Expressões e palavras traiçoeiras na língua portuguesa

Avatar do usuário Ravenna 70 3
Para 'refrescar' a memória, a definição de pleonasmo
-----> redundância de termos no âmbito das palavras, mas de emprego legítimo em certos casos, pois confere maior vigor ao que está sendo expresso (p.ex.: ele via tudo com seus próprios olhos) -Dic. Houaiss

C-ya!
Avatar do usuário moni_si 10
Ravenna escreveu:Para 'refrescar' a memória, a definição de pleonasmo
-----> redundância de termos no âmbito das palavras, mas de emprego legítimo em certos casos, pois confere maior vigor ao que está sendo expresso (p.ex.: ele via tudo com seus próprios olhos) -Dic. Houaiss

C-ya!




Sempre vale ressaltar que a diferença entre estilo e erro, só conhece realmente o autor da frase, isto é, se ele fez de próposito ou sem querer.

O Pleonasmo tanto pode ser figura de linguagem, como vício de linguagem.

O Pleonasmo literário (que pode ser visto como a famosa "licença poética") é o que, como disse a nossa colega Ravenna, enfatiza o que está sendo dito:

por exemplo:
"Assim que o dia amanheceu lá no mar alto da paixão, dava pra ver o tempo ruir..." (Djavan - Oceano)

Ou o Pleonasmo vicioso, que ao contrário, denota desconhecimento do idioma e insegurança, além de um texto pesado e desinteressante, que pode estar em apenas um termo ou até numa sentença inteira:

"O desconhecido anônimo que ninguém sabia quem era nem como se chamava não se identificou em nenhum momento, mantendo sigilosa sua identidade". ( essa frase é minha, mas, diga que não pensou que era um texto de artigo policial?)

E vale lembrar, que nem toda letra de música, necessariamente está usando uma licença poética ou um pleonasmo literário... embora essa seja a desculpa da moda mas...

"Ah esse coqueiro que da coco... aonde amarro a minha rede... nas noites claras de luar..." (quem se atreveria a questionar essa sumidade que compôs Aquarela do Brasil, um dos sambas mais cultuados da MPB, o senhor, Ary Barroso?)

"O que é imortal não morre no final..." (well... quem acredita que a Sandy da dupla Sandy e Junior estava sendo poética nessa "versão" livre da canção dos Bee Gees com Celine Dion?)

neste caso, fica ao critério do leitor/ouvinte, mas continua sendo pleonasmo... rs
MENSAGEM PATROCINADA Faça um teste de inglês e descubra seu nível em 15 minutos! Este teste foi desenvolvido por professores e linguistas certificados. O resultado sai na hora e com gabarito.

Clique aqui para iniciar o Teste Online!
Avatar do usuário Ravenna 70 3
Engraçado como o a poesia pode enganar qualquer um... :lol:
Ontem, estava meio distraído e acabei pensando em algo que pode confundir um estrangeiro numa boa. Aliás, poderia até confundir a gente se não tivéssemos contato com o Português todo dia.
A confusão está na palavra calça e calçado. Se fôssemos seguir a lógica, calça é a parte do vestiário que usamos para cobrir as pernas, então naturalmente vesti-la seria o ato de "calçar". Contudo, por mais estranho que pareça, pouca gente usa "calçar" no sentido de por calças - pelo menos, eu nunca ouvi. Usamos para colocar sapatos - daí calçados, é claro. E também para colocar luvas.
Talvez não seja nem um erro. Pode ser que ao longo do tempo, as pessoas perderam o costume de usar o verbo no sentido de vestir calças. De qualquer jeito, chamou minha atenção, e um estrangeiro desacostumado com o português do Brasil pode ficar meio desorientado com isso.
Avatar do usuário Adriano Japan 760 1 17
Ravenna escreveu:
Marcio_Farias escreveu:"Preferir ... do que ..." as in "Rebeco preferiu estudar tailandês do que inglês" :( Incorrect
"Rebeco preferiu estudar tailandês a inglês" :) Correct


Esse nome "Rebeco" existe? LOL nunca tinha ouvido antes. ;) :mrgreen:


Ravenna, minha família é italiana, por pouco não me chamo Adriani :? :cry: :oops:
Avatar do usuário Ravenna 70 3
:D heheh - tenho um primo que chama Danielle!

p.s. alguns nomes italianos terminados com 'e' não tem conotação feminina - como Danielle, Simone, Gabrielle, etc.

Avatar do usuário moni_si 10
Alex Nunes escreveu:Talvez não seja nem um erro. Pode ser que ao longo do tempo, as pessoas perderam o costume de usar o verbo no sentido de vestir calças. De qualquer jeito, chamou minha atenção, e um estrangeiro desacostumado com o português do Brasil pode ficar meio desorientado com isso.



imagine entao a possivel confusao ante a seguinte situação:

"o vento está fazendo aquela porta bater, precisamos de alguma coisa para calçar a porta"

o que o coitado do estrangeiro vai pensar????

rs
Avatar do usuário Marcio_Farias 12280 1 21 206
moni_si escreveu:imagine [...] a possivel confusao ante a seguinte situação:

"o vento está fazendo aquela porta bater, precisamos de alguma coisa para calçar a porta"

o que o coitado do estrangeiro vai pensar?

Vai pensar que o vento tem mãos e que a porta anda de sapato. Simples. ;)
Avatar do usuário moni_si 10
adorei, Marcio!

rs
MENSAGEM PATROCINADA Há quanto tempo você estuda inglês? Já passou por sua cabeça que você pode estar estudando de uma forma que dá pouco ou quase nenhum resultado? Que tal fazer um intensivo de inglês de 180 dias e recuperar o tempo perdido? Em 6 meses você pode elevar o seu inglês a um novo patamar.

Clique aqui para conhecer o curso!