Pelé falando em inglês na CNN

Olá pessoal! Hoje eu estava conversando por telefone com minha amiga Tereza Sayeg (intérprete e tradutora) quando de repente vi o Pelé falando em inglês na CNN. Gosto muito do Pelé, ele representa muito bem o Brasil lá fora. Foi incrível ver esse cidadão do mundo falando em inglês.

Como peguei a reportagem pela metade acabei ficando curioso e fui “fuçar” no Youtube. Para minha surpresa encontrei uma entrevista de Pelé na íntegra para a CNN Talk Asia. Show de bola. Assista abaixo:

Aprenda inglês com as técnicas de quem já passou pelo processo. Experimente Grátis por 30 dias o Curso de Inglês do English Experts 3.0.

Se você recebe as dicas por email e não conseguiu visualizar o vídeo acima, clique aqui para assistir.

Pelé marcou mais um gol de placa!

Aguardo comentários galera.

See you!

Aprenda mais

Gostou desse artigo? Conheça o Curso de inglês English Experts e descubra como você pode turbinar o seu inglês.

Receba mais dicas de inglês como esta por E-mail, Twitter, RSS feed ou Facebook.

34.jpg

Alessandro Brandão

Alessandro Brandão é coordenador caseiro do English Experts e do Fórum de idiomas. Trabalha também em projetos na área de Comércio Eletrônico e Ensino a Distância (EaD).

50 comentários

  • 03/08/11  
    Alexandre diz: 1

    Como ele morou nos EUA e tem um inglês tão péssimo…erros básicos (verbos errados, conjugações)….”did a mistake” “There, have…”Alguém pode ensiná-lo um ponco mais de pronúncia, por favor!!?? É tão difícil falar “responsability”? Que sotaque horroroso!

    • 03/08/11  
      Alessandro diz:

      Olá Alexandre,

      Você acha que o “sotaque horroroso” (como você classificou) impediu Pelé de dar a entrevista e se fazer entender?
      Será que essa preocupação com o sotaque não acaba bloqueando o aprendizado de muita gente?

      Aguardo seu retorno.

    • 04/08/11  
      Norberto diz:

      Engraçado, não é primeira vez que acontece isso, sempre que tem um post aqui com vídeo de um brasileiro dando entrevista em inglês, aparece alguém pra dizer quanto o inglês dele é ruim. Mas no final das contas, a entrevista segue normalmente, sem nenhum problema de comuniçao.

    • 04/08/11  
      Matheus Cassiano diz:

      O sotaque é realmente bem feio, e os erros básicos também, mas o ponto é: ele conseguiu terminar a entrevista. Entendeu e foi entendido. O problema seria se fosse escrita, o que não é o caso.

  • 04/08/11  
    samuel diz: 2

    você tem que saber falar a língua inglesa (compreender e ser compreendido),em outras palavras se comunicar e não ser um americano ou um inglês no caso do pelé ele tem o sotaque diferente em qlqr língua até falando em português ,ngm tem a entonação igual,tem gringo que mora no brasil a mais de 30 anos e ainda tem sotaque e nem por isso deixa de ser fluente no português.

  • 04/08/11  
    Cayo Canette diz: 3

    Acredito que o importante mesmo, e conseguir ser entendido. Com sotaque ou sem sotaque, tanto faz, até porque, alguém pelo menos eu acredito que não nasceu no ”country” onde a língua mãe é o inglês, não tem o sotaque deles.

  • 04/08/11  
    henrique diz: 4

    Que legal ver o Pele falando em ingles, depois de tantos anos com tradutor, estou começando agora com 25 anos a aprender ingles, isso é um incentivo a aprender o ingles.

  • 04/08/11  
    Isaque Almeida diz: 5

    In my point of view accent is not a problem.
    To know pronounce well the words (independent of accent) is what must be the big preoccupation. There is a constant obsession with accent, but if you don’t live in a country with English language you have big chances of have accent.
    The big deal is try, try and try. Speak English, don’t worry with accent.

    Someone agree with me?

    • 04/08/11  
      Alessandro diz:

      Me

    • 05/08/11  
      Roni diz:

      Me too, “killed for wood”!!! kkk

    • 05/08/11  
      Moizéis Lima da Silva diz:

      Me too.

  • 04/08/11  
    Thiago diz: 6

    gostei da entrevista, não consegui entender muito mas é legal entender ao menos um pouco.
    eu achei mas fácil entender o que o pelé falava do que a entrevistadora dizia

  • 04/08/11  
    Flavio diz: 7

    É isso ai! Estou aprendendo Inglês e confesso que gostaria de ter a coragem que o Pelé teve. É errando que se aprende.

  • 04/08/11  
    João B. L. Ghizoni diz: 8

    This is the first time I’ve seen Pelé speaking English. I confess I had this curiosity. Because he lived there for two years I confes I expected him to speak better. On the other hand, I know that he was there to play soccer and not to learn the language.

    Somebody wrote that there was no problem of communication on account of his accent. Well, this we do not know.

    What I have to say is: it is okay to have some accent, but it can’t be strong enough so as to impair communication.

  • 04/08/11  
    Ricardo Carrega diz: 9

    Para um latino conseguir um sotaque igual ao dos americanos exije-se muito treino e convivência com a língua. Isso leva tempo e varia de pessoa a pessoa. Uns tem mais facilidade do que outros neste quesito, mas com certeza o mais importante é entender e ser entendido. Mais um golaço de placa do nosso Pelé, ou melhor, Edson… Abraços.

  • 04/08/11  
    marcelo diz: 10

    Que legal ! Eu não sabia que ele fala inglês. Acho que é mais um incentivo pra mim. Muito bacana da sua parte disponibilizar este video. Falando em erros, eu sou nativo brsileiro e não sei se a palavra “disponibilizar” se escreve com Z ou S , será que não sou fluente?

    • 04/08/11  
      Alessandro diz:

      Oi Marcelo,

      Obrigado pelo comentário. Com relação a sua pergunta “disponibilizar” é com Z.

      Abraço,

  • 04/08/11  
    Cristina Bauer diz: 11

    O Brasileiro tem essa mania terrível de criticar quem fala inglês, ele pelo menos se faz entender se eu conseguisse falar assim estaria feliz. Pronuncia, sotaque sempre terá visto que ele não é americano…Meu marido é argentino e esta no Brasil há mais de trinta anos e ainda tem um sotaque forte. O importante é não ter vergonha e falar mesmo. Pq o Brasil é um dos Países que mais tem cursos de inglês, e um dos que menos falam o idioma? Porque temos essa arrogância de querermos falarmos como americano: impossível.
    Cristina Bauer

  • 04/08/11  
    Carlla diz: 12

    Acho muito bacana ver o quanto a pessoa desenvolve a fala ao passar dos anos. Um garoto pobre, que se tronou o maior ídolo no futebol e consegue se comunicar tão bem em outro idioma, merece sim nossos elogios. Devemos estimular mais as pessoas a perderem a vergonha de falarem inglês. E a questão da pronúncia, não devemos criticar, pois todos temos um sotaque, e no mais, não somos nativos no inglês.
    Parabéns pela entrevista. Eu gostei.

  • 04/08/11  
    Carolina diz: 13

    Eu tenho certeza que todo mundo que criticou tem SOTAQUE! Eu moro aqui nos EUA ha 1 ano e 3 meses e continuo com meu Sotaque moro com americano! O importante e saber se comunicar, a entrevista seguiu com alguns erros mais erros q todo mundo pode cometer quando fala em Portugues!

  • 04/08/11  
    Stan diz: 14

    ainda ouço comentários de alguns alunos, do tipo:
    …não sei nem bem o Português, para que aprender Inglês?”….then, I say….
    -My God!!! this is incredible in our days!!!

  • 04/08/11  
    Daniel Donato diz: 15

    He was a good football player, and I agree that Nobody does or did what Pelé did, actually, we have a lot of football players but they didn’t have the fame I mean the gift that Pelé had, it was what drew my attention.

  • 04/08/11  
    Marcos Rios diz: 16

    Ele se fez entender, e é isso que importa. Eu, que ainda estou no intermediário, consegui compreeder quase tudo que ele falou. Se um dia eu falar como ele, estarei mais do que satisfeito.

  • 04/08/11  
    Lidia diz: 17

    Quero muito aprender, intender, escrever e compreender inglês. ufa!! Mas, I can speak English.

  • 04/08/11  
    giuliano moura diz: 18

    I feel very pride to see this man making one more golden goal, it’s not because he’s the eternal of my time and the world, a really legend, a really soccer king ,but because he do many things in your life , and help many people, and he’s so famous tha he could to be very meddlesome about your status ,but he is not, this interview show to all people how and how much one man with so status can be so simple and humble at the same time!
    congratulation to who saw and released that interview here!
    congratulation to everyone!

  • 04/08/11  
    Francisco Jose diz: 19

    Seria muito bom se eu já soubesse falar inglês como o Pelé. Quanto ao sotaque ou os erros… Quem não erra até com coisas básicas da lingua portuguesa? ainda mais depois da reforma ortográfica no caso da escrita.
    Mas, se for um norte americano falando “o cadeira, o mesa, a carro”… aquele camarada daria risadas.

  • 04/08/11  
    claudemircloud diz: 20

    Mais uma inspiração para nós estudantes da língua inglesa!

  • 05/08/11  
    Evilazio Cavalcante diz: 21

    Hi eveyone! Hello Alexandre?
    How are you people? Firstly let me congratulate you Alexandre for your wonderful work and courageous attitude in developing English skills in Brazil. I really admire what you have been doing… Congratulations! I am Brazilian and have been living abroad since 2003 (Angola, Kenya and Philippines). I have been working in English speaker countries since 2008 and I must confess that pronunciation has been my main concern with my English skills. I would not say that pronunciation is extremely necessary, but rather I would say that it is an important element to communicate effectively. So, my dear followers of English Expert let us be balanced. Good pronunciation is really important (We should work it – and it is possible to get better), but do not be so worried about pronunciation because it will become a real block in your process of learning. I have been studying English very hard because it is very important and necessary for my mission abroad, and I pay a lot of attention to my pronunciation, but always with balance. Remember – the brain obeys what you think about yourself. Do not get dicouraged so easily. Try again, again and again… Constanct practise makes perfect! Do not doubt guys!
    Secondly, about our dear national treasure Pel’e I dear to say that I am pround of him. He indeed works for Brazil and Brazilians and he is one the most respected Brazilians abroad. People recognize his brilhant talent and his responsability today. Yes, his pronunciation is not so accurate, as well his attention with tenses (present and past), but try to see further. He was very tired. Do not judge the skils of a person so easily and so quickly. It is very clear that he was in need to rest. A guy like him may have a lunch in New York and dinner in Hong Kong. So guys, be gentle! I do admire his courage, his simplicity and balance to carry out the interview up to the end, without getting nervous. Thanks Pel’e for this lesson! You are great and worthy of our appreciation! To you, dear Alexandre, once more I would say… keep it up! You are doing a great work! You are “fera”! Take care everyone!

    • 05/08/11  
      Tideia diz:

      I agree!

    • 07/08/11  
      Evilazio Cavalcante diz:

      Thanks a lot Tideia! God bless you!

  • 05/08/11  
    jhonatan lima diz: 22

    Muito bom, isso sim é um talento..

  • 05/08/11  
    Caroline diz: 23

    Essa coisa do sotaque é engracada

    Garanto que os nativos nao se incomodam

    Trabalho na australia, minha supervisora é australiana e minha outra colega de trabalho é filipina

    Eu me irrito mais com o sotaque dela do que a supervisora que é nativa – Shame on me!

    Abssssssssssss

  • 05/08/11  
    Cris diz: 24

    Mandou muito bem. Ow, merece ouvir qualquer coisa, menos criticas… Acho que ele não usa o ingles no dia a dia, entao, nessa idade com essa fluencia… reparem que ele nao ficou bestando, tentando entender a conversa e nem ficou buscando palavras para responder. Como sempre, já foi chutando para fazer o gol: palmas para ele.

  • 05/08/11  
    Mario Afonso Silva diz: 25

    It is just a joke, Ele não falou nenhuma vez “Entende”

  • 06/08/11  
    valeria diz: 26

    Gostaria de saber se os gringos quando chegam aqui perdem o sotaque. Acredito que não! Nós achamos até engraçado e bonitinho, não é? rsrs
    O importante a comunicação. Gostaria de estar fluente no meu inglês e com meu sotaque nordestino. Seria um barato! rsrs

  • 06/08/11  
    adriano diz: 27

    Com certeza, muito bom, esse é um bom representante brasileiro…

  • 06/08/11  
    Thierry García diz: 28

    Eu acho que ele tem um inglês de pronunciação lenta, mas ele consegue se fazer entender. E consegue entender também o que lhe dizem. Ele consegue construir as frases rapidamente e não ficou “gaguejando”. Quanto a velocidade, eu acho que não há nenhum problema grave, e eu conseguia entender melhor o Pelé do que a mulher que entrevistava ele.

  • 06/08/11  
    Mario diz: 29

    His accent is bed

    • 07/08/11  
      Alessandro diz:

      Bed?

  • 07/08/11  
    Artur diz: 30

    assisti uma parte da entrevista achei bem legal e sinceramente acho que esse problema com o accent é minimo o cara mora no brasil e (suponho) que ele não tenha frequentado muitas aulas de ingles nos ultimos 30 anos desde que ele deixou os EUA, eu tenho um ingles médio ja me comuniquei com outras pessoas que só falavam ingles e sempre eles me diziam dude voce nao é um native american e nunca morou fora entao é normal voce falar de uma maneira distinta, mas isso não é um pecado o importante é comunicar-se, leia-se entender e ser entendido, e acredito que o pelé deu conta, parabens pela coragem :)

  • 10/08/11  
    Alberto Villar diz: 31

    Eu acho muito bonito o sotaque de um americano falando português.
    Outro dia assistindo ao programa do Jô, vi um entrevistado americano dizendo que é muito bonito e charmoso o sotaque do brasileiro falando inglês, porém, um francês falando inglês é horrível.

  • 15/08/11  
    fabio marucci diz: 32

    Eu gostei mt da entrevista e como estudante do nivel intermediario, consegui entender quase td o q ele disse!Valeu Pelé

  • 21/08/11  
    Silvio Lucas diz: 33

    Achei legal. Tendo erros ou nao, ele conseguiu o principal: entender e ser entendido. :)

  • 25/08/11  
    Bruno Corrêa diz: 34

    It`s very easy to understand what Pele says and difficult to understand what the interviewer ask because she has a british accent, and I used to listen the american accent.

  • 26/08/11  
    Emikson diz: 35

    meu inglês infelizmente ainda é muito básico, mais pela forma calma com que o Pelé falou consegui entender uma boa parte. Eu tenho uma dúvida, é verdade que um nativo inglês mesmo vivendo 10 anos aqui no Brasil não consegue pegar um sotaque fluente?

  • 27/08/11  
    dak diz: 36

    muito bom, estou preparando para receber estrangeiros até 2013, se tiver ajuda agradeço de coração… sou motorista de executivos se eu nao falar pelo menos o basico eu estou desempregado…se alguem puder me ajudar…que Deus abençoe…

  • 03/10/11  
    rodrigo diz: 37

    Li que a maioria dos falantes do inglês no mundo é de não nativos, que o usam como segunda língua, é isso mesmo? E isso ajuda?

    • 03/10/11  
      Alessandro diz:

      Rodrigo,

      Tudo bem?

      Que tal lançar essa pergunta em nosso fórum? Acredito que a discussão lá será bem bacana. Segue o link:
      http://www.englishexperts.com.br/forum/

      Bons estudos!

  • 21/10/11  
    Enio Cascarelio diz: 38

    Valeu alessandro! O Pelé é um cara e tanto e eu tenho muito respeito por ele.
    Falando em inglês foi ótimo.