É possível aprender inglês no Brasil?

Recebi certa vez um e-mail deste fórum onde a pessoa afirmava (infelizmente não me recordo o nome do autor) que era impossível aprender inglês no Brasil, que para aprender este idioma só morando fora do país.

Tomando isso como verdade, eu teria que morar na Alemanha, na Italia e na Espanha, caso tenha interesse de aprender seus respectivos idiomas?

Gostaria de ouvir a opinião dos colegas quanto a esta afirmação.

Realmente só podemos aprender um novo idioma se "estivermos imersos nele" ?

Fico no aguardo das suas opiniões.

Thank´s guy´s, have a nice weekend!!! :D

Diego.
MENSAGEM PATROCINADA Aprenda dicas sobre os tempos verbais em inglês! Baixe agora o seu Guia Grátis de Tempos Verbais em Inglês. Ele contém um ótimo resumo para revisar todos os conceitos.

Clique aqui e saiba como baixar!
Avatar do usuário Alessandro 2970 3 9 71
Oi didasbim,

Recentemente no blog tivemos uma discussão "feia" sobre o assunto, porém no final acho que o resultado foi positivo. Acesse os links abaixo e confira além dos artigos, os comentários. Foi muito interessante a troca de idéias entre os leitores.

https://www.englishexperts.com.br/1 ... i-debaixo/
https://www.englishexperts.com.br/1 ... o-e-tempo/

Espero ter ajudado,

Abraço,
Avatar do usuário Adriano Japan 805 1 18
Pô, que interessante, também divido a opinião de que só é possível ser 100% fluente em uma língua visitando um país.. até brasileiro se enrola quando visita Portugal! E olha que é fluente em português!
Penso que não seja exatamente assim.
Primeiramente devemos definir: "O que é fluência?"
Dá para aprendermos inglês no Brasil a ponto de prestar o CPE!

Porém, é lógico que há algumas coisas que não vamos saber (afinal, para falarmos bem português para entendermos gírias, e etc, tivemos de aprender, e isto demora um tempo), as vezes, ninguém mais que nós (brasileiros) sabemos!
Também demora conseguir entender os clássicos em inglês (deve-se estudar muito!).

Claro que, em outro país se esforçando, fica mais rápido o aprendizado, mas não é a única forma (talvez seja a única forma, pelas gírias que nunca foram colocadas em um site, ou usadas em um filme)
Avatar do usuário Rodzilla 30
Eu acho que vivendo num país cuja língua nativa é aquela de estudo, agiliza o processo, e possibilita uma maior gama de (sobretudo) vocabulário.

Agora, que a fluência é possível sem viver num país que tenha o idioma como nativo, claro que é. Simplesmente é um processo que leva mais tempo, e dificilmente atingir-se-á o mesmo nível.
Morar fora nao significa fluência.

Vide brasileiros que vão a intercâmbio e voltam não falando inglês, vide dekassegui que moram no Jp a 10, 15 anos e não entende mais do que o básico e lê somente como uma criança do nível primário.

Seja Austrália,Canadá, Irlanda, EUA, etc o lugar q vc vá aprender inglês sempre haverá um gde número de brasileiros por lá.
Se vc se fechar e conviver só com esses grupos como irá treinar?

O idioma só se desenvovler se vc forçar sua mente e seu corpo a usa-lo e com frequencia, isso pode ser feito no Brasil ou no exterior, basta ser um aluno dedicado.

Existem pessoas que estudam um idioma durante anos no seu país de origem , lêem jornais, revista e assistem a noticiário mas não conseguem falar com a mesma desenvolturas.Mas não conseguem se comunicar.
Outros falam e entendem razoavelmente bem, mas não conseguem assimilar a escrita e regras de forma que consigam desenvolver textos de forma correta mesmo estando no país onde o idioma é nativo.

Na minha opinião aprender um idioma é mais uma questão de persistência e força de vontade combinado com tempo de exposição.
Avatar do usuário Adriano Japan 805 1 18
arwin_jp escreveu:Morar fora nao significa fluência.

Vide brasileiros que vão a intercâmbio e voltam não falando inglês, vide dekassegui que moram no Jp a 10, 15 anos e não entende mais do que o básico e lê somente como uma criança do nível primário.


Olá Arwin! Compartilho da mesma opinião que apenas "morar fora" não te traz a fluência num passe de mágica, mais que isso, tudo depende do esforço e escolha pessoal de cada um.



arwin_jp escreveu:Seja Austrália,Canadá, Irlanda, EUA, etc o lugar q vc vá aprender inglês sempre haverá um gde número de brasileiros por lá.
Se vc se fechar e conviver só com esses grupos como irá treinar?


Exato! Escolha pessoal!


arwin_jp escreveu:O idioma só se desenvovler se vc forçar sua mente e seu corpo a usa-lo e com frequencia, isso pode ser feito no Brasil ou no exterior, basta ser um aluno dedicado.


Ok, mas concorda que é tão difícil se expôr a uma cultura diferente no seu próprio país quanto se fechar na própria cultura estando em um país estrangeiro?
Got it? Ou falei complicado? :lol: 2 exemplos pra ilustrar:

①o aluno dedicado que não tem condições de ir pra fora, mas deseja a todo custo pegar fluência num idioma.... terá que correr atrás de tv a cabo, "se isolar" com fone de ouvido ao sair de casa, falar sozinho (rs) por não ter ninguém que converse no idioma, e sem nenhum material disponível facilmente em mãos, só resta a internet.

②Agora o contrário, o sujeito (dekassegui, por exemplo) que foi ao país exclusivamente para juntar $$ e voltar pro brasil, terá que correr atrás de tv a cabo brasileira, se limitar a ir apenas aos poucos restaurantes brasileiros, "se isolar" com seu fone de ouvido com música em português e sem nada que possa ou queira ler em português, só resta a internet.

Ou seja, a dificuldade para pegar fluência em casa / não pegar fluência no exterior é a mesma, depende da sua escolha.
Estudar e aprender inglês no dia-a-dia pela Austrália não requer nem 1% do esforço de quem estuda com material online no brasil.
Basta imaginar que em apenas num dia (24h), a cada 60 minutos é incontável o número de situações que você vai precisar ler, ouvir e falar o inglês.
Dá até pra medir a velocidade do progresso quando você lembra que nos primeiros dias andava com um mini-bloquinho e caneta pra todo lado com 10 páginas diárias com vocabulário novo pra chegar em casa e pesquisar mais a fundo.
Em algumas semanas (ou meses) perceberá que só voltou pra casa com 1 página e alguns poucos vocábulos novos, sendo que a maioria não está em dicionário algum! :mrgreen:
Avatar do usuário Lucas PAYNE 260 7
Depois de dois anos, acho que faz alguns meses que não vejo progresso valido no meu aprendizado, Plateau? Não desta vez!
Tenho pensado seriamente se realmente é possível ter um inglês a nível avançado morando aqui. Um fato importante a citar é que como estudante a maioria entende mais de 80% do que ouvem, mas na hora de falar usam menos de 30% do que sabem. É claro que a chave para melhorar é praticar muito, e eu me pergunto onde? Quem é que tem a oportunidade diária de praticar? Tenho na minha lista de contatos no skype milhares de pessoas aprendendo inglês e semanalmente converso com muitas delas mesmo não notando se quer alguma melhoria. O que de novo me faz pensar que eu devo ter estacionado e a única maneira de dar um UP agora é partindo para um desafio mais real, viver em um pais cujo inglês seja a língua nativa.
Avatar do usuário Donay Mendonça 49140 21 73 1140
Lucas,

É claro que a chave para melhorar é praticar muito, e eu me pergunto onde? Quem é que tem a oportunidade diária de praticar? Tenho na minha lista de contatos no skype milhares de pessoas aprendendo inglês e semanalmente converso com muitas delas mesmo não notando se quer alguma melhoria. O que de novo me faz pensar que eu devo ter estacionado e a única maneira de dar um UP agora é partindo para um desafio mais real, viver em um pais cujo inglês seja a língua nativa.



A melhor forma é mesmo praticando - conversando com alguém frente a frente. Se você não tem alguém para fazer isso, minha sugestão é a de que entre em um curso voltado para a conversação; não precisa ser o melhor curso da cidade(o mais caro), mas um que te ofereça oportunidades de falar sobre os assuntos diversos do dia a dia: família, trabalho, diversão, etc.

Fazendo isso, você pode não precisar de ir ao exterior. Eu conheço bons exemplos de pessoas que deram certo desta forma. É possível, basta realmente querer.
MENSAGEM PATROCINADA Leia o e-book Aprendendo Idiomas por Conta Própria e conheça as técnicas utilizadas pelos Experts para aprender idiomas. Com ele você vai aprender a aprender inglês!

Baixar uma Amostra Grátis!