I've always had x I always had: Qual a diferença

Eu vi em um jogo "I've always had a vivid imagination"

Por que ele não usa apenas "I always had a vivid imagination" no lugar ?

AMPLIANDO O VOCABULÁRIO
Isa Mara Lando é uma referência entre os profissionais de tradução. Ela já traduziu mais de 100 livros, entre eles estão obras de autores aclamados, como: George Orwell, Salman Rushdie e Walter Isaacson (a biografia de Einstein). Nesta aula gratuita, Isa dá várias dicas de vocabulário. ACESSAR AULA
2 respostas
  Resposta mais votada
23 129 1.7k
1. I've always had

- I've always had a vivid imagination. [Eu sempre tive uma imaginação vívida.]

Significa que ainda tenho - até o dia de hoje - uma imaginação vívida. O uso da estrutura "I've always had..." implica uma existência no momento presente também.

2. I always had

- I always had a vivid imagination. [Eu sempre tinha uma imaginação vívida.]

Significa que eu tinha uma imaginação vívida, mas não tenho mais. Deixei de tê-la em um momento que ficou no passado.

Bons estudos.
TESTE DE NÍVEL
Faça um teste de inglês e descubra seu nível em 10 minutos! Este teste foi desenvolvido por professores experientes. O resultado sai na hora e com gabarito. INICIAR TESTE
6 49 1.3k
Somehow you can think that "I've always had a vivid imagination" is "eu sempre tenho tido uma imaginação fértil." in sense. That is, my imagination don´t have failed to be vivid. Whereas "I always had" would be "eu sempre tive..." As you see, it´s a slight and subtle difference.

Sometimes the effect is the same, or almost, so you could see it translated as "eu sempre tive" in Portuguese, but with that sense of "eu sempre tenho tido...". This is a fact that it´s not always explained, they translate certain expressions and sentences but the learner has to find the subtleties of them.