Por que nas frases em inglês não se pode negar duas vezes?

Julio Cesar
Eu sou estudante de inglês e houveram mini-seminários para apresentação em sala de aula.
Eu discorri sobre Old English, Middle English e Modern English. Em um certo ponto de minha explicação,
falei que, até o Século XVIII na Inglaterra, as frases podiam ter negação duas vezes, porém, deste século em diante, com o surgimento da imprensa e do inglês escrito, isso não mais acontecia (mudanças gramaticais, sei lá). Só que nas pesquisas que fiz não explicava o por quê da não utilização de duas negações em mesma frase. Vocês teriam uma explicação científica/metodológica que esclarece por que não se usa duas negações na mesma frase???

Grato

Julio Cesar
Sao Paulo
Anúncio Faça uma Aula GRÁTIS de inglês com um professor de nativo e avalie se você é capaz de se comunicar com um estrangeiro. Consulte condições.

Começar agora!
12 respostas
Ordenar por: Data
Donay Mendonça 63865 22 99 1553
Hello Julio Cesar,
I don´t actually know any scientific explanation for that.But it seems to me that two negative terms interfere with the "normal" structures of the language,make it unreadable and even unaccepatable.However it´s possible as a "poetic license"

See you....
Julio Cesar
Dear Mendonça,

Thank you for your explanation. I´ll use your reference (theory) on my presentation of tonight!

Hug

Julio
IgorRoll 15 1
Hi folks,

I through we could use in the phrase the negatives any time using anymore .... :?:

Donay, Could you explain to me this roles?

thanks, :geek:
Julio
Essa pergunta é até engraçada.

Duas negações É ERRADO. Querendo ou não é uma estrutura errada. "Eu não tenho isso" Esta frase é simples, a pessoa não possui o objeto em questão, mas na frase "Eu não tenho isso não" A pessoa agora tem o objeto, porque as negativas se anulam.

Em português, o povo se habituou a falar assim, com duas negativas. Eu falo assim e muita gente fala. O hábito se tornou tão comum que se tornou aceitável pelos gramáticos. Assim como acontecerá como PRA.

Boa sorte! :mrgreen:
CrisMcBrain 25 1
Julio escreveu:Essa pergunta é até engraçada.

Duas negações É ERRADO. Querendo ou não é uma estrutura errada. "Eu não tenho isso" Esta frase é simples, a pessoa não possui o objeto em questão, mas na frase "Eu não tenho isso não" A pessoa agora tem o objeto, porque as negativas se anulam.
Pelo que eu sei, o caso de negação dupla não é exatamente esse, mas sim quando se diz por exemplo "Eu não tenho nada". Ora, se vc NÃO tem nada (que é uma palavra negativa), vc TEM alguma coisa! Por isso que no inglês se diz "I have nothing", e não "I dont have nothing".

Bom, não sei se o nome que se dá a isso é negação dupla, mas isso é o de menos! :mrgreen:
Curso English Experts Há quanto tempo você estuda inglês? Já passou por sua cabeça que você pode estar estudando de uma forma que dá pouco ou quase nenhum resultado? Que tal fazer um intensivo de inglês de 180 dias e recuperar o tempo perdido?

Clique aqui para conhecer o curso!
Dimezzato
Hello!
This is an excerpt from Wikipedia's article "Double negation"

The double-negatives-make-a-positive rule was first introduced in English when Bishop Robert Lowth wrote A Short Introduction to English Grammar with Critical Notes in 1762.[1]
Dimezzato
Hello!
This is an excerpt from Wikipedia's article "Double negation"

The double-negatives-make-a-positive rule was first introduced in English when Bishop Robert Lowth wrote A Short Introduction to English Grammar with Critical Notes in 1762.[1][/quote]

Dimezzato
Dimezzato
Hello!
This is an excerpt from Wikipedia's article "Double negation"

The double-negatives-make-a-positive rule was first introduced in English when Bishop Robert Lowth wrote A Short Introduction to English Grammar with Critical Notes in 1762.[1][/quote]
Julio Cesar escreveu:Eu sou estudante de inglês e houveram mini-seminários para apresentação em sala de aula.
Eu discorri sobre Old English, Middle English e Modern English. Em um certo ponto de minha explicação,
falei que, até o Século XVIII na Inglaterra, as frases podiam ter negação duas vezes, porém, deste século em diante, com o surgimento da imprensa e do inglês escrito, isso não mais acontecia (mudanças gramaticais, sei lá). Só que nas pesquisas que fiz não explicava o por quê da não utilização de duas negações em mesma frase. Vocês teriam uma explicação científica/metodológica que esclarece por que não se usa duas negações na mesma frase???

Grato

Julio Cesar
Sao Paulo
Dimezzato
Donay Mendonça 63865 22 99 1553
Hello Dimezzato,

Try to be more straightforward next time.Not everyone will be able to understand you this way.Everything takes time!

Best regards!
John D. Godinho 10
Trecho do livro ONCE UPON A TIME UM INGLÊS... p. 145

"Em 1762 foi publicado o livro Short Introduction to English Grammar, de autoria de Robert Lowth, gramático e pastor anglicano, mais tarde designado Bispo de Londres. Como linguista, suas ideias eram, no mínimo, um pouco estranhas, pelo menos para nós. (Para ele, no Paraíso só se falava hebreu). O livro, como seus antecessores, era baseado na gramática latina com algumas modificações para se acomodar à língua inglesa.
Rapidamente o livro virou texto padrão no ensino do idioma e o nome de Robert Lowth começou a ser considerado como sinônimo de gramática normativa, ditando regras e parâmetros para o uso “correto” do idioma. Um bom número dos preceitos gramaticais ainda hoje em vigor, e amplamente atacados por linguistas dos dois lados do Atlântico como incoerentes, vem daquela época, muitos deles saídos do livro de Lowth. Foi dali que surgiram regras como: é proibido separar um infinitivo; não se deve terminar uma oração com uma preposição porque a preposição tem que vir antes de alguma coisa (pre- quer dizer antes em latim, entenderam?); é incorreto usar um duplo negativo porque isso é equivalente a um positivo; a palavra between (entre) só pode ser usada com relação a duas pessoas ou coisas e among com relação a três ou mais."

ONCE UPON A TIME UM INGLÊS... , página 142:

"Um bom exemplo é o famoso duplo negativo que os “guardiões” juraram de morte. Usar duas negações na mesma oração é uma declaração de ignorância suprema, dizem eles. Assim, não se deve empregar a palavra not quando usarmos termos combinados com a palavra no, como, por exemplo, no one, nobody, nothing, none, etc. Pela lógica dos gramáticos, dois “não” equivalem a um “sim.” Se quisermos usar o verbo com a palavra not, é preciso mudarmos o no para any. A regra simplesmente não leva em conta que, longe de ser uma impropriedade, the double negative era o normal do inglês de Chaucer, como era e ainda é em praticamente todas as línguas europeias. Enquanto em português correto diríamos: “Não consigo nenhuma satisfação", em inglês teríamos que dizer: “I can’t get any satisfaction.” Por isso, de acordo com os “guardiões”, quando Mick Jagger, dos Rolling Stones, canta "I can’t get no satisfaction" ele está realmente dizendo que está satisfeitíssimo - o que causaria espanto ao próprio Jagger. Para os simples mortais, é difícil entender por que o cantor usaria o reforço de dois negativos para declarar ao mundo que, sim, ele encontra prazer e satisfação com a maior facilidade. Enfim, é bom você saber que a regra é rigorosamente observada no standard English e que estará em todos os livros de gramática. Mas lembre-se de que muita gente mundo afora nem sequer toma conhecimento da sua existência."
Curso English Experts Há quanto tempo você estuda inglês? Já passou por sua cabeça que você pode estar estudando de uma forma que dá pouco ou quase nenhum resultado? Que tal fazer um intensivo de inglês de 180 dias e recuperar o tempo perdido?

Clique aqui para conhecer o curso!
Logan18 30
CrisMcBrain escreveu:
Julio escreveu:Essa pergunta é até engraçada.

Duas negações É ERRADO. Querendo ou não é uma estrutura errada. "Eu não tenho isso" Esta frase é simples, a pessoa não possui o objeto em questão, mas na frase "Eu não tenho isso não" A pessoa agora tem o objeto, porque as negativas se anulam.
Pelo que eu sei, o caso de negação dupla não é exatamente esse, mas sim quando se diz por exemplo "Eu não tenho nada". Ora, se vc NÃO tem nada (que é uma palavra negativa), vc TEM alguma coisa! Por isso que no inglês se diz "I have nothing", e não "I dont have nothing".

Bom, não sei se o nome que se dá a isso é negação dupla, mas isso é o de menos! :mrgreen:
I think CrisMcBrain is right in his statement or he'll be more closer to the correct answer. But I believe in Brazil it is not acceptable... this is an incorrect way to emphasize any phrase...

Well, this is my opinion if I'm wrong please correct me...
RenanKenplers 85 3
Nossa, até que enfim alguém discutiu sobre isso.

Não aguentava mais ser rotulado como *louco* quando eu afirmava que ''se você não não tem nada, então ou você tem algo ou você tem tudo''. Hahahaha. Como já disseram, isso é só para enfatizar. Mas ficou tão popular, que ninguém escreveria numa redação para um concurso ''eu tenho nada a perder''... mas sim ''eu não tenho nada a perder'', que traduzindo, significa que você SIM, TEM ALGO A PERDER. Maior controvérsia.

É a mesma coisa quando falamos: Ah! Eu não tinha nenhuma moeda no meu bolso.
Que seria: I had no coins in my pocket/I didn't have any coin in my pocket, em inglês, sem a tão falada repetição.

Adorei o post ha.
Anúncio Você tem medo de falar inglês? - Se você já estudou inglês mas ainda se sente inseguro(a) saiba que o primeiro passo é se expor ao idioma. Converse grátis por 15 minutos com um professor de inglês nativo, você vai se surpreender o quanto isso pode fazer a diferença.

Começar agora!