Para inglês entender - reportagem do Estadão abr/11

Flavia.lm 1 10 95
Para inglês entender

Não é só por causa da Copa e das Olimpíadas: se quiser ocupar um lugar de destaque no mundo, brasileiro terá de dominar a língua universal

Felipe Mortara e Carlos Lordelo - Estadão.edu

Já virou lugar-comum dizer que o Brasil está na moda. Investidores inundam nosso mercado de dólares, a respeitada revista The Economist pôs na capa a imagem do Cristo Redentor decolando, Barack Obama derramou-se em elogios na visita feita ao País em março, a Copa e as Olimpíadas estão logo aí. Tudo muito bom, mas, se o brasileiro quiser mesmo mudar seu status no mundo, vai precisar entender e ser entendido. Isso passa pelo domínio da língua universal, o inglês, objetivo que hoje parece bem distante.

texto completo em: http://www.estadao.com.br/noticias/vida ... 0646,0.htm

Anúncio Você tem medo de falar inglês? - Se você já estudou inglês mas ainda se sente inseguro(a) saiba que o primeiro passo é se expor ao idioma. Converse grátis por 15 minutos com um professor de inglês nativo, você vai se surpreender o quanto isso pode fazer a diferença.

Começar agora!
5 respostas
Cara Flavia, seu post sobre seu intercambio, e fiquei um tanto apreensivo. Estou indo em julho para San Francisco para passar um mes fazendo curso de ingles na escola Language Estudies International USA - LSI, que na verdade fica em Berkeley.
Tenho 49 anos, sou um executivo que esta viajando com a familia para ferias, unindo o util ao agradavel, mas meu nivel de ingles nao é tão bom assim, acho que vou boiar a maior parte do tempo.
Voce nao disse onde está, pelo menos não me lembro. Voce conhece San Francisco? Acha que está valendo a pena o investimento. Acha que, pra quem é apenas iniciante, é uma loucura o que vou fazer? Voce conhece essa escola?
Até 2016 o Brasil ganhara mais 500 brasileiros fluente no idioma universal.
Marcio_Farias 1 23 214
Lucas, how do you know?
Simplesmente pelo fato de cada 100 alunos que terminam o curso de idiomas, 15 deles conseguem falar o idioma com dificuldade e após o termino nunca mais tem algum contato com a lingua.

Simnplesmente porque nós temos cerca de 10mil escolas de idiomas espalhadas pelo pais mas acho muito dificil nós termos 10mil falantes do idioma. Isso contando 1 aluno por escola.
Flavia.lm 1 10 95
@: Lucas, sua afirmativa não tem fundamento nenhum, apesar da sua "matemática" pra explica-la.

@J.W. Ferrari: estou em San Francisco, volto pro Brasil no mês que vem. Se vc tem algum conhecimento prévio do inglês, eu aproveitaria os próximos 2 meses que vc tem antes da viagem para focar no planejamento da viagem em si, talvez estudar um pouco de vocabulário. Eu não conheço a escola q vc falou, mas no seu lugar eu procuraria saber a respeito da faixa etária dos alunos (se está indo através de uma agência, eles têm como verificar isso pra vc). Se é curso de Business, provavelmente vai ter um pessoal mais velho. E, principalmente pela sua idade, imagino que a maturidade ajude a identificar possíveis situações onde vc pode querer modificar algo no seu curso, e normalmente as escolas de idiomas são flexíveis qto à mudança de turma, formato de curso, etc.

Fizeram algumas perguntas nos campos de comentários do primeiro artigo sobre meu intercâmbio e eu pretendo preparar um segundo texto respondendo todas elas, vou aproveitar pra falar um pouquinho sobre a minha escola e as minhas impressões sobre a cidade. Só não sei qdo o texto vai ficar pronto porque por enquanto eu tô aproveitando cada minutinho livre pra curtir essa cidade LINDA!
Ainda precisa de ajuda? Confira algumas opções:
  1. Clique no botão "Responder" (abaixo) e faça sua pergunta sobre este assunto;
  2. Faça uma nova pergunta;
  3. Converse grátis com um professor nativo por 15 minutos: Saiba como!