Discussão: A gramática não te levará à terra prometida

Avatar do usuário Lucas PAYNE 260 7
As vezes as pessoas querem dar uma opinião referente a um assunto que elas não tem o mínimo domínio ou conhecimento, isso acaba gerando informações desencontradas e prejudicando aqueles que buscam por meio desta uma ajuda sobre o assunto destacado acima.

Vou aqui mostrar como a gramática funciona na pratica.

Minha amiga Lygia tem aulas no seu curso toda a semana voltadas para a gramática e sim lá eles dizem treinar o aluno em todas as habilidades.
Eu nunca fiz curso, nunca gastei nada com livros de gramática ou algo do tipo.

A Lygia sabe preencher as lacunas dos seus livros do curso.
O Lucas sabe se comunicar efetivamente com seu amigo professor de inglês.
A Lygia foi reprovada em 4 empresas no teste de fluência .
O Lucas tem um chefe britânico que não diz uma palavra em português.
A Lygia esta a 5 anos estudando inglês.
O Lucas está a 1 ano aprendendo inglês.
A Lygia já gastou R$ 14.675.00 no seu curso e ainda não teve retorno.
O Lucas gastou R$ 50.00 em um livro do Denílso de lima e R$ 15.00 no livro aqui do EX (como melhorar seu inglês em 18 dias.) um total de R$ 65.00
A Lygia esta pensando em parar seu curso.
O Lucas está aprendendo Italiano e Alemão agora.

A Lygia tem aulas voltadas para gramática toda a semana.
O Lucas...nunca viu, não tem a menor vontade,e esta muito bem sem gramática

Melhor do que falar é provar na pratica a diferença!

Não sou contra quem estuda gramática ou não vive sem ela.
Poém no meu caso eu aprendo tudo que preciso na pratica me expondo e permitindo que as pessoas me corrijam.
MENSAGEM PATROCINADA Para aprender mais sobre os Tempos Verbais baixe agora o: Guia Grátis de Tempos Verbais em Inglês. Ele contém um resumo bem estruturado para revisar os conceitos que você aprendeu na escola.

Clique aqui e saiba como baixar!
Avatar do usuário yagoag 20
Eu acho o seguinte: é muito importante a gente ver a gramática sim, não necessariamente algo muito preciso. Vemos como posicionar, qual a função de determinadas palavras e that's fine.
Eu estudo na Fisk, portanto sempre tive bastante gramática, mas é uma gramática muito bem construída, você aprende e utiliza aquilo dali à frente no curso e eu acho que isso é o mais importante. Você deve aprender aquilo que você realmente vai utilizar.
O complicado é que o aluno não pode ficar só lá, decorando a gramática, ele tem que entender e logo usar a gramática. Uma das coisas mais bacanas que tem é que a partir do momento que você recebe uma explicação você começa a prestar mais atenção naquilo. Muitas vezes você já sabia, mas era tudo no automático, causando você a ficar por vezes receoso.
Se você recebeu um conhecimento de gramática que você não achou aplicação, veja se realmente é isso, se é não inútil e, se for, esqueça. Move forward.

O que não dá é além de ficar decorando gramática e não utilizar ela ainda não procurar por mais. É impossível um curso te deixar fluente em 2, até 4 horas por semana. Aprender envolve muito speaking e isso nem sempre o curso pode fazer com você, primeiro porque o tempo é extremamente limitado, segundo porque nem sempre atividades prontas ou ideias suas batem com o que a classe gosta.

Procure o que você gosta, imite, aprenda, traduza se necessário, depois, se não se sentir totalmente seguro, procure sim a gramática, mas como base de apoio para o que você já sabe. É para isso que serve a gramática.

Eu, por exemplo, odeio a gramática do colegial, acho meu professor péssimo, não aprendo nada com as aulas de gramática, afinal eu já sei falar! Eu aprendo muito mais com a gramática do Inglês associando ao Português do que nas aulas de gramática de Língua Portuguesa! Eu não sei analisar sintaticamente e com precisão uma frase mas sei dizer se está errada e sei construir corretamente. É isso que é a gramática, você tem que saber o bastante para se sentir confortável, a única pessoa que pode regular isso é você mesmo!

That's my opinion, folks!
Só lembrando q inglês fluente e inglês formalmente correto não são a mesma coisa... Pode ter alguém que saiba muito vocabulário e gramática mas seja péssimo em fluênca, assim como podem haver pessoas que não tenham um vocabulário tão rico mas têm melhor fluência, q seria se comunicar, entender e se fazer entender de forma rapida, natural.