TOEFL x IELTS, viajar para o exterior, etc.

Vejamos como começo explicar minha situação... Sempre fiz curso de inglês desde a adolescência mas por causa da vida de vestibulando perdir a prática de pensar em inglês e meu vocabulário enfraqueceu. Fiz dois ano e meio de curso para a prova do FCE porem não consigo passar. Por isso neste ano de 2011 quero investir meu tempo em algo realmente me ajude a avançar no inglês e estava pensando em viajar no segundo semestre para outro país afim de tentar um tratamento de choque para que minha fluência melhore próximo aos 100%. Por isso quero saber a opinião dos experientes se vale apena viajar, se eu preciso fazer o FCE para fazer outros exames e quais são os melhores exames para fazer uma pós no exterior e até trabalhar de forma regularizada. Qual a diferença entre o TOEFL e IELTS? É só deles que preciso se quiser arranjar alguma coisa la fora? Aguardo respostas pelo forúm ou pelo meu e-mail que quiser me ajudar.
Editado pela última vez por Donay Mendonça em 08 Jan 2011, 17:00.
Razão: Melhorar o título

Anúncio Você tem medo de falar inglês? - Se você já estudou inglês mas ainda se sente inseguro(a) saiba que o primeiro passo é se expor ao idioma. Converse grátis por 15 minutos com um professor de inglês nativo, você vai se surpreender o quanto isso pode fazer a diferença.

Começar agora!
2 respostas
Donay Mendonça 22 102 1.5k
Igor,

Sim, vale a pena viajar, porém, não é algo indispensável para se aprender bem, na minha opinião. O Toefl é um dos melhores exames que já ouvi falar. A diferença entre Toefl e IELTS é que o IELTS é mais complexo e voltado para a área técnica.


Bem Vindo Ao Fórum!
Gabi 1 1 15
Uma amiga minha prestou o IETLS e eu ví um pouco o que ela estava estudando. Além das redações, era necessário dissertar sobre alguns gráficos que ela tinha na prova.
Ela estava prestando para poder entrar na faculdade.
Ainda precisa de ajuda? Confira algumas opções:
  1. Clique no botão "Responder" (abaixo) e faça sua pergunta sobre este assunto;
  2. Faça uma nova pergunta;
  3. Converse grátis com um professor nativo por 15 minutos: Saiba como!