Podcast: pronúncia da letra S no final das palavras

Olá, pessoal, eu sou o professor Adir Ferreira e hoje vou fazer um podcast especial aqui pro English Experts sobre pronúncia, cobrindo algumas das dificuldades mais comuns que os alunos brasileiros têm.

Você pode acompanhar o podcast com o script também, ok?

Ouça o áudio completo:

Tire suas dúvidas sobre os tempos verbais, baixe um guia grátis da English Live: Guia de Tempos Verbais em Inglês. Ele contém um resumo bem estruturado para revisar os conceitos que você aprendeu na escola. Clique aqui e saiba como baixar!

Já leciono inglês e espanhol há muitos anos e vejo que uma dificuldade entre alunos e até mesmo professores de inglês é a pronúncia da letra S no final das palavras e hoje vamos ver porque isso acontece.

Vamos começar falando sobre algo que se chama voicing. Você vai me ouvir dizer essa palavra bastante no podcast de hoje. Todos os sons que emitimos são ou voiced ou unvoiced. “Nossa, Adir, o que será isso?”. Eu já explico. Já ouviu falar das cordas, ou pregas vocais? Então, elas são uns músculos bem pequenos que ficam na sua garganta e vibram rapidamente e criam sons, que vem a ser sua voz.

Quando suas cordas vocais vibram e produzem som, isso é chamado de voicing. Você pode sentir a vibração das cordas vocais colocando dois dedos na parte de fora da garganta, mais ou menos dois dedos para baixo do queixo. Agora diga a letra A, assim AAAAAAAAA. Viu como vibrou?

Todos os sons de vogais são voiced, faça o teste, diga A, E, I, O e U e sinta que a cada emissão de som você sente a vibração na sua garganta. Agora quando falamos das consoantes é a horse of a difference color, uma outra história. Algumas consoantes são voiced, ou seja, fazem as cordas vocais vibrarem e outras são unvoiced, não ocorre a vibração.

Existe um caso muito interessante que algumas consoantes têm quase a mesma articulação, são parecidas, e uma é voiced e a outra unvoiced. Veja por exemplo o som da letra P, ouça, P P P P, percebeu que as cordas vocais não vibram? Entao, o som da letra P é unvoiced, pois não ocorre a vibração. Quando adicionamos voicing à letra P, temos o som de B, que é voiced, existe a vibração. Escute: P P P P B B B B. Veja, o som do P não é voiced, o do B é. A articulação das letras é a mesma, a diferença acontece na garganta, tendo voicing ou não. Chamamos isso de paired consonants, consoantes pareadas.

Vejamos mais alguns casos. A letra T por exemplo, quando a pronunciamos, não usamos voicing, as cordas vocais não vibram, T T T T. Usando a mesma articulação, produzimos a letra D, que tem voicing, D D D D. Nesse caso as cordas vocais vibram. T e D também são paired consonants.

Mais algumas paired consonants são F e V, G e J, S e Z, entre outras. Tivemos toda essa introdução sobre voicing e unvoicing para tratar exatamente dos sons de S e Z finais em inglês. Muitos cursos de inglês negligenciam o estudo desse caso e hoje vou ensinar três regras básicas para você nunca mais errar a pronúncia dos sons de s e z no final das palavras em inglês.

Há quanto tempo você estuda inglês? Já passou por sua cabeça que você pode estar estudando de uma forma que dá pouco ou quase nenhum resultado? Que tal fazer um intensivo de inglês de 180 dias e recuperar o tempo perdido? Em 6 meses você pode elevar o seu inglês a um novo nível. Clique aqui e saiba como.

Regra 01

Se o último som numa palavra é unvoiced, ou seja, não tem vibração nas cordas vocais, o som do S no final da palavra vai ser unvoiced também, S S S S. Vou dar um exemplo: a palavra cup (xícara). Cup termina com um som de P, que é unvoiced, então quando vamos fazer o plural dela, o S também é unvoiced: cups, cups, cups. One cup, two cups, three cups, etc. Este caso é mais fácil pois é assim que fazemos em português. Outros exemplos: cat – cats.

Esta regra também vale para os verbos, quando são conjugados na terceira pessoa do singular, he, she e it. Vejamos por exemplo o verbo to break, que termina com o som de K, que é unvoiced, K K K K, não produz vibração. Eu digo I break, e quando conjugo com he, she ou it fica he breaks, she breaks, etc. Um outro exemplo com o verbo to stop, I stop, he stops, she stops, stops, não ocorre vibração pois termina com o som de P, unvoiced.

Mais alguns exemplos com unvoiced sounds: a week, two weeks – a desk, some desks – a lamp, several lamps.

Regra 02

Pronunciamos o s no final das palavras como z, quando ele vier depois de verbos conjugados na terceira pessoa do singular (he, she e it), substantivos no plural, possessivos e contrações depois de vogais e consoantes que são voiced, os sons de /b/, /d/, /g/, /v/, /m/, /n/, /ng/, /l/ e /r/, que são os casos mais comuns. Lembre-se de que todos estes sons são voiced, provocam vibrações nas cordas vocais quando são feitos.

Ouça as palavras e acompanhe com o script. Primeiro alguns substantivos no plural: cans (latas), dogs (cachorros), heads (cabeças), labs (laboratórios), leaves (folhas), potatoes (batatas), rooms (salas) e things (coisas).

Agora, algumas formas verbais: she breathes, he comes, Mary cries, Jack does, he leaves, she rides, Sue runs, Pat sees, the presenter shows. Ouça também alguns possessivos e contrações com is: Bob’s, Peg’s, Martha’s, his, hers, yours, ours, theirs, he’s, she’s.

Dica: quando a palavra terminar em som de vogal, o S também é pronunciado como Z.

  • one tree, two trees
  • one day, three days
  • one boy, five boys
  • I don’t fly, but a bird flies

Regra 03

Depois dos sons /s/, /sh/, /z/, /zh/, /ch/ e /j/, temos de acrescentar uma vogal fraca, um schwa /ə/ antes do –s. Muitas dessas palavras têm a terminação –es. Perceba que não é um som de “e” aberto, tipo “es”e sim mais curto, /əz/. Ouça, leia e pratique os substantivos no plural a seguir:

benches (bancos), bridges (pontes), bruises (hematomas), churches (igrejas), courses (cursos), garages (garagens), glasses (óculos, copos), lunches (almoços), oranges (laranjas), pages (páginas) , wishes (desejos)

Para terminar, mais alguns exemplos com as três regras:

  • Com o som S – baths, booths, cakes, classmates, handkerchiefs, hats, marks, mats, parks, paths, photographs
  • Com o som Z – carries, hands, hills, houses, innings, mangoes, pandas, scarves, ssentences, trains, tubs
  • Com o som əz – amazes, arranges, blushes, boxes, exercises, foxes, matches, messes, pinches, switches, watches

O segredo de ter uma boa pronúncia e entonação em qualquer língua é ouvir analiticamente como os falantes nativos dessa língua a falam, prestando atenção na melodia e sempre que possível, imitar!

Eu sou o professor Adir Ferreira e este foi um podcast de pronúncia aqui no English Experts.

Adir

Adir Ferreira

Adir Ferreira é professor e tradutor de inglês e espanhol há 22 anos. É responsável pelo blog de língua espanhola da empresa americana Transparent. Trabalha com educação corporativa, treina professores e ministra workshops sobre metodologia.

Mostrar 57 comentários