Há alguma forma de aprender a falar inglês sozinho? Se sim, como?

Tenho um amigo muito bom em ingles mas nao consigo conversar com ele, entao pensei em estudar sozinho o speaking pra pelo menos chegar perto de ter uma boa comunicaçao com ele e assim aprender mais, como posso fazer isso sozinho? Meu speaking nao engata, nao consigo, formular frases, me travo toda, sendo que ja estudo inglês a 2 anos e reading, listening e writing sao intermediarios.

Anúncio Você tem medo de falar inglês? - Se você já estudou inglês mas ainda se sente inseguro(a) saiba que o primeiro passo é se expor ao idioma. Converse grátis por 15 minutos com um professor de inglês nativo, você vai se surpreender o quanto isso pode fazer a diferença.

Começar agora!
4 respostas
Redseahorse 2 28 365
Não!

Desconheço qualquer 'formula mágica' que faça alguém a aprender sozinho a falar uma nova língua. Em se tratando de linguagem, o tal autodidatismo funcionará bem apenas até a 'página 9', ou seja, apenas para uma compreensão gramatical aqui, uma leitura de uma frase isolada ali, algumas reproduções curtas de frases formadas de falas acolá.

Para se aprender de fato a falar a língua, é fundamental FALAR, o que obviamente não se faz sozinho. Nesta mão, será preciso uma exposição e contato frequentes com a língua falada, estudar ou interagir com outros falantes (presencial ou virtualmente).

Mais informações correlatas:
Cf. Como passar de Intermediário a fluente?
Cf. Preciso de uma opinião de vocês (dificuldade para aprender)
Eu tenho outra opinião, mas é equivalente ao de Redseahorse...

É preciso ser bitolado na língua e muito disciplinado cronogramamente nos estudos divididos em 8 partes das 18h de cada dia que esteja ou não disponível para você, como é com o Expert PPAULO - kk - e, se você puder e estiver trabalhando, poupar (e muito ou o quanto você puder antes de você priorizar baladas e promoções (fúteis, desnecessárias para o seu guarda-roupa)) - que acredito ser mais fácil - e fazer intercâmbio, mas comunitário e não por agências, e fazer viagens de Summer e Winter Jobs ou Camps, respectivamente, se tiver no Ensino Superior ou no Ensino Médio.

E para esse começo, investe-se nos ensinamentos do Matheus Tomoto (que deve estar por aqui, "undercover", em algum de nós neste fórum nos ajudando na tradução (rs) :P ) e no Anderson Inácio:

M.Tomoto: youtube
A.Inacio: youtube

Mas em qualquer situação, para qualquer língua, você volta à vida zero, ou seja, volta a ser um bebê que tem que ficar ouvindo muito a língua e depois ir falando aos poucos as palavras e formando frases. Agora, quem tem pressa, acaba pegando técnicas, mas essas técnicas precisa de atenção total ao idioma, tempo para isso e como uma obrigação - que vem, então, o controle em si e na sua mente de preparo para esses momentos e se perguntar para que vou precisar disso (ter um motivo muito forte como foi do M.Tomoto).

Eu no momento ainda me sinto como um bebê. Tenho urgência, mas sinto confusa em o que priorizar.
Donay Mendonça 22 102 1.5k
Outra sugestão para melhorar o speaking no link a seguir.

Cf. A fluência como objetivo no aprendizado do inglês

Bons estudos.
PPAULO 6 47 1.1k
Há no site vários posts sobre esse assunto, além de "learning" etc. Esse link do Donay é um bom ponto de partida.
Adicionalmente, me chamou a atenção o verbo "travar" usado no início, algumas vezes o estudante precisa trabalhar a auto-estima.
Primeiro se um colega seu consegue, você também, talvez não no mesmo nível mas e daí? Não compare a evolução do seu aprendizado com o dos outros, mas com o seu mesmo, o que você será capaz daqui há dois meses em relação à agora.

Keep it simple. Talvez não consiga formular frases por tentar "achar" uma frase interessante, para impressionar o interlocutor. Faça um inventário das palavras e frases que lhe vêm à mente, use-as e a abuse delas.
Se você tivesse que fazer um breve discurso sobre matemática básica, por mais que tivesse uma audiência 'difícil' mas tivesse que dizer que 2 +2 = 4 daria nervoso? Não.

A gente começa do básico e simples para o mais elaborado e sofisticado, e se precisar. Acho que era Einstein que dizia que você conseguiu se comunicar quando uma criança consegue explicar para outro, aquilo que você ensinou (uma fórmula, por exemplo).

Ter um inglês intermediário já é um bom sinal, você chegou até aqui, você é capaz!
Talvez falte alguém que lhe oriente, uma mudança de método, você "ter que se comunicar" por que a pessoa de outro país está na sua frente, tentando conversar ou se informar..., talvez falte alguém que lhe motive ou inspire.
Eu, por exemplo, falava inglês o mês todo, e no dia da prova dava branco! Síndrome da hora da prova! Ainda bem que os professores eram compreensivos. Levavam em conta minha participação e o que eu adicionava à aula.
Ou pode ser qualquer outra coisa. Impossível saber com certeza assim pelo Fórum.

O fato de não ter escrito em inglês por exemplo, já lhe pode fazer falta, por que ao fazê-lo já poderia falar em voz alta o que está pensando. Ao mesmo tempo, aumentar o vocabulário, etc etc.
Ainda precisa de ajuda? Confira algumas opções:
  1. Clique no botão "Responder" (abaixo) e faça sua pergunta sobre este assunto;
  2. Faça uma nova pergunta;
  3. Converse grátis com um professor nativo por 15 minutos: Saiba como!