How to get from B2.2 to C1 English level?

Hey guys, how you doing?

There are so many years I've been studying and involved with the English Language. Most people I have contact with, using the English language says my English is very good, however today I am struggling with difficult to reach the next level. Last year, I went to San Francisco on my vacation time for a 3 week immersion in the US in order to improve my skills on the language. Using the framework I was placed in a B2.2 course, however looks like I am stuck at this level for some time.

After coming back from the US I got a job which we have every day meetings using the English language with Americans. When I went to Atlanta to attend some meetings, I could understand most part of the conversations, but I knew that I could improve a lot to reach a level which would make all that meetings much more easy.

I'd consider my level stuck at the B2.2. The only thing I have in mind to improve my english, is getting more vocabulary with simplified text books like penguin readers, etc, etc...

What I want to reach for now is the C1 level.

What would you recommend me to improve my language skills, and leave the B2.2, reaching the C1 level?

Mais Votada Mais Votada

Avatar do usuário Cinnamon 15265 14 41 345
Hi there!

Não sei se é de grande ajuda, mas segue minha opinião:
Seu inglês parece muito bom, você escreve bem e já tem experiência abroad. Essa necessidade que vc têm de acertar o próximo passo ou nível acho que todos temos, ou pelo menos já tivemos.
Creio que o melhor meio de se adquirir cultura, fluência, estilos de linguagem, vocabulário (idioms, phrasal verbs, so on) é a leitura.
Você mencionou livros para estudantes, aqueles que tem número determinado de palavras, mas minha dica é: Leia esses e todos os outros que puder.
Tenha como objetivo chegar a um full text book de 800 páginas, e conseguir ler como a mesma desenvoltura que lê um livro em português. Se você não tiver o hábito da leitura não se acanhe: até mangá, revista esportiva, tudo mas tudo mesmo, faça da oportunidade de ler um complemento do aprendizado de inglês. Mas na leitura procure diminuir ao máximo a necessidade de tradução. Eu por exemplo já tive que lutar pra evitar esse péssimo hábito quando lendo e-books no tablet, porque esses aparelhos possibilitam verificação de vocabulário simultânea. Mas num determinado momento do aprendizado de línguas traduzir dificulta exponencialmente a aquisição de fluência na leitura.
Então meu amigo, comece com os livros pra estudantes ESL, mas pense a respeito da leitura integral que pode ser Harry Potter (falo porque li os sete livros both versão americana e britânica, aliás tenho os quatorze livros) :roll:, even The Bible, if you like it, by the way I have an English version of The Holy Bible.
Se você gosta de leitura em geral vá para revistas e jornais online, dá pra ver as notícias do dia à dia, enfatizar o assunto de sua preferência. No link abaixo no tutorial tem uma "reading room" no qual vc encontra grandes jornais e revistas, os britânicos The Guardian, The Observer... Os americanos The Washington Post, Los Angeles Times, a revista Newsweek, etc... Você escolhe qual país... Tem livros também, mas versões antigas que se tornaram de domínio público.

http://www.englishpage.com

O site é britânico, mas a parte a gramática, o conteúdo do Reading room é como eu disse diversificado.
Leia tudo que puder. E continue o caminho do aprendizado... Ah e parabéns!

Cheers!

:ugeek:
MENSAGEM PATROCINADA Aprenda dicas sobre os tempos verbais em inglês! Baixe agora o seu Guia Grátis de Tempos Verbais em Inglês. Ele contém um ótimo resumo para revisar todos os conceitos.

Clique aqui e saiba como baixar!
Hey Cinnamon, thank you for the english-page website. That is really nice.

I enjoy so much reading, and I do during my days at work -- usually reading about computer science. I like to read this kind of small books at home, and I feel they are the best way for a student with my level to acquire more vocabulary and fluency.

Thanks for your contribution!

Best regards,

Ademir
Avatar do usuário Charles Bunn 50 1
Cinnamon, poderia explicar a razão da tradução dificultar?

"Mas num determinado momento do aprendizado de línguas traduzir dificulta exponencialmente a aquisição de fluência na leitura."
Avatar do usuário Cinnamon 15265 14 41 345
Hi Charles!

No começo do aprendizado não há problemas. Nesse momento aprendemos mais a estrutura da língua com um vocabulário que ainda não é extenso, portanto, compreensível que queiramos traduzir praticamente o tempo todo. ;)
Com a fluência, ocorre a necessidade de entendermos os conteúdos como um todo, é o que fazemos com a língua mãe, não precisamos ouvir ou ler e entender palavras isoladamente, a coisa é meio que automática. Palavras como preposições, conjunções, entre outras, ou seja aquelas que dão estrutura à língua, mas com pouco significado, são ouvidas no caso de listening e vistas no caso do reading numa espécie de pincelada ou um flash.
No caso da leitura e do listening chamamos esse entendimento de "fechamento", a capacidade do cérebro de concluir estruturas de linguagem, levando em conta a experiência anterior. Fazemos esse fechamento o tempo todo com a língua mãe e devemos chegar a esse nível nas línguas aprendidas posteriormente se quisermos nos considerar leitores fluentes. Assim como para nos tornarmos falantes fluentes, precisamos copiar chegar ao patamar dos fluentes sejam nativos ou não de países de língua inglesa.
Não sei se estou sendo complexo, mas esse fechamento é o que diferencia um leitor fluente, de um que não o seja. O extremo oposto a um fluente na leitura é o chamado analfabeto funcional, que muitas vezes não pode ler nem sequer aquilo que escreveu.
Agora imagine um livro de quinhentas páginas, se tivermos que procurar todas as palavras que tivermos dúvida fica improdutivo. Nada contra fazermos verificação de vocábulos novos, mas com a fluência podemos entender a maior parte dos textos por contexto. Por isso que temos que começar com os chamados livros para estudantes "ESL-English as a Second Language", porque esses livros tem um alcance "range" do tipo:

Básico 1.000 a 1500 palavras (é o alcance do livro em termos de vocábulos diferentes);
Intermediário 1500 a 2.500 palavras;
...
Full text 7.500 a 10.000
Alguns falam em cerca de 30.000 palavras para alguém fluente.
Note: esses parâmetros são apenas um exemplo, não os tome como exatos Ok. :roll:
Na verdade, não gosto de pensar em número de palavras, mas o emprego delas, como elas surgem em conjunto. Os chamados idioms, collocations, phrasal verbs... Tentar ler um conteúdo extenso verificando muitas palavras não só se torna "boring" mas também muitas, muitas vezes nos leva a traduções errôneas já que o inglês pode ser muito tricky.
Não sei se deu pra esclarecer um pouco,
Essa é o minha humilde opinião, mas vale dizer que leio bastante. Hoje em dia de preferência só leio English.

See you around!
Avatar do usuário Charles Bunn 50 1
Obrigado Cinnamon.

Vou aproveitar para te perguntar outra coisa, qual a importância de se estudar por esses Graded Readers, do que ler um jornal como NYTIMES? Eles repetem mais as estruturas básicas ou simplesmente restringem o número de palavras? Eles reforças as estruturas periodicamente?
Avatar do usuário Cinnamon 15265 14 41 345
Bem lembrado Charles!

Além de restringir o número de palavras, como o inglês é uma língua em que aprendemos em diversos tipos de formações (idioms, collocations, phrasal verbs), esses livros para aprendizes trazem sim estruturas que se repetem, o que facilita para o leitor se acostumar com o livro, entendendo melhor o enredo, a trama e diversas peculiaridades que só quando nos acostumamos a ler é que percebemos.
"It is worth reading those books due to the fact they are much easier to read and interpretate. At the same time those books improve your reading skills step by step, offering those structures you can understand."

So...respondendo diretamente sim esses livros reforçam as estruturas aprendidas pois matematicamente falando com um número "determinado" de palavras as formações que ocorrem são limitadas a esse número e diretamente proporcionais a ele. O que não quer dizer que sejam poucas essas estruturas. Um livro de nível intermediário, por exemplo, carrega uma quantidade considerável dessas estruturas. ;)

See you around!

:ugeek:
Eu tenho feito o seguinte, comecei a 8 meses a estudar inglês pelo Duolingo e séries de TV. Lembro que a 3 ou 4 meses atrás não conseguia e não entendia, achava entediante pegar um livro de gramatica e tentar estudar.

Hoje já comecei a ler livros porque acredito que eles são mais fáceis de reter vocabulário. O que estou fazendo e lendo vários livros de um nível só de inglês, encontrei alguns livros que são só do nível pre-intermediário então quero lê-los e depois passar pro intermediário e logo, upper intermediário, avançado. Acham que isso funciona pra reter o vocabulário.

Obs.: semana passada loquei um livro na biblioteca publica de gramatica de inglês e folheando a sensação foi diferente, consigo entender melhor e sinto prazer em lê-lo, parece que a fome do inglês só aumenta, a gramatica ficou mais entendida depois desse tempo todo, acho que e mais intuição de olhar e ver coerência, tentar entender e ver que e importante. Repetindo a frase chave: acham que esse método de ler livros de um nível só de inglês (atualmente no pre-intermediário) e pois ir subindo, é uma forma eficiente para reter e aumentar o vocabulário.

Obrigado.