Epigraphs - BLEACH manga series

Ricardo F. Bernardi 14255 24 312
Imagem

An epigraph is a phrase, quotation, or poem that is set at the beginning of a document or component.

We have here a list of them which was written by Tite Kubo (Noriaki Kubo), a Japanese manga artist. He is best known for his manga series Bleach, which has sold over 90 million copies as of 2013. Bleach was serialized in the Japanese manga magazine Weekly Shōnen Jump from August 2001 to August 2016, with its chapters collected into 74 volumes. English-language releases of Bleach were coordinated by Viz Media while the Brazilian Portuguese version was published by Panini Group.

Plot: Bleach follows the adventures of the hotheaded teenager Ichigo Kurosaki who inherits his parents' destiny, after he obtains the powers of a Soul Reaper (死神 Shinigami, literally "Death God") — a death personification similar to the Grim Reaper — from another Soul Reaper, Rukia Kuchiki. His new-found powers force him to take on the duties of defending humans from evil spirits and guiding departed souls to the afterlife, and set him on journeys to various ghostly realms of existence.

The epigraphs were actually Kubo's poems about a specific character of Bleach manga series.
Epigraph (VIZ MEDIA) Epígrafe Traduzida Epígrafe (PANINI) Volume number
We fear which we cannot see. Nós tememos aquilo que não conseguimos ver. Nós somos gratos por não termos forma. 1
People have hope, because they cannot see death standing behind them. As pessoas têm esperança porque não conseguem ver a morte em pé atrás delas. As pessoas só conseguem manter a esperança porque seus olhos são incapazes de enxergar a morte. 2
If I were rain that joins sky and earth that otherwise never touch, could I join two hearts as well? Se eu fosse a chuva que une céu e terra, que de outra forma, nunca se tocam, eu poderia unir dois corações também? Se eu fosse a chuva, poderia unir meu coração ao de outro alguém, assim como ela une os eternamente distantes céu e terra? 3
We are drawn to each other like drops of water, like the planets. We repulse each other like magnets, like the colors of our skin. Somos atraídos um pelo outro como gotas d'água, como os planetas. Nós nos repelimos como ímãs, como as cores da nossa pele. Quando nos encontramos, nos unimos, como gotas d'água, como planetas. Quando nos encontramos, nos repelimos, como ímãs, como as cores da pele. 4
I can't protect without holding a sword, I can't embrace you while holding a sword. Eu não posso proteger sem segurar uma espada, eu não posso abraçar você enquanto segura uma espada. Se eu não empunhar a espada, não posso te proteger, mas se eu empunhar a espada, não posso te abraçar. 5
Yes! There is no fate for us; only those that are swallowed by ignorance and fear and miss a step, fall in to the river rapid called fate. Sim! Não há destino para nós; apenas aqueles que são engolidos pela ignorância e pelo medo e perdem um passo, caem rápido no rio chamado destino. Em verdade, para nós não existe "destino". Somente aqueles que, embebidos em medo e ignorância, perdem o passo e caem no rio lamacento que chamam de "destino". 6
We should not shed tears that is a surrender of the body to the heart. It is only proof that we are beings that do not know what to do with our hearts. Não devemos derramar lágrimas que é uma desistência do corpo ao coração. É apenas a prova de que somos seres que não sabem o que fazer com nossos corações. Nós não devemos derramar lágrimas pois, para o coração, essa é a derrota do corpo carnal. Não há prova mais contundente de que nossas emoções estão além de nosso controle. 7
If it rusts, it can never be trusted. If its owner fails to control it, it will cut him. Yes, pride is like a blade. Se isso corrói, nunca poderá ser confiável. Se seu dono falhar em controlar, isso o cortará. Sim, o orgulho é como uma lâmina. Uma vez enferrujado, não consegue mais abrir caminho. Uma vez sem controle, rasga a si próprio em pedaços. Sim, o orgulho se parece com uma espada. 8
Oh, all of us dream that we are flying the skies with our eyes open. Ah, todos nós sonhamos que estamos voando pelos céus com nossos olhos abertos. Sim, mesmo com olhos abertos sonhamos voar através dos céus. 9
We reach out with our hands, brush away the clouds and pierce the sky to grab the moon and Mars but we still can't reach the truth. Nós estendemos nossas mãos para frente, dispersamos as nuvens e atravessamos o céu para pegar a lua e Marte, mas ainda não podemos alcançar a verdade. Esticamos as mãos, atravessamos as nuvens e cruzamos os céus. Contudo, mesmo se capturássemos a lua ou Marte ainda não alcançaríamos a verdade. 10
Light a fire to the fang that cannot be reached so that I do not have to see that star; so that I do not slit this throat. Acenda um fogo para a presa que não pode ser alcançada para que eu não tenha que ver essa estrela; para que eu não corte essa garganta. Incendeio minhas presas para alcançar o inatingível para não ter que encarar aquela estrela e não precisar rasgar minha garganta 11
We think a flower on a cliff is beautiful because we stop our feet at the cliff's edge, unable to step out into the sky like that fearless flower. Nós pensamos que uma flor em um penhasco é linda porque nós detemos nossos pés à beira do penhasco, incapaz de prosseguirmos para o céu como aquela flor destemida. Apreciamos a beleza de uma flor no penhasco porque nossos pés param à beira do precipício, ao invés de, como aquela flor, seguir em frente em direção aos céus. 12
Every time we set aside our pride, we take a step closer to the beast. Every time we kill an emotion, we take a step away from the beast. Toda vez que nós deixamos nosso orgulho de lado, ficamos um passo mais próximo da besta. Toda vez que suprimimos uma emoção, nós nos desviamos da besta. Sempre que nos desfazemos do nosso orgulho, ficamos um passo mais perto de nos tornarmos feras. Sempre que assassinamos um coração, ficamos um passo distante de nos tornarmos feras. 13
Creak, creak, tower of purgatory piercing the world like light. Sway, sway, tower of spine, will it be us or the sky that falls? Range, range, torre do purgatório que atravessa o mundo como luz. Balance, balance, torre da espinha, será nós ou o céu que cai? Rangendo, rangendo, a torre dos pecados purificados como a luz, ela passará através deste mundo. Balançando, balançando, a torre em nossa espinha. Aqueles que cairão seremos nós? Ou o céu? 14
I just keep practicing saying goodbye to you. Eu apenas continuo praticando dizer adeus para você. Permaneço apenas na prática de meu adeus a ti. 15
The mane of the sun pouring down erases the footprints on thin ice. Do not fear deception. The world already lies atop deception. A juba do sol escoando apaga as pegadas no gelo fino. Não tenha medo da decepção. O mundo já está repleto de decepção. Os raios de sol que aos poucos banham a Terra apagam as pegadas deixadas na fina camada de neve. Não tema ser iludido, pois o mundo já está repleto de decepções. 16
Red like blood. White like bone. Red like solitude. White like silence. Red like the senses of a beast. White like the heart of a god. Red like molten hatred. White like chilling cries of pain. Red like the shadows that feed on the night. Like a sigh piercing the moon. It shines white, and scatters red. Vermelho como sangue. Branco como osso. Vermelho como a solidão. Branco como o silêncio. Vermelho como os sentidos de uma besta. Branco como o coração de um deus. Vermelho como o ódio derretido. Branco como gritos de dor relaxante. Vermelho como as sombras que se alimentam da noite. Como um suspiro que perfura a lua. Ele brilha em branco e se dispersa em vermelho. Vermelho como o sangue. Branco como os ossos. Vermelho como a solidão. Branco como o silêncio. Vermelho como o instinto selvagem. Branco como o coração de Deus. Vermelho como o ódio derretido. Branco como um gélido lamento de dor. Vermelho como as sombras que devoram a noite. Como um suspiro que atravessa a Lua. Brilha alvamente e dispersa-se em escarlate. 17
Your shadow, quietly like a vagrant poison needle stitches my footsteps. Your radiance, lithely like lightning striking a water tower cuts down the source of my life. Sua sombra, tranquilamente, como uma agulha de veneno errante, costura meus passos. Seu resplendor, suavemente como um relâmpago que atinge uma torre de água, reduz a fonte da minha vida. Sua sombra, vagarosamente como uma agulha errante envenenada costura os meus passos. A sua luz, suavemente como um trovão que atinge a torre d'água corta a fonte da minha vida. 18
No, nothing can change my world. Não, nada pode mudar o meu mundo. É verdade, nada mais pode mudar o meu mundo. 19
Those who do not know what love is liken it to beauty. Those who claim to know what love is liken it to ugliness. Aqueles que desconhecem o que é o amor comparam-no à beleza. Aqueles que anseiam em conhecer o que é o amor comparam-no à feiúra. Aqueles que não sabem o que é o amor comparam-no à beleza. Aqueles que desejam saber o que é o amor comparam-no à feiúra. 20
Everything in this world exists to wear you down. Tudo neste mundo existe para te acuar. Este mundo existe apenas para te encurralar. 21
There is no meaning in our world neither is there any meaning in us, the ones who live in it. It is then meaningless for us, who are equally meaningless, to conceive the world in our thoughts despite knowing there is no meaning to be found. Não há sentido em nosso mundo, nem há sentido em nós, aqueles que vivem nele. Portanto, não tem sentido para nós, que somos sem sentido do mesmo modo, conceber o mundo em nossos pensamentos, apesar de saber que não há nenhum significado a ser encontrado. Não há sentido em nosso mundo, nem mesmo para nós, que vivemos nele. Nós, seres sem sentido, pensamos sobre o mundo e a percepção da falta de sentido nisso não significa nada. 22
We are fish in front of the waterfall. We are insects inside the cage. We are the ruins of the billows, the skull on the crosier, the force of the torrent and the whale that drinks it. We are the five-horned bull. We are the fire-breathing monster. And the screaming children. Oh, we are poisoned by the moonlight. Nós somos peixes em frente à cachoeira. Somos insetos dentro da gaiola. Nós somos as ruínas das ondas, o crânio no báculo, a força da torrente e a baleia que a bebe. Nós somos o touro de cinco chifres. Somos o monstro que exala fogo. E as crianças birrentas. Oh, estamos envenenados pela luz da lua. Somos o peixe em frente à cachoeira. O inseto preso na gaiola. Somos as migalhas das ondas, a caveira do bastão, a força em torrente, a baleia que a engole. Somos touro de cinco chifres. O monstro que cospe fogo. A criança que chora e esperneia. Ah, estamos apenas envenenados pelo luar. 23
Doesn't matter who it is I'll fucking crush anybody. Não importa quem seja, eu vou esmagar qualquer um. ******* todos vocês. 24
We are all born dead. The end exists before anything begins. If living is a constant quest for awareness, the awareness we gain at the end is the real goal. In other words, death is the discovery and complete understanding of the end. We are not permitted to seek awareness. Those that cannot transcend death will not find awareness in anything. Todos nós já nascemos mortos. O fim existe antes de qualquer coisa ter início. Se viver é uma busca constante de consciência, a consciência que ganhamos no final é o verdadeiro objetivo. Em outras palavras, a morte é a descoberta e compreensão completa do final. Não é permitido buscar a conscientização. Aqueles que não podem transcender a morte não encontrarão consciência em nada. Todos já estamos mortos desde que nascemos. O fim existe ali, desde muito antes do começo. Se viver é um eterno saber, o fim é o último fato que conhecemos na vida. Encontrar o fim e adquirir todo o seu conhecimento por completo. Esta, sim, é a morte. Não queiramos saber de tudo. Aquele que não tem capacidade de sobrepujar a morte não deve querer conhecer de tudo na vida. 25
The voice that pierces deep into my chest is like a never-ending cheer. A voz que atinge o meu peito profundamento é parecida com um elogio interminável. A voz que perfura profundamente o meu peito soa como uma ovação sem fim. 26
We have not one in common; no two are shaped alike; the third, because of that eye we lack, in the fourth direction there is no hope; the fifth is at the heart. Não há nada em comum entre nós; muito menos duas coisas parecidas; por causa da falta daquele terceiro olho não há esperança alguma nas quatro direções; a quintessência está no coração. Dentre nós não há um ser que se mescle a outro; não há dois de nós que tenham formas idênticas; E, por não possuirmos o terceiro olho, não enxergamos a esperança em nenhuma das quatro direções; mas o quinto caminho certamente existe, onde está o nosso coração. 27
My lord, we look at you as we might look at a peacock. You are framed by something sublime similar to
Hope, worship and fear
.
Meu senhor, olhamos a ti conforme poderíamos observar um pavão. Você é culpado por algo sublime semelhante à esperança, adoração e temor. Ó, Senhor! Por vezes O olhamos com olhos de quem enxerga um pavão. Olhos ornados de algo imensurável similar à esperança, adoração... E pavor. 28
I just fix it up relentlessly though I know it will be chopped off someday. I just make it shine relentlessly though I know it will be chopped off someday. But it frightens me. Oh! How it frightens me. Because when it is chopped off that chopped off hair will resemble the dead you. Eu simplesmente conserto isso implacavelmente embora eu saiba que será cortado fora algum dia. Eu apenas faço isso brilhar implacavelmente embora eu saiba que será cortado fora algum dia. Porém, isso me assusta. Ah! Como isso me assusta. Porque quando é cortado fora, os cabelos arrancados se assemelharão e muito com você. Enfeito-os por puro capricho mesmo sabendo que são cortados. Escovo-os como uma obcecada mesmo sabendo que serão cortados. Tenho medo, tenho medo. Do momento de vê-los cair. 29
That deep wound, it's like the sea's abyss. That red guilt, it's not the color of death. Aquela ferida profunda é como o abismo do oceano. Essa culpa vermelha não é a cor da morte. Esta ferida... é tão profunda quanto o oceano. Este pecado ensanguentado... é tão incolor quanto à morte. 30
Tell me you hate me the most in the world. Diga-me que você me odeia mais do que tudo no mundo. Diga que me odeia mais do que tudo no mundo. 31
The king gallops shaking free from the shadow, beating the armor, kicking about the bones, slurping the flesh and blood. The creaking increases, smashing the heart. He walks in alone toward the faraway other side. O rei galopou, livrando-se da sombra, batendo na armadura, chutando os ossos, chupando a carne e o sangue. O rangido aumenta, esmagando o coração. Ele caminha sozinho em direção ao outro lado distante. O Rei corre. Afugentando as sombras, tilintando a armadura, espalhando ossos, sorvendo sangue e carne. Ele ruge encobrindo seu coração. Sozinho, ele dá o passo rumo ao horizonte longínquo. 32
I am an insect, swinging around with no nature, desiring evil, descending creeping like a worm, revolving. My neck is stretching, higher than the moon, until no more sympathy is visible. I run from you bastards. Eu sou um inseto, voando sem rumo, desejando o mal, descendo rastejando como um verme. Minha nuca está se alongando, mais alto do que a lua, até mais nenhuma simpatia estar visível. Eu fujo de vocês, malditos. Somos bichos. Vermes rastejando sob maldade não-volátil. Erguendo a cabeça mais alto do que a lua só para não precisar olhar para vocês, miseráveis. 33
If I am given wings, I would fly for you. Even if all of this earth sinks into the water. If I am given a sword, I would stand and fight for you. Even if all of this sky was shot through by your light. Se eu recebesse asas, eu voaria por você. Mesmo que tudo nesta terra afundasse na água. Se eu recebesse uma espada, eu ficaria de pé para lutar por você. Mesmo que tudo neste céu fosse atingido por sua luz. Se me dessem asas, eu voaria por você. Mesmo que tudo nesta terra acabasse no fundo das águas. Se me dessem uma espada, eu me levantaria por você. Mesmo que tudo no céu, com suas luzes, viesse a alvejar você. 34
If you even fail to be born, it's only natural to die. Se há falhas em seu nascimento, o natural é apenas morrer. Ser parido no mundo é praticamente como morrer. 35
It's still too early to believe. Ainda é cedo demais para acreditar. Ainda é cedo para acreditar. 36
People cannot be thought to define beauty, however flowers can be thought to define beauty. A person's form resembles a flower, only at the time of defeat, when it is torn to pieces. Não se pode imaginar que as pessoas definem a beleza, no entanto, pode-se pensar que as flores é que fazem isso. A forma de uma pessoa se assemelha a uma flor, apenas no momento da derrota, quando ela é rasgada em pedaços. Não acho as pessoas belas como acho que as flores são. Pessoas são parecidas com flores só quando caem mutiladas pelo chão. 37
The only true fear is to become a warrior that doesn't know fear. O único e verdadeiro medo é tornar-se um guerreiro que desconhece o medo. Se há algo que temo é me tornar um guerreiro sem temores. 38
To err is human. To kill is the devil. Errar é humano. Matar é para os diabos. Humanos erram. Demônios matam. 39
I envy because of the heart. I glutton because of the heart. I covet because of the heart. I am prideful because of the heart. I sloth because of the heart. I rage because of the heart. Because of the heart, I lust for everything about you. Tudo é por causa do coração. Minha inveja, minha fome extrema, minha cobiça, meu orgulho, minha indolência, minha fúria e o meu desejo de tudo o que há em você. Por ter um coração, invejo. Por ter um coração, devoro. Por ter um coração, tomo. Por ter um coração, desprezo. Por ter um coração, vadio. Por ter um coração, enfureço. Por ter um coração, desejo tudo o que há em você. 40
To plunder that which has been lost, blood and flesh and bone and something else. Para saquear o que foi perdido, sangue, carne, ossos e algo mais. Corro para obter tudo aquilo que perdi. Sangue, carne, ossos e algo mais. 41
There is no world without sacrifice. Are you unaware? We are in a sea of blood, ashes floating in hell. Crying the name of a fading world. Não há mundo sem sacrifício. Você não percebe? Estamos em um mar de sangue, cinzas flutuando no inferno. Gritando o nome de um mundo em declínio. Não existe mundo isento de sacrifícios. Ainda não percebeu? Um inferno de cinzas jogadas sobre um mar de sangue. É a isso que damos o nome, supostamente, de mundo. 42
To decay is our companion. As night is our servant. As the crow pecks at this body, I await you at the castle of elm trees. O apodrecimento é nosso companheiro. Da mesma forma que a noite é nossa serva. Enquanto o corvo bica este corpo, aguardo você no castelo de olmos. A putrefação é minha amiga. A noite, minha serva. Deixo corvos bicarem meu corpo enquanto espero por ti em minha mansão de olmo. 43
Man has, above all else, evil that I would, for the sake of having this illusion of justice. Beyond everything that is I, more than the evil that I have, hallucinate, that there is nothing else. The justice I had believed in has it's own evil justice. For the sake of obtaining justice is constantly, endlessly doubting my own justice. O homem tem, acima de tudo, o mal que eu teria, em nome dessa ilusão de justiça. Além de tudo que sou eu, mais do que o mal que possuo, alucinado, que não há nada a mais. A justiça na qual eu acreditava tem sua própria justiça maligna. Pelo bem de obter justiça é constantemente, infinitamente duvidar de minha própria justiça. O ser humano é mau em sua essência. Por isso, para se sentir justo, não conhece outra maneira senão interpretar no outro um mal maior do que o seu. 44
You may live bowing on your knees, but die standing on your feet. Você pode viver de joelhos curvados, mas morra prostrado(a) em pé. A viver curvado, escolha morrer erguido. 45
t is not terrifying to know sorrow. Terrifying is to know you can't go back to happiness you could have. Conhecer a tristeza profunda não é aterrorizante. Aterrorizante é saber que você não pode retomar a felicidade que você poderia ter. Não temo conhecer a infelicidade. O que temo é saber que a felicidade que se foi jamais voltará. 46
You are becoming a snake tomorrow, and as you start to devour people, with that mouth that has eaten others, you cry your love to me, and the same as today. I do wonder, will I be able to say my love to you?. Amanhã você se torna uma serpente, e assim que começa a devorar pessoas, com essa boca que devorou outras, você declama seu amor por mim, da mesma forma que hoje. Eu me pergunto, se sou capaz de confessar meu amor por você? Se amanhã tu te tornasses serpente e começasses a devorar gente. Se ainda engolindo a carne uivasses amor por mim. Será que eu ainda seria capaz de confessar igual amor ao que sinto hoje por ti? 47
All people, imitations of apes. All gods, imitations of people. Todas as pessoas, imitações de primatas. Todos os deuses, imitações de pessoas. Pessoas não passam de primatas corrompidos. Assim como Deus não passa de uma pessoa corrompida. 48
I wonder can I carry on with the speed of the world without you in it. Eu me pergunto se posso continuar com a transitoriedade do mundo sem você nele. Como faço para me acostumar à fugacidade desse mundo sem você? 49
Time always goading from behind, raising a growl before one's eyes, is wholly washed away. Let halt your steps! Time shall wash you away to the beautiful past, and how it shall pare the fangs. Don't look ahead! Your hope approaches to the rear only within a dark, turbid stream. O tempo sempre instigando por trás, levantando um rosnado diante dos olhos de alguém, é totalmente levado embora. Vamos deter seus passos! O tempo te lavará para o belo passado e, assim como aquilo, deterá as presas. Não olhe para frente! Sua esperança se aproxima da retaguarda apenas dentro de um fluxo escuro e turvo. O tempo sempre nos surpreende pelas costas e passa por nós, num rugir, quebrando como as ondas. Pare onde está. Por mais que o tempo lhe revele suas presas tentando raptá-lo em sua correnteza, para o mais belo dos passados. Não olhe pra frente, pois sua esperança está no turbilhão escuro e caótico que circula atrás de você. 50
Don't put a finger in my heart. Não ponha o dedo no meu coração. Não meta o dedo no meu coração. 51
Let's count together for me the bite marks that I left on you. Vamos contar juntos as marcas de mordida que eu deixei em você. Vem contar comigo as marcas de mordida que deixei em você. 52
It seems that I, even this young, even being this inexperienced, have grown withered by age. As for the adults, being completely flawless, such is like a thing impossible to forgive. Pelo visto, eu, sendo este jovem, mesmo inexperiente, envelheci por causa da idade. Quanto aos adultos, completamente impecáveis, é como se fosse algo impossível de perdoar. O fato de eu ser tão jovem e tão imaturo parece ser imperdoável para esses adultos que se gabam da incontestável perfeição de sua decrepitude. 53
If it can be said that it is the heart that is unchanging, then that is the strength. Se pode ser dito que o coração é imutável, então essa é a força. Se podes dizer que teu coração é íntegro só isso já configura tua força. 54
One step forward. Never able to go back. To a universe drenched in a sea of blood. Um passo a frente. Jamais conseguirá retornar. Ao universo encharcado num mar de sangue. De um passo adiante e em dois segundos não haverá mais volta rumo aos três mil mundos de um mar de sangue. 55
The army is marching, blowing the horns. The buzzing in ears never stop, like stardust, like thundering roar of the boots. O exército está marchando, soprando as cornetas. O zumbindo nos ouvidos nunca cessa, parecido com poeira estelar e o trovejante rugido das botas. Batalhão marcha, marchando, a trombeta vai soar. O zumbido ao ouvido, como estrela a tilintar. As botas na cadência, como trovão a rufar. 56
Scattering twice without even blooming like flames scatter, beautiful. Espalhando duas vezes sem sequer desabrochar como lindas chamas dispersas. Embora se despedace em pétalas para nunca mais desabrochar, que ao menos se irrompa em chamas, pela beleza do rebentar. 57
The soul burns up though heaven falls. A alma queima embora o paraíso cai. A alma se ergue como labaredas; apesar da chuva. 58
The battle is everything. A batalha é tudo. Lutar é tudo. 59
The sinless you is like the sun; even the sinful you is like the sun. Você, ser inocente, é como o sol; mesmo em pecado, você se parece com o sol. Em tua inocência, pareces o sol. Em pecado também, pareces o sol. 60
I believing the world to be full of danger have, as my wish, that I want to protect you from that danger,
Because, within me, is an urge alike to that danger, I cannot be otherwise
.
Acredito que o mundo é cheio de perigo e o meu desejo de te proteger dele é porque, dentro de mim, há um impulso semelhante a esse perigo e eu não consigo ser diferente. Se eu acredito que o mundo é repleto de perigos e o meu desejo é de te proteger de todos eles... É porque tenho dentro de mim um ímpeto tão fatal quanto esses perigos. 61
His life will continue to oppose. His heart is full of fangs. A vida dele continuará a se opor. O coração dele está cheio de presas. Continuarei a me rebelar contra a vida que me é imposta enquanto possuir presas em meu coração. 62
There is no difference in living and staying alive as there is no difference in dying and being killed. Não existe diferença em viver e permanecer vivo(a) assim como não há distinção entre morrer e ser morto(a). Não há diferença entre viver e te deixarem viver. Assim como não há diferença entre morrer e ser morto. 63
There is a beauty, and there is nothing. Há uma beldade, e não há nada. A beleza está na ausência. 64
Love you to death. Te amo até a morte. Eu te adoro. Até a morte. 65
Is life the only thing that gets cut off? A vida é a única coisa que é cortada fora? É só a vida que você tem para cortar fora? 66
The future, pitch black and completely backwards. O futuro, enegrecido e completamente ao avesso. A coisa tá preta. De ponta-cabeça. 67
Being so venomous goes right to your head, doesn't it?. Ser tão venenoso afeta nossa cabeça, não é mesmo? Não é estonteante de tão intoxicante? 68
Bullets, battle flags, claws, and swords. With five broken fingers I await you. Projéteis, bandeiras de guerra, garras e espadas. Com cinco dedos quebrados, eu aguardarei você. Balas, garras, estandarte e espada. Conto nos cinco dedos da mão o momento de te reencontrar. 69
Friendship or loyalty? Amizade ou lealdade? Não sinto dor. A não ser a de não poder desviar os olhos dessa balança. 70
My dear child's hand, that wandering hand. It desires me, and wanders towards me and when that hand draws near, I will take it and we will walk hand-in-hand, towards the very end. A mão da minha querida criança, aquela mão errante. Ela me deseja, e vagueia em minha direção e quando essa mão se aproxima, eu a pegarei e nós caminharemos de mãos dadas, até o fim. Adorável é a mão dela, que quando perdida, vagueia. A mão que anda a esmo, sem rumo a me procurar. Chego perto, mas se afasta, e insisto em segurar. E, puxando-a, vou seguindo os confins desse trilhar. 71
If my words were to take form, it would be as my failure to reach you, standing in the darkness. Se minhas palavras tomassem forma, seria como o meu fracasso em te alcançar, de pé na escuridão. Se palavras possuíssem forma não chegariam a você, que se posta na escuridão. 72
Fire, dripping from my fangs, does not disappear, but keeps the battlefield burning, bringing the true face of a friend to light. O fogo, escorrendo de minhas presas, não desaparece, mas mantém o campo de batalha queimando, revelando a verdadeira face de um amigo. As labaredas escorrem pelas presas à mostra, consumindo os campos em que a lâmina foi fincada e trazendo à tona a figura do amigo. 73
Even if we are without form, we do not stop moving forward. Mesmo que não tenhamos forma, não iremos parar de avançar. Porém, mesmo que não tenhamos forma, nós não paramos de seguir em frente. 74
REFERENCES:
(1) Shueisha Media Guide 2013: Boy's & Men's Comic Magazines. Shueisha. Retrieved on 2013-12-27.
(2) CRUZ, Ricardo. KEIKO, Elza. Coleção Bleach. Editora Panini.
(3) Pearson Education. Longman Dictionary. 2nd. 2009.
Anúncio Faça uma Aula GRÁTIS de inglês com um professor de nativo e avalie se você é capaz de se comunicar com um estrangeiro. Consulte condições.

Começar agora!
Colabore