Porque é tão difícil entender as Preposições

As preposições são a pedra no sapato de todo estudante de Inglês. Só para vocês terem uma idéia, uma ex-colega de faculdade minha, que trabalha com os gringos e já viajou a negócios para os EUA várias vezes, certa vez me disse que não sabia nada sobre preposições e que cometia deslizes toda hora.

Eu já há muito tempo desisti de buscar explicação lógica para as preposições. É mais confortante lembrar que o Inglês não nasceu a partir de regras, elas só vieram depois para organizar o caos e facilitar o ensino. Na maioria das vezes é mais importante identificar “o que dizer” e “quando dizer” do que o “por quê dizer”.

Aprenda inglês com as técnicas de quem já passou pelo processo. Experimente Grátis por 30 dias o Curso de Inglês do English Experts 3.0.

Então esqueça a gramática e vamos aprender sobre preposições através de exemplos. So, let’s get started:

  • The bird is in/inside the cage. (O pássaro está dentro da gaiola)
  • Sarah is diving in/into the water. (Sarah esta mergulhando na água)
  • Tom is getting out of the car. (Tom está saindo do carro)
  • They’re waiting outside the bank. (Eles estão esperando do lado de fora do banco)
  • Emma is putting her luggage on/onto the trolley. (Emma está colocando sua bagagem no carrinho)
  • Henry is falling off the horse. (Henry está caindo do cavalo)
  • Rachel is at the bus stop. (Rachel esta no ponto de ônibus)
  • Jessica is sitting next to Andrew. (Jessica está sentada próxima a Andrew)
  • Rita is going up the stairs. (Rita está subundo as escadas)
  • Daniel is coming down the stairs. (Daniel está descendo as escadas)

Agora vamos ouvir a pronúncia:

Now let’s practice! See you folks.

Aprenda mais

Gostou desse artigo? Conheça o Curso de inglês English Experts e descubra como você pode turbinar o seu inglês.

Receba mais dicas de inglês como esta por E-mail, Twitter, RSS feed ou Facebook.

34.jpg

Alessandro Brandão

Alessandro Brandão é coordenador caseiro do English Experts e do Fórum de idiomas. Trabalha também em projetos na área de Comércio Eletrônico e Ensino a Distância (EaD).

9 comentários

  • 21/02/07  
    Will Cout - Rio diz: 1

    Falaê Alê!

    Cara, você só está faltando aprender por nós, frequentadores desse seu blog, porque cara, isso aqui tá virando aula de excelente qualidade e “de grátis”, o que é melhor. E sem contar que pelo seu carisma, e pela pessoa bacana que você tem sido com esses contatos que vc proporciona. E que também merecem muito serem agradecidos pela grande ajuda no grupo de e-mails, que achei um show de aulas.

    Parabéns e achei show esse link do audio, e depois vou querer abusar e ter umas aulinhas de como manipular um blog…hehehe

    Valeu!

  • 21/02/07  
    Alessandro Brandão diz: 2

    Will,

    Valeu pelos elogios mano. Acho que você exagerou um pouco, o blog ainda tem muito o que melhorar.

    Mas o que você disse me motiva ainda mais a continuar com este trabalho.

    See you!

  • 05/09/07  
    Raquel diz: 3

    Ãcho que o calo maior está na hora de nos decidir entre in, at e on, mais especificamente estes dois últimos já que ‘in’ significa dentro, fisicamente falando.
    Acho que as mulheres são mais fáceis de entender do que as preposições sim, tá?? :)

  • 21/09/07  
    Chirard diz: 4

    Great comment!
    Have any idea how I can get employment by
    the english courses over here (Brazil).

    Eu tambèm falo português.

    Manda-me email, se tiver a resposta.

    Obrigado.

  • 15/09/08  
    Amanda ferreira vicente diz: 5

    miuto obrigado agora acho q fico nota 1000000 em ingles né

  • 01/10/08  
    Vania OLiveira diz: 6

    Essa valeu…. jamais tente entender as mulheres , porque vai perder todo encanto feninino, ou seja, os segredos do coraçao. E em relaçao as preposicoes e estudar e nada mais e como a lingua inglesesa nao tem regras , por que vamos complicar … erro na colocaçoa de preposiçao , fala ou escreve novamente e pronto…

  • 01/10/08  
    Joilson diz: 7

    Alessandro, parabéns pelo excelente trabalho no blog. Não se quer palavras para agradece-lo. Eu, como muitos outros inciantes, ou não, adoramos suas dicas e sugestões.
    Gostaria, se possível, que me tirasse uma dúvida: Qual a diferença do verbo “acompanhar” nas frases abaixo?

    Can you accompany me?
    Can you to keep up with me?

  • 27/11/09  
    Carlos diz: 8

    I know that this site helps a lot, I know it very well, but I have problems : prepositions… I can understand a bit about prepositions, however, not the enough because I am going to do the test “Pet” of the Cambridge next week and maybe I have no time to learn more.
    Please, If you have done this test, Could you send me some tips? I’m very anxious and afraid.

  • 12/04/10  
    Mauricio Luandê diz: 9

    Geralmente tanto em inglês como em português as preposições são palavras que ligam o termo antecedente com o termo posterior. No sentido geral as preposições indicam:

    posse – of the, of, etc

    instrumento – at, by, an etc

    direção – at for , on, in etc