixam numa tradução. É o caso de How do I “ever” survive.
    Explique please.

  • 16/01/10  
    MAURICIO diz: 33

    EU GOSTEI, EU AINDA NÃO TINHA OUVIDO FALAR NISSO, ESSA PERGUNTA FOI BEM COLOCADA!

  • 04/02/10  
    DIOGO ALBUQUERQUE diz: 34

    tambem tinha duvida sobre isso!!!!
    valeu!!!!

  • 04/02/10  
    Dicas de Inglês - EE Podcast 01: Projeto Piloto diz: 35

    […] O uso do That é opcional? […]

  • 21/02/10  
    Mércia diz: 36

    HEy, ALessando!

    Congratulations for the your blog! I am learning English alone on internet (livemocha) and I think that your tips will go help me a lot. Thanks for share your knowledge and experience.

    See you.

  • 25/02/10  
    Felipe diz: 37

    Bom dia pessoas!

    Alessandro, parabéns pelo blog, quando eu descobri o mesmo na rede fiquei muito feliz pois é uma ferramenta que esta me ajudando muito a aprender inglês, e esse post sobre o that esta muito bom tbm sempre tive esta mesma duvida do josue.
    Mais uma vez parabéns pelo blog.

    see you!

  • 17/10/11  
  • 17/10/11  
    zulma diz: 39

    Este blog está ajudando muito a melhorar meus estudos de inglês. Agradeço muito e dou os parabéns ao responsável.

  • 18/10/11  
    carla goncalves diz: 40

    fico feliz quando recebo dicas de ingles. tenho aprendido bastante. mandem sempre! thanks.

  • 21/10/11  
    Babi diz: 41

    Adorei a dica! Vocês são ótimos. Esse site é um estímulo a todos aqueles que querem se aperfeiçoar na língua inglesa, em uma forma bastante interessante!