Enem cobra uso de língua estrangeira em situações do dia a d

Avatar do usuário Flavia.lm 3925 1 9 88
14/07/2010 - 09h19
Enem cobra uso de língua estrangeira em situações do dia a dia
ANDRESSA TAFFAREL
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA

Pela primeira vez, a prova do Enem contará com questões de língua estrangeira --inglês ou espanhol, dependendo da opção feita pelo estudante na hora da inscrição, prorrogada até sexta.

Como no restante da prova, o objetivo é que o candidato seja capaz de aplicar seus conhecimentos às situações do cotidiano.

Perceber, por exemplo, a função ou o uso social de palavrinhas em inglês (como "new", "kids", "fashion") que aparecem em anúncios publicitários é uma das habilidades que podem ser cobradas no exame.

Desse modo, alunos que não dominam nenhuma das línguas estrangeiras, principalmente os oriundos de escolas públicas, não seriam tão prejudicados.

(...)

A inclusão de línguas estrangeiras já estava prevista no novo Enem, modificado no ano passado. No entanto, ficou definido que essa cobrança só começaria neste ano para dar mais tempo para as escolas se adaptarem.

texto completo em: http://www1.folha.uol.com.br/saber/7666 ... -dia.shtml
MENSAGEM PATROCINADA Faça um teste de inglês e descubra seu nível em 15 minutos! Este teste foi desenvolvido por professores e linguistas certificados. O resultado sai na hora e com gabarito.

Clique aqui para iniciar o Teste Online!
Vou fazer o Enem este ano e achei excelente, afinal o inglês esta no nosso dia-a-dia. ;)
Avatar do usuário ailime 60 1
Não há dúvida de que a inclusão de língua estrangeira em qualquer tipo de seleção é essencial nos dias de hoje, tanto é que desde que eu conheço a FUVEST, o conhecimento de Inglês . é requerido. Entretanto, no ENEM, acho que novamente, os alunos de rede pública estarão em grande desvantagem em relação aos alunos das escolas particulares; e, o motivo acho que todos sabem o por quê.
Aqui inglês na escola é 'the to be verb'.
aeduardo,

Aqui inglês na escola é 'the to be verb'. concordo com você na escola que eu estudei vim no terceiro ano, ter uma professora que saiu um pouco de só verbo to be. Mas com certeza não é o suficiente para fazer uma prova de língua inglesa, porém, olhando a matriz do enem acredito que não haverá muito problema com isto, e espero que as escolas publicas tentem ensinar algo mais ao aluno, no que se diz referente ao ensino de inglês. Não podemos negar que isso é fenomal para educação brasileira como um todo, agora é esperar para ver como será o ENEM
Beleza, vou voltar a esdudar o ingles girando em torno do dia a dia, no social. Vou usar a net e vou entrar onde os gringos entram. Acho que vou ter que aprender sobre as abreviaçoes deles, srsrsr....para sair da abreviaçao. Como nós: tipo: ( blz, te + ) - ( Beleza, até mais )
Tiago, é o ingles no nosso dia-a-dia