Meat of the problem - Tradução em português

Oi Pessoal,

Estava lendo um artigo: "Praise Is Fleeting, but Brickbats We Recall" onde encontrei a expressão "meat of the problem".
Já procurei em vários lugares e não encontrei uma boa definição para esta expressão em Português. Por que o autor não utilizou a expressão: "core of the problem" ou algo semelhante?

Muito bom o artigo. Link para leitura:
http://www.nytimes.com/2012/03/24/your- ... d=all&_r=0

Obrigado,
João Marcos

ATIVE O ENGLISH PLUS Além de aprender sem anúncios, você terá acesso: aos Cursos do English Experts, a respostas verificadas por especialistas (ilimitado) e ao aplicativo Meu Vocabulário. ATUALIZAR AGORA
7 respostas
Sra_Tradutora 6 75
Ver o American Heritage Dictionary:
http://ahdictionary.com/word/search.html?q=meat

3. The essence, substance, or gist: the meat of the editorial.
OK. Mas o que carne tem a ver com esta expressão?
Esta expressão pode ser utilizada no dia a dia, como por exemplo: A empresa estava enfrentando dificuldades, até descobrir que "the meat of the probleam" eram os preços desatualizados??
Sra_Tradutora 6 75
É um desses conceitos que tem muitas palavras para dizer a mesma coisa. Você pode falar da essência de um problema usando todas essas palavras, que são praticamente intermutáveis: meat, core, crux, essence, heart, nub, crucial point, decisive point.

Acho que a referência à carne tem que ver com a parte "mais importante" de um animal: a parte que se come, a parte para a qual o animal é caçado ou criado, é a carne, e não os ossos, os órgãos, etc.
PPAULO 6 48 1.1k
Sim, e pegando carona na mensagem da Sra_Tradutora, da mesma forma (se assim fosse) a cruz (crux, cruce) não teria a ver, nem heart teria muito...

É o modo como a línguística funciona, quando se passa de inglês para português e vice-versa, serve até pra brincar em chats que "o gato brasileiro tem sete vidas e o americano e inglês teem nove!" rsss.

É como vi uma piada no Facebook, uma pessoa disse que pra comemorar o dia dos namorados não precisaria ter namorado. Se assim fosse ela teria que passar um dia com um índio no dia do índio, passar um dia com uma árvore no dia da árvore e passar um dia com um defunto no dia de finados, ha ha ha!
Ok PPAULO, muito boa a sua resposta.

Se alguém mais puder comentar seria ótimo.
felipeh6 7 56
Hello,

In a very simple way, couldn't it mean "the reason of the problem"?
PPAULO 6 48 1.1k
Depends on the problem, and on the context Felipe.

For example, a headache could be the reason she takes medicines everyday, right? No! the reason could be that she has a condition/disease, so the reason was a thing and the meat/heart of the problem was the disease.
That is, the disease was just a symptom, not the reason.

===============
To make the point, let´s now get back to the initial question posed by Joao Marc0s:

In the item it goes that:
"He also said research had shown that how the brain processed criticism — that we remembered much more after we heard disapproving remarks than before — belied the effectiveness of a well-worn management tool, known as the criticism sandwich. That is offering someone a few words of praise, then getting to the meat of the problem, and finally adding a few more words of praise. "

Isto é, quando for fazer uma crítica ofereça antes/no início algumas palavras de elogio, então vá a essência do problema, e finalmente faça mais alguns elogios (não falsos, procure algo verdadeiro para elogiar).


Concordo com você num ponto, no meio da conversa você vai apresentar a razão da conversa (e por conseguinte "a razão do problema). Mas dizer simplesmente "apresentar a razão do problema" aqui, poderia significar para muitos que o indivíduo crítico poderia "entrar de sola" (afinal temos um problema). Daí que a essência minimiza um pouco a frase.