Como fazer a manutenção da língua inglesa

Olá.
Como fazer a manutenção do idioma inglês?
Eu fui até o final do book 8 pelo curso do Brasas.
Estou a dois anos sem ir a cursos de inglês e também não venho estudando inglês frequentemente.
Eu percebo que meu inglês não está tão bom e ágil como antigamente.
Como se deve fazer a manutenção da língua inglesa e seu aprimoramento ao longo dos tempos?
Não quero ficar nessa de avançar, regredir, avançar, regredir, etc...

Li no fórum que o ideal seria ter CONSISTÊNCIA. Deve-se estudar inglês quase todos os dias, mesmo que seja por um período curto de 30 minutos.
Acho que eu consigo me virar sozinho no listening e leitura. Agora a conversação fica complicada...
Gostaria de uma boa solução.
MENSAGEM PATROCINADA Faça uma Aula GRÁTIS de inglês com um professor de nativo e avalie se você é capaz de se comunicar com um estrangeiro. Consulte condições.

Começar agora!
13 respostas
Ordenar por: Data

Resposta aceita Resposta aceita
955 1 1 24
Eu sempre achei que a melhor forma de aprender inglês e manter um bom inglês nao é, necessariamente, tendo consistência, mas sim tendo interesse. Como assim?

Bom, se vc passou tanto tempo sem estudar ou ler o idioma é pq vc realmente não deve ter muito uso pra ele. E sério, pq vc vai aprender uma coisa difícil e que não faz tanta diferença no seu dia-a-dia (isso é algo que vc diz pra si mesmo)?
O interesse REAL é a chave da questão. É mais importante que o método. Mais importante que o tempo que vc usa pra se dedicar. Mais importante que tudo.

Eu aprendi inglês pq eu gostava de ler história em quadrinhos em inglês. Simples assim. Depois eu melhorei absurdamente meu inglês pq eu detestava as legendas mal-feitas que faziam pra minhas séries preferidas e decidi que eu tinha que ler um inglês rápido e rico (de palavras). Eu sempre tive um interesse real ligado ao inglês, que é visível no meu dia-a-dia, que é importante pra mim. Isso fez toda diferença na hora de aprender pq eu ficava feliz quando podia ler uma revistinha nova ou quando eu assistia uma série no idioma original.

Tudo depende de vc estabelecer com clareza pra si mesmo qual é o seu objetivo aprendendo esse idioma, com ou sem o método "milagroso".

61785 22 99 1501

Aprender não é o X da questão. Graças a Deus, eu me adaptei e aprendi demais com a metodologia do Brasas. Porém, o conhecimento não fica pra sempre na cabeça, nem a velocidade de raciocínio.

Eu tenho interesse: o problema é que a vida nos mostra outras prioridades e acabo deixando de lado o idioma para fazer outras coisas.

Não quero nenhum milagre. Quero, sim, discutir o que vocês fazem para manter o nível elevado de inglês.
Obrigado pela participação.

3580 3 11 83
Oi André,

A colaboradora Ana Luiza ensinou no podcast abaixo, aquela que, na minha opinião, é a melhor forma de manter o alto nível do idioma. Vale a pena ouvir até o final:

Ana Luiza, como você aprendeu Inglês? – com áudio

I hope that helps!

955 1 1 24
Bom, eu não quero que minha participação se torne cansativa ou chata por aqui mas vou comentar mais uma vez.

Sua pergunta, "o que vocês fazem para manter o nível elevado de inglês"?
Eu não faço nada mas eu pratico inglês todos os dias. ???????? Eu não penso assim "bom, eu tenho que manter meu nível elevado então preciso praticar alguma coisa. Onde vou praticar?" Como eu disse, meu objetivo não é saber inglês por saber mas sim me divertir com o idioma. Leio quadrinhos, assisto séries, leio livros, navego em sites....

Eu podia simplesmente te dizer o que eu faço e não ficar com essa ladainha toda, seria mais simples. Talvez. Mas eu estou forçando nessa idéia de um motivo que te deixe feliz em praticar pq se vc já estivesse fazendo assim, aposto que nem estaria perguntando isso.

Já fazem 4 meses que eu estudo japonês. É um idioma super complicado para um ocidental comum como eu. Porém, toda vez que eu assisto um anime e ouço os personagens e reconheço uma frase ou uma palavra, eu fico super animado e continuo estudando. E eu tento manter meu interesse em animes e mangas sempre em alta pq, sem eles, meu aprendizado se torna vazio, saber apenas por saber, e eu perco meu rumo durante o estudo. E eu trabalho e faço faculdade.

Então eu volto a te dizer, tudo se resume a sua motivação pra continuar fazendo aquilo, a qual no nosso caso é o estudo de línguas. A maioria das pessoas não fazem a relação de que o aprendizado de uma língua se dá muito mais facilmente quando vc se diverte com ele, quando vc se esquece de que está estudando mas sim está se divertindo.

Desculpe se sou muito chato. É que esse é o método que funciona comigo e eu acredito que ele também pode funcionar pra outras pessoas :)

10
Sypher destacou o mais importante, a chave da questão é o interesse! Para quem tem um interesse, uma motivação a manutenção flui.

61785 22 99 1501
Sypher destacou o mais importante, a chave da questão é o interesse! Para quem tem um interesse, uma motivação a manutenção flui.
Concordo 100%. O interesse move montanhas. Passa por cima de obstáculos e dificuldades, e é o que vai definir no final das contas.

''Criar o interesse é o grande desafio do professor.''

15
Muito interessante, essa era uma das minhas dificuldades, passava uma semana sem estudar depois estudava, hoje percebi como estudar um pouco a cada dia pode ser muito vantajoso.

5
Use-o!!! Pelo que você se interessa? Séries de TV? Eu amo, mas só assistir às séries não é tudo. Há inúmeros proguramas e podcasts na internet no estilo 'after buzz', nos quais pessoas - as vezes comuns, as vezes jornalistas ou especialistas - comentam sobre o último episódio de várias séries. Já se você se interessa por abrir um negócio, mudar seu hábitos ou qualquer outra coisa, há o TED, o TEDex e os TEDs locais, estes últimos gravados em várias universidades e países... É assunto que não acaba! E eu ainda dou uma de louca e comento aquilo com o qual eu não concordo da opinião dos caras nos vídeos KKK!!! Há várias comunidades de ajuda mútua ou exchange no Skype também...

10
Como os amigos disseram anteriormente, interesse e diversão juntos.
Assista à séries, filmes, ouça músicas e tente pelo menos 2x por semana entrar em um chat em Inglês, como o do site aqui.

20 1
Olá.
Comecei a estudar inglês há 12 anos. Mantenho-me fluente e adquirindo vocabulário utilizando o tempo inútil que possuo, como por exemplo, tempo no transito, esperas em locais ou filas e se possível, 30 minutos do meu dia. Costumo fazer isso através de audio-books, podcasts e series em inglês. Procuro ler livros em inglês também, sempre que possível. Com trinta minutos por dia, seu inglês estará sempre em movimento, mesmo que não falar com ninguëm, ouvir diariamente e ler, supre a necessidade. Quando for necessário falar, você terá vocabulário suficiente e sentirá segurança. kkk, eu costumo pensar em inglês e falar sozinha em inglês, seja no banho ou no carro... parece bobbo, mas funciona. A confiança para falar vem do suporte de possuir um vasto vocabulário, e isto é fácil de conseguir, com estas ferramentas que comentei. Experimente! Se precisar dos links, te passo. Todos gratuitos para baixar ou ouvir online. Eu coloco no celular e escuto sempre que posso. Até para dormir. Acordo falando inglês!!

955 1 1 24
Verdade, Kátia. Falar a outra língua sozinho é muito divertido além de útil. Nunca cheguei a fazer isso com o inglês porque não cruzei com essa idéia na época em que estava interessado em aprender inglês. Mas hoje em dia eu falo sozinho em japonês, fico discutindo com o cachorro e xingando o vizinho :D

10
Se não usa inglês dia a dia então isso é o problema e porque esqueceu. Não tem que estudar muito para fazer manutenção. Busca amigos que falam inglês. Eu usava sharedtalk.com mas não existe mais. Hoje em dia eu uso a aplicação se chama hellotalk no meu ipad. Conhece pessoas e pode usar skype para falar. Se quiser ler as notícias, faça em inglês. Se quiser assistir um filme, faça em inglês. Todas as coisas que faça dia a dia, faça eles em inglês. Também tem muita música em inglês. Se quiser ouvir música, faça em inglês. Tem que mudar sua vida em inglês. Isso é como eu estou fazendo manutenção em português. Eu sou dos estados unidos e inglês e minha primeira idioma.