Preconceito Mascarado

O preconceito envergonha a humanidade. Ninguém nega que as atrocidades cometidas, por causa do racismo e a intolerância, é algo repudiável que nunca mais deve se repetir. Mas o que muita gente não se apercebe é que o preconceito ainda existe; a mesma intolerância e racismo, mas só que agora atua de forma mascarada.

Pessoas inocentes são tratadas como criminosas, privadas do seus direitos, encarceradas, torturadas emocionalmente, privadas de sua dignidade, desrespeitadas, impedidas da liberdade de ir e vir, tendo os seus direitos humanos violados.

Do que estou falando? Do modo parcial, arbitrário, preconceituoso e injusto que muitas pessoas são tratadas nos setores de imigração, ao tentar entrar em países como a Inglaterra. Eu chamo isso de preconceito pois eles agem com a mesma arrogância, prepotência, desumanidade e racismo.

Escolhem quem será tratado com respeito e dignidade baseado na nacionalidade, cor e raça de cada individuo. Quem não atinge o patrão que arbitrariamente eles determinam, são tratados como criminosos e lançados fora como lixo. E o que dizer se você mora nesses países e quer receber seus amigos e familiares?

Como foi o meu caso. Fui impedida de receber minha amiga por que ela vinha do Brasil e por isso ela não estava a altura dos patrãos estabelecidos. Ela foi vitima direita e eu indireta desse preconceito.

Me senti impotente, humilhada, revoltada, por estar no aeroporto de braços abertos pra receber minha amiga e voltar pra trás de braços vazios. Me senti descriminada, pois também sou brasileira, e como negra e pobre, não correspondo aos padrões pra ter o direito de receber visitas.

Tenho o direito de morar aqui, mas não tenho como qualquer outro cidadão o direito de gozar do convivio de queridos amigos que queiram me visitar, não tenho a mesma liberdade de receber pessoas no meu lar como meus convidados. Não é possivel que em nome do sistema ou seja em nome do que for, autoridades

usem o poder de modo abusivo pra privar as pessoas de seus direitos humanos básicos. Encaro isso como uma tortura e isso sem exageros porque e difílcil descrever a dor emocional e até fisica que se sente por ter sido tratada com tamanha injustiça. Eu sei dos meus direitos e irei recorrer a eles, mas acho que eu não precisaria recorrer a advogados, juízes ou autoridades por me ter sido privada de direitos humanos básicos, como o direito de receber um amigo em meu lar.

Sei que eu e minha amiga não somos as únicas vitimas desse sistema parcial e arbitrário, por isso acho que todos deveriamos ficar de olhos bem abertos , pois por incrivel que pareça aquele sistema vergonhoso que manchou a história da humanidade e que causou muitas vitimas e sofrimento e que todos acham um absurdo que tenha acontecido, está simplesmente se repetindo só que de modo mascarado.

Será que de novo o mundo vai ficar de braços cruzados assistindo a história se repetir?

Pensem bem nisso!!

Joice Sharp

ATIVE O ENGLISH PLUS Além de aprender sem anúncios, você terá acesso: aos Cursos do English Experts, a respostas verificadas por especialistas (ilimitado) e ao aplicativo Meu Vocabulário. ATUALIZAR AGORA
11 respostas
Oi Joice.
Eu acho que a situação que você descreve é muito ampla e delicada para ser generalizada da forma que você coloca. Não estou aqui para defender nenhum oficial de imigração de país algum porém existem diferentes situações e diferentes pessoas.
Acho que primeiramente todo imigrante acaba sendo visto com desconfiança independente do pais que esteje. Com algumas exceções acredito que todos os países devem priorizar o bem estar de seus cidadões. Se há algum tipo de crise, como atualmente há nos países europeus acho que o clima de animosidade que pode gerar com a alta entrada de estrangeiros não é justificado mas pode ser explicado. É um espaço, direito, oportunidade, emprego que se possivelmente está tirando de um cidadão e dando para um "estranho".
Você como brasileira vive em outro país por algum motivo que lhe convém e que lhe deve dar retorno, ou por algo que você não tem no Brasil e conseguiu fora. Pense se a situação fosse contrária.
Concordo com você quando menciona o desrespeito. Isso realmente é inadimissível, devemos ser respeitados independentemente de qualquer atributo, raça e condição financeira - porém devemos também respeitar e aceitar as condições que outros países nos impõem caso desejamos viver neles. Infelizmente o preconceito sempre existirá principalmente no nosso próprio país.

Abraços. Fique em paz.
Emanuel
Oi Emanuel,
Eu entendo o seu ponto de vista, mas eu tô falando de pessoas que querem visitar um país como turista ou simplismente visistar um parente ou amigo. Não se trata de alguém que vem com a intênção de morar fora do país pq essa é uma dicisão que deve ser bem pensada e envolve muitas coisas. Mas pelo contrário ninguém que venha visitar o seu país deve ser visto com desconfiaça ou ameaça. È logico que tds os países tem leis pra proteger os seus cidadões, mas nenhuma lei de qualquer país pode estar acima dos direitos das pessoas. No meu caso, eu moro aqui, por que eu acho que cada pessoa tem o direito de decidir aonde quer morar, assim como eu não teria nada contra alguém que decidisse morar em meu país. Que por sinal é um país que sempre recebe de braços abertos os estrangeiros. Mas de qualquer forma obrigado por ter expressado a sua opinião, é importante saber o que as pessoas pensam.
Fique em paz vc também
Joice Sharp
São situações bem complicadas né? Acaba gerando uma nova discussão: o direito de ir e vir de cada pessoa.
Um grande abraço Joice!
Emanuel
Alessandro (online) 3 11 91
O problema é a quantidade de latinos que tentam entrar ilegalmente em outros países, isso acaba gerando uma série de restrições para o passaporte brasileiro e de outros países da América latina.

Infelizmente os honestos pagam pelos desonestos!
È verdade Alessandro,
a situação é mesmo delicada, mas o meu alerta é pra q isso não seja usado como desculpa por algumas autoridades e países pra desconsiderar os direitos das pessoas honestas. E o mais importante como é muito dificil de prever quando isso vai acontecer então que pelo menos saibamos nos defender quando isso ocorrer conosco.

Abraços!!
O nosso amigo Emanuel, mencionou também que esse medo pode ser gerado pela possibilidade do imigrante tirar o emprego do cidadão do país. Bom se a pessoa estiver ilegal e tiver trabalhando, assim q for pego será preso e deportado e quem contratou essa pessoa ilegal, paga uma multa bem alta, a Inglaterra por exemplo é muito rigida com relação a isso. No caso dos Legais, se tiver uma crise economica no país, por lei, eles tem q dar preferencia pros nativos do país, o estrangeiro pra competir nessa situação tem q ser muito bem qualificado na area q atua. Em geral sobra pros imigrantes só aqueles trabalhos que ninguém quer fazer. Os chamados "subempregos".

Joice S.
Donay Mendonça 22 107 1.6k
Este é um assunto um tanto delicado e que tem inúmeros aspectos a serem considerados. De um lado os países desenvolvidos [Inglaterra, Alemanha, EUA, etc] fazem de tudo para se proteger de ataques terroristas, tráfico, etc, e, com isso, tornam rígida a fiscalização, que muitas vezes comete erros e termina de forma trágica [Jean Charles]. De outro lado, pessoas muitas vezes de boa índole sofrem com isso ao saírem de seus países, que não oferecem condições suficientes de melhoria de vida. Na hora do desespero, todo mundo é bom de um lado [imigrantes] e ruim de outro [quem fiscaliza nas fronteiras].

Boa sorte!
Adriano Japan 2 20
O donay tirou as palavras da minha boca.

Já passei por alguns aeroportos europeus (incluindo esse Heathrow),todos em trânsito,é uma coisa extremamente chata ter que tirar o sapato toda hora,ter o passaporte carimbado simplesmente ao ir no banheiro,fora ver os franceses com seu passaporte na mão,falando coisas que você não entende, e rindo.

Mas por outro lado quero te dizer que tem muitos fatores desconhecidos por nós,idôneos.
É muito fácil achar que todos somos de bom caráter,que estão todos viajando com propósitos legais e concretos,como visitar uma amiga no exterior,trazer umas lembrancinhas,etc..
Enquanto isso, a Imigração tem que ficar de olho à todo tipo de alerta,terrorismo,tráfico humano,ilegais,gente com a periquita/cobra na mala, cápsula de droga no estômago..
Espero que possa convidar sua amiga novamente!
Adriano Japan 2 20
:roll: :roll: :roll:
olha... o cara ser deportado na Irlanda eh pq tem alguma coisa bem errada ai! um dos países na europa mais "dificeis" de implicarem com voce...

no aeroporto de Dublin, na area de controle de passaporte, eu vi uma moça (nao sei da onde era) querendo entrar na Irlanda. E só ouvi o fiscal falando pra ela pacientemente que ela nao tinha visto pra entrar e que teria que voltar. Pra caprichar a criatura tinha dito que trabalhava na Irlanda, ou seja, ilegalmente jah morou e trabalhou lá.
Por isso acho que a situação pode ter sido pontual no caso do video do Adriano. Se voce tem todos os documentos necessarios nao tem um porque deles te deportarem...

cachorro cheirar a gente isso aconteceu comigo qdo eu estava saindo do aviao em Amsterdam, mas o cachorro cheirou TODO MUNDO que estava passando no corredor, europeu, americano, brasileiro,...todos.

No caso da Joice eu nao posso opinar porque ate onde sei a Inglaterra eh bem chata mesmo para quem está entrando.


Atualmente estou morando na Europa e vejo muitos europeus, principalmente espanhois, se gabando por ter passaporte europeu. Uma vez um mesmo disse "eu nao tenho problema pra ir pra Inglaterra para trabalhar, já voce (eu)..."
Flavia.lm 1 10 96
O mais interessante do vídeo é a falta de informação, né... muito fácil criticar assim sem informar o que de fato aconteceu ou o que deixou de acontecer...