Só aprende Inglês Fluente quem pratica muita Conversação?

Aprendo inglês há mais ou menos 1 ano por conta própria. Antes disso, só o que eu sabia era gramática e vocabulário básicos que eu aprendi na escola ao longo dos anos. Não conheço nenhum nativo da língua inglesa, e no momento não tenho condições de entrar em um curso. Tentei de tudo: shared talk, skype. Mas parece que não encontrei ninguém realmente interessado em praticar inglês comigo.

A partir de então, comecei a me dedicar mais às séries e aos filmes, aprendendo vocabulário e pronúncia com os diálogos, porém, como não tenho um tutor, não sei se estou aprendendo errado ou cometendo algum erro.

Todavia, minha pergunta principal é: só quem mantém uma conversa constante no inglês, consegue aprender a falar fluente?

Ou meu inglês sempre será "meia boca" por falta de diálogo?

Thanks!

Mais Votada Mais Votada

Joice, pela minha experiência, é possível, sim, ser fluente sem ter muita gente (nativa ou entusiasmada) para conversar, MAS o exercício da conversação te faz realmente desenvolver habilidades que o listening e o writing jamais vão te proporcionar. Na conversação a gente joga com o acaso, o inesperado, é preciso pensar muito rapidamente para dar uma boa resposta e manter a conversa agradável.

Se você quer ser fluente, não acho que um tutor ou escola sejam rigorosamente necessários. Com a Internet, podemos esclarecer muitas coisas. Na verdade, aprendi muito mais com a Internet e os livros do que com qualquer professor.

Acho que treinando o reading, o listening, o writing E o speaking já é o suficiente. Basta escolher as melhores fontes!
MENSAGEM PATROCINADA Faça um teste de inglês e descubra seu nível em 15 minutos! Este teste foi desenvolvido por professores e linguistas certificados. O resultado sai na hora e com gabarito.

Clique aqui para iniciar o Teste Online!
Thank you very much, I appreciate your guidance!
Avatar do usuário Sypher 955 1 1 24
Eu realmente não entendo como alguém consegue ser fluente na conversação sem ter pelo menos UMA pessoa pra conversar SEMPRE (a não ser que se trate de um mestre na arte de dialogar com o espelho ou com o cachorro :P ).

Quanto as outras skills, listening, writing e reading, são muito mais simples de serem aprendidas sozinho.

Voltando a falar sobre a conversação, bom, você conseguirá falar o básico, sem dúvida alguma, se você tiver um ótimo listening. Na verdade, ter um ótimo listening é o primeiro passo para se aprender a falar qualquer língua. Mas do listening pro speaking, aí é outra história. Você precisa, obrigatoriamente, de um outro ser humano pra interagir. Tipo, não tem sentido, nem como, você aprender a falar sem ter alguém que fale de volta com você, não sei se estou sendo claro?

Eu sempre sugiro às pessoas que treinem o máximo possível do listening até que apareça a ocasião pra praticar o speaking. Tipo, eu, se for pra falar sério, mesmo ouvindo inglês TODOS os dias (e falando com uma ou outra pessoa de vez em quando) não posso afirmar que tenho um listening de auto nível. Listening de auto nível, ao menos pra mim, signífica entender desde as gírias empregadas nos raps mais cheios delas possíveis até o que explica um professor de física quântica. Nem mesmo em português é simples de se ter uma interpretação tão abrangente assim.

Pra finalizar, eu digo que pratique muito seu listening. Quanto mais facilidade você tiver para interpretar o que alguém te fala, mas simples poderá ser a sua resposta e, consequentemente, menos palavras você precisará incluir nela, o que acaba fascilitando a situação para alguém que é novo no mundo do speaking.
Avatar do usuário Alessandro 3020 3 9 72
Ter um bom listening é um pré-requisito para a prática da conversação. De fato, como disse o Sypher, o listening pode ser desenvolvido por conta própria. Os recursos são muitos: séries, filmes, músicas, vídeos no Youtube e por aí vai.

Já a grande vantagem da conversação é o feedback rápido. Quem conhece o conceito da prática deliberada sabe o quanto isso é importante para se desenvolver qualquer nova habilidade. Você sabe imediatamente se está sendo claro, se está usando bem as estruturas do inglês e as palavras a adequadas para cada situação. Um professor particular ou um parceiro de estudos (importante: com nível avançado de inglês) são muito importantes nessa hora. Quem não pode pagar um professor particular e não tem um parceiro de estudos para ajudar resta se esforçar para melhorar o listening.

Já que estamos falando de fluência, esses dias assisti a um vídeo onde uma professora americana faz uma reflexão interessante sobre o que é ser fluente num idioma. Veja só:



Se considerarmos o conceito de fluência apresentado no vídeo é impossível ser fluente sem a prática de muita conversação. Eu concordo com ela.

Cheers,
Olá Joice,

Tente utilizar um programa semelhante ao Skype, o Paltalk.
É gratuito.

A diferença é que neste você pode entrar em "Salas Temáticas".

As salas no tema conversação/prática de Inglês estão no seguinte caminho dentro do programa:

"Education" -> "Learn different languages"