Reportagens do New York Times - cap. 2 - Tradução em português

Olá, pessoal, tudo bom?
Voltando às pequenas traduções de trechos de reportagens do New York Times, vamos ver mais uma a respeito de um tema atual: o terremoto no Japão. Hoje vai ser rapídissima, apenas o título de uma matéria. Beleza? Vamos lá!

Blindsided by Ferocity Unleashed by a Fault

1 - "To blindside", na verdade é um termo que eu nunca vi, então fico feliz em aprender mais. Minha fonte diz que significa "atacar ou bater no, ou partir do, ponto cego". Isso não ajuda muito, mas graças a Deus outra fonte diz que também pode significar "ser pego de surpresa". Fica bem mais lógico e até tem um pouco a ver.
2 - "To unleash" é liberar, soltar, deixar livre. Essa palavra me lembra aquele jogo do Star Wars: Force Unleashed.
3 - Fault - Aqui eu duvido que signifique "culpa". E não é mesmo. Significa "falha", não de "defeitos", mas falha geológica. (O contexto ajuda bastante, sempre).
4 - O "by" muitas vezes é traduzido logo de cara como "por" (e esse é o caso desse exemplo). Mas quando está em um contexto de obra e autoria, prefiro vê-lo como "de". (ex: The Shinning, by Stephen King, is one of the most scary books I've ever read - O Iluminado, de Stephen King, é um dos livros mais assustadores que já li). Há situações que entendo "by" como "com". (ex: By "scary", you mean "terrifying"? - Com assustador, você quer dizer aterrorizante?)

Eis, então, minha sugestão de tradução:
Pegos de surpresa pela ferocidade liberada por uma falha geológica.

*Coloquei "pegos" no plural, porque acredito que se refira a todos os japoneses afetados pelas consequências do terremoto.
E aí, ficou legal?

Sabe a resposta? Seja um colaborador(a)! Ao responder questões no English Experts você ganha pontos de Reputação. Se você atua na área de idiomas, suas participações na comunidade podem ser uma ótima vitrine para o seu trabalho.

Registre-se agora e faça parte!
Colabore