Tradução de "Wordsmith"

Encontrei essa palavra em um seriado, mas não consegui descobrir uma palavra em português com o mesmo significado

Segundo o "word reference" significa " escritor artífice da palavra". Ao meu entender, sgundo essa referência, essa palavra significaria o mesmo que "writer".

É isso mesmo "Wordsmith" tem o mesmo sentido que "writer"? Se não qual a diferença e qual é o seu significado correto?

Obrigado

Mais Votada Mais Votada

Avatar do usuário Telma Regina 22725 9 58 570
"Smith" é um tipo de "artesão", portanto eu concordo com a definição "escritor artífice da palavra". Também sugiro "artesão da palavra". Veja exemplos:

http://www.estadao.com.br/noticias/impr ... 6880,0.htm
http://diariodonordeste.verdesmares.com ... ra-1.59833
MENSAGEM PATROCINADA Para aprender mais sobre os Tempos Verbais baixe agora o: Guia Grátis de Tempos Verbais em Inglês. Ele contém um resumo bem estruturado para revisar os conceitos que você aprendeu na escola.

Clique aqui e saiba como baixar!
Avatar do usuário PPAULO 39205 6 32 684
Wordsmith could be:
Alguém que é hábil com as palavras/alguém que sabe jogar com as palavras/um gênio com as palavras/alguém que consegue fazer malabarismo com as palavras/alguém que tem realmente talento [lúdico] com as palavras/alguém que trabalha bem com as palavras (não nescessariamente escritor, pode ser, por exemplo, músico também - Nougaro "que sabia fazer boas letras de música/"acertava" nas letras das músicas.)



Nougaro, born in the southern French town of Toulouse in 1929, was reputed to the end as an extraordinary wordsmith, an at times weary and disillusioned entertainer, but a committed passionate jazz fan throughout all his ups and downs. rfimusique.com



His Jazz Majesty

Jazz is everywhere on L'Intégrale studio, weaving in and out of swing rhythms and Nougaro's unbridled and unbounded lyrics. Fitting then, that one of the two theme albums in the boxed set should be entitled Sa majesté le jazz. The other, Africa Brazil, contains Nougaro's Afro-Brazilian repertoire featuring L'Amour sorcier (recorded as early as 1965), Bidonville, Brésilien (by Gilberto Gil) and Tu verras (Nougaro's famous French reworking of Chico Buarque's O Que Serra). The complete studio works includes all of Nougaro's covers, in fact – and there were many, the "man with soles of swing" recording his own version of everything from Dave Brubeck's A bout de souffle, Sing Sing Song and Armstrong to Gloria (featuring the gloriously languorous vocals of Ornette Coleman). What's more, Nougaro made successful adaptations of the work of the greatest blue note composers including Wayne Shorter, Sonny Rollins, Thelonius Monk and Quincy Jones.



The guy really had a way with lyrics, he took others music and made versions of his own, and it succeed in doing so!
A guy like this one would have to be good at working with words!