Sobre a profissao de tradutor

Avatar do usuário Gabi 685 1 1 12
Eu posso estar errada, mas tenho uma forte impressão de que todas as vezes que leio blogs e etc sobre a profissão de tradutor e intérprete , leio coisas negativas.

Sim, deve pagar muito mal...sim, não dá segurança para ninguém..sim, você se mata para não ser reconhecido..sim, é uma profissão que exige muito...mas parece que sempre que alguém escreve para um site ou blog perguntando como ser um tradutor ou intérprete quem responde, responde com tantos argumentos negativos e no final diz apenas que compensa para quem ama estudar línguas, culturas e isso é gratificante.

O que vocês acham? Será que sou apenas eu que tenho essa má impressão sobre a profissão.

Demorei anos (literalmente falando) para decidir qual faculdade fazer e quando decido me deparo com uma enxurrada
De más indicações sobre a profissão e aqueles a que se dedicam.

Estava pensando em começar uma faculdade de tradução, masss sei lá. Estou quase desistindo para sei lá, qualquer outra coisa.

Alguém aqui tem alguma experiência e uma opinião positiva sobre? E sera que eh difícil encontrar emprego como intérprete no Brasil?
O maior erro das pessoas é pensar pequeno, se você pensa grande você eventualmente vai alcançar coisas maiores.

Não é faculdade que segurou Steve Jobs de ser um dos maiores milionários, ele não terminou a faculdade.

Enfim, o problema é se você pensa pequeno... Talvez abrir uma empresa de tradução, e prestar serviços.

Tudo é valido.. Não pense só em trabalhar para os outros, tenha os seus projetos, suas metas, tenha vontades maiores e pense lá na frente.

Sei que citei exemplos muito mirambólicos, mas não ligue para o que os outros pensam... Você pode sim fazer uma faculdade de tradutora, depois advocacia, ou psicologia, and so on.. Ou talvez não fazer nenhuma faculdade, mas usar sua inteligencia, e desenvoltura pra aprender com o inglês que já tem na internet, estudar ideias, ler livros, e etc, para que consiga um diferencial no mercado de trabalho, sem seja lá qual for o ramo que você escolher.

O inglês não é só uma ferramenta para os outros, para ajudar os outros, pra trabalhar pros outros, ou etc.. é pra você e pode te ajudar muito... Uma das coisas que mais revolucionaram minha vida, foi eu aprender a utilizar o inglês, procurar paginas em inglês, e assim por diante...

Não me considero avançado, fluente ou whatever. Mas meu inglês me ajudou muito, a aprender muitas coisas, e mal posso imaginar o que mais ele pode me proporcionar.

Abraço gabi, e estou aberto a discussões sobre o assunto, se quiser prolongar a troca de ideias, apenas responda c/ sua opinião ou duvidas que certamente estarei visitando e respondendo o tópico assim que puder.
MENSAGEM PATROCINADA Você sabe como está o seu nível de inglês? Teste agora GRÁTIS em apenas alguns minutos.

Clique aqui para iniciar o Teste Online!
Avatar do usuário Gabi 685 1 1 12
Oi,

Mas dos caminhos que posso escolher, é esse que eu quero - ir pra faculdade. Acho que foi o Bill Gates que nunca entrou na facul também né, rs.
A questão toda é que eu gostaria de ter uma ideia mais clara. Porque para mim, a ideia sobre essa profissão ainda é um pouco nebulosa.Eu preciso de um pouco mais de informação. Não estou procurando ficar rica, mas preciso saber um pouco mais. E todas as vezes que eu leio algo, só leio más notícias e coisas que por mais francas que sejam, me parecem muito negativas.

E sim, saber inglês é ótimo mesmo. Amplia nossas possibilidades.

Obrigada por me responder!
"Bill Gates
Co-fundador da Microsoft, foi admitido na Universidade de Harvard. Abandonou dois cursos (Matemática e Direito). Ganhou fama de visionário quando apostou no mercado de software, na época em que hardware era muito mais valioso. Em 2008, a lista da Forbes aponta Gates como o terceiro homem mais rico do mundo, com uma fortuna de US$ 58 bilhões."

Isso está no link que eu te enviei no meu primeiro post.

Eu não quis dizer ser rica, quis dizer, TER SUCESSO, no primeiro post você realmente pareceu preocupada com ter sucesso, e em escolher algo que o MERCADO DE TRABALHO, fosse acolher de maneira positiva, ou ao menos foi isso que eu entendi. E entao por isso minha resposta foi tão enfática quanto a possibilidade de você poder conquistar muito além.

"a questão toda é que eu gostaria de ter uma idéia mais clara. Porque para mim ,a idéia sobre essa profissão ainda é um pouco nebulosa.Eu preciso de um pouco mais de informação."

...

"E todas as vezes que eu leio algo, só leio más notícias e coisas que por mais francas que sejam, me parecem muito negativas."

Gabi, se você não se preocupa com o dinheiro que você vai fazer, e etc, e realmente está empenhada, essas pessoas que falam sobre dinheiro e tudo isso que você postou no primeiro post, e toda a questão monetaria da coisa devia ser tirada dali, pois agora o seu parecer foi que você está perdida quanto o curso, e não quanto essa outra parte, assim como você mesma enfatizou logo alí encima.

Vamos por partes, você quer estar certa que sua escolha realmente vai te trazer bem, e que você não vai jogar o seu tempo fora... a verdade é, its all about take risks.... e as vezes não arriscar, é arriscar ainda mais... Eu acredito piamente, que você deve se preocupar mais com se você vai gostar do curso, e aproveitar a informação do que os outros falam, se sua preocupação é sobre o que escolher.

As noticias são negativas sobre o que? aposto que sobre o lado monetario, e que você provavelmente não vai conseguir ir longe, ou arrumar oportunidade faceis de trabalho, ou etc etc... e por isso eu postei todo aquele topico falando sobre bill gates, e tralalá.

É uma tentação pra mim, mas vamos lá, O que você quer?

Ser clara em sua decisao? Se quer aprender, lá você certamente vai aprender. Vai conhecer novas pessoas, ter novas ideias, ter a oportunidade de aprender a cada dia, coisas novas, interessantes, e que você nunca parou para pensar, e principalmente aquelas que você nunca ouviu falar.

Se quer uma profissao de sucesso, saiba que mais do que faculdade, ou qualquer outra caracteristicas, as suas metas, os seus esforços para alcança-las, te direcionam ao sucesso de uma profissão.
Não é um titulo academico, um curso no exterior, ou uma caracteristica, mas a forma como você pensa.
E o que está disposta a fazer, and so on.


A questão emocional da coisa.. você pode estar preocupada em fazer a melhor escolha, isso é normal, principalmente se você não tem conhecimento de pessoas da area, em quem você possa se espelhar, e este é justamente outro motivo de eu ter citado que você faz seu futuro, não o curso, ou etc.

Então Não ligue para a opnião dos outros, se você quer aprender a ser uma tradutora, se tem metas, e objetivos para quando terminar o curso, ou mesmo se você quer começar pra ver o que vai dar, eu sugiro que tente, e dê seu melhor.

acredito que seja super facil conseguir uma bolsa de estudos para faculdades menas concorridas como essa escolha sua.

Eu apesar de tudo que você leu, acredito no seu potencial, e que nenhum nivel academico, tem relacao com o seu sucesso.

Um Oi (atrasado, pq faltou na primeira mensagem.. haha =D)

E um abraçoo para finalizar...

Pare pra pensar, o que você quer? ^^
Avatar do usuário Flavia.lm 3835 1 9 85
Gabi,

Acredito que entre alguns dos meus professores tenha alguém que cursou Tradução na faculdade. Por mais que trabalhem dando aula e não com tradução, talvez possam dar alguma "luz". Se eu conseguir alguma informação a respeito do curso e do mercado de trabalho, te dou um toque.

Flávia
Avatar do usuário Gabi 685 1 1 12
Eu entendo, obrigada Fla e soldier :)

Mas caso tenha alguém aqui no fórum com uma certa experiencia na área e que pudesse compartilhar a experiencia, seria bom para que eu pudesse ter uma noção sobre o mercado de trabalho no Brasil.

Já li bastante sobre o assunto. Não quero sentar no trono do milhão, mas tenho apenas um amigo que trabalha com tradução que por sinal estava desanimado pois geralmente estavam oferecendo 5 centavos por palavra para ele e tudo conta. Quanto a profissão de interprete não conheço ninguém. O fator financeiro conta.

Mas eh um pouco mais difícil de saber sobre a rotina de um tradutor ou interprete do que a de um medico por exemplo.
Talvez aqui no fórum tenha alguém com uma experiencia mais positiva que pudesse falar um pouco sobre o assunto.

Ou nem que seja alguém com uma experiencia bem negativa também pudesse dar um parecer.

Thanks! :)
Avatar do usuário PKdbz 30
Desculpem pelo ress no tópico, mas é um assunto que tem me chamado muita atenção, to naquela de decidir qual faculdade fazer, to muito interessado em tradutor/intérprete ou professor de inglês.

Lembro que vi uma reportagem em algum lugar, que mostrava o dia desse profissional, traduzia livros, vídeo conferências, etc...Dei uma pesquisada e achei isso:

http://www.universia.com.br/noticia/mat ... ?not=33743
http://www.aiic.net/ViewPage.cfm/page2040.htm

No primeiro link diz: "A oferta de trabalho em Brasília é boa, aqui existem embaixadas, ministérios e órgãos internacionais que precisam dos serviços de um tradutor". Então creio que mesmo não sendo uma área muito valorizada, se você for um bom profissional não ganhará mal.

Se alguém tiver mais infos sobre o assunto por favor poste.
Avatar do usuário Gabi 685 1 1 12
Meu, muitissimo obrigada. Eu preciso de algo desse tipo mesmo.
O segundo link foi o que mais me interessou.
Avatar do usuário Adriano Japan 760 1 17
Trabalho com tradução desde 2007, e mais do que dinheiro, traduzir me traz felicidade =)
Claro que me cagaria todo se fosse intérprete de conferência, pois é um trabalho que exige concentração e habilidade sobrehumanos.
Trabalho recebendo ordens diretas, e depois me fechando no meu mundo, só eu e o computador, para depois apresentar um trabalho impecável,perfeito.

Às vezes quando a chefe exige alguma tradução para uma reunião daqui a 15 minutos (ou seja pra agora!!) fico com o papel na mão e vou ditando para ela digitar... fico tão nervoso pensando à mil que depois que acaba pareço um porco suado.
Tirando isto, traduzir é fenomenal, ligar as culturas, os países, melhor ainda! =)
Uma auto-satisfação sem tamanho.
MENSAGEM PATROCINADA Há quanto tempo você estuda inglês? Já passou por sua cabeça que você pode estar estudando de uma forma que dá pouco ou quase nenhum resultado? Que tal fazer um intensivo de inglês de 180 dias e recuperar o tempo perdido? Em 6 meses você pode elevar o seu inglês a um novo patamar.

Clique aqui para conhecer o curso!
Avatar do usuário Ravenna 70 3
Você trabalha com tradução de Inglês ou outro idioma AJ? O_O