Programas de intercâmbio: será que vale a pena?

Hoje eu recebi um e-mail de um leitor do blog com uma colaboração. O texto escrito por Artur Barros ficou tão bom que eu resolvi dividí-lo em 2. Confira abaixo a primeira parte, sobre programas de intercâmbio.

Primeiramente gostaria de dar uma salva de palmas para o Alessandro por esse brilhante trabalho. Você, que assim como eu é um estudante da língua inglesa não pense que algum cursinho vai fazer você aprender esse idioma. Vai no máximo te dar uma ajudinha, ou melhor, uma “ajudinhazinha”. Você tem uma ferramenta barata e poderosa em suas mãos, a Internet! “So, enjoy it!”

Apesar de querer, não vou ficar aqui criticando as escolas de idiomas, “my point” é incentivar todos a se mandarem para o exterior. Eu sei que antes de qualquer coisa é preciso dinheiro. “But, don’t worry guys”, para tudo existe aquele jeitinho brasileiro. Existem dezenas de programas de intercâmbio que você pode participar, eu garanto que em poucos meses você vai ter o seu dindim de volta.

Tire suas dúvidas sobre os tempos verbais, baixe um guia grátis da English Live: Guia de Tempos Verbais em Inglês. Ele contém um resumo bem estruturado para revisar os conceitos que você aprendeu na escola. Clique aqui e saiba como baixar!

Eu, por exemplo, sou estudante de agronomia aí no Brasil e atualmente estou participado do CAEP (www.caepinc.org), que é um programa dedicado à área de agricultura. Ou seja, além de aprender inglês estou ganhando também uma experiência profissional. Um ponto a mais no meu currículo. E você, o que está fazendo aí? Corra logo atrás do programa adequado pra você.

A foto acima foi tirada num jogo de football americano, que é realmente um show. Jamais imaginei que os americanos pudessem formar uma torcida tão animada, confesso que é de dar inveja em muito brasileiro. Na foto aparecemos respectivamente eu, Jair e Gustavo. Todos brazucas.

Artur, show de bola, sem trocadilhos, ficou foi seu texto.

See you!

Alessandro

Alessandro Brandão

Alessandro Brandão é coordenador do English Experts e do Fórum de idiomas. Trabalha também em projetos na área de Ensino a Distância (EaD).

Mostrar 23 comentários