O inglês britânico é mais correto do que o inglês americano?

70
É verdade que o inglês britânico é mais correto (gramaticalmente) do que o americano?
Cambly Brasil - Mensagem Patrocinada Você tem medo de falar inglês? - Se você já estudou inglês mas ainda se sente inseguro(a) saiba que o primeiro passo é se expor ao idioma. Converse grátis por 15 minutos com um professor de inglês nativo, você vai se surpreender o quanto isso pode fazer a diferença.

Começar agora!
4 respostas
Ordenar por: Data

Resposta aceita Resposta aceita
57805 6 43 1029
O inglês britânico tem alguns aspectos da formas e conteúdo que são interessantes vindo da raiz, uma vez que as raízes vieram das tribos Anglo-saxãs junto com a cultura franco-normandia. Nos tempos antigos não havia esse conceito tão fixo de países e fronteiras.
Mas a língua inglesa experimentou um dinamismo muito grande também, com muitas nações que imigraram pra lá, adicionando palavras, expressões e jeito de falar.
Eu não diria que haja uma questão de 'correção', mas talvez de pragmatismo "on the other side of the pond", mas se aplica a eles. Até porque há meio que diferentes 'falas' dentro dos Estados Unidos da América. Como acontece no Brasil, há diferenças marcantes entre o sudeste, o sul, o centro-oeste, e até entre estados (o de Minas Gerais).
Gramaticalmente falando, há muito pouco de diferente entre as duas vertentes da linguagem.
Mas no uso há um pequeno mundo de diferença, mas nada que faça ser incompreensível, e para aqueles que viajam ou são de alguma forma imersos na linguagem logo se adaptam.
Em relação a gostar de conversar eu acho que vai da pessoa. Ainda que, pela experiência cidades cosmopolitas e costeiras costumam haver muita troca em termos de conversação, de informação, portanto um maior dinamismo na linguagem.
E certamente quem mora num ou noutro lado e está imerso na cultura nem pára pra pensar qual delas é mais ou menos correta gramaticalmente. :-)

505 7
Não há mais correto ou errado entre idiomas. São apenas formas diferentes de se expressar.

10
Eu não diria mais correto porque isso dá a ideia que a outra vertente, isto é, a outra forma da língua é errada, mas sim diria que os britânicos são mais conversadores que os americanos (Isso é um fato!). Porém, isso não quer dizer que eles não tenham suas gírias, expressões idiomáticas e informalidades. Toda língua tem sua forma padrão e sua forma culta ou coloquial. O que determina se algo é mais apropriado ou não, vai ser a situação e as pessoas envolvidas na comunicação, e aí cabe ao usuário ter o bom senso e fazer o discernimento do que usar, como usar, com quem vai usar. Por exemplo, no nosso cotidiano ninguém fica o tempo todo falando tudo certinho entre amigos e família, mas se você vai escrever um texto ou realizar uma entrevista de emprego, aí tem que ter cuidado como vai se expressar.

62320 22 99 1511
Gramaticalmente, o inglês britânico se mantém mais fiel às estruturas originais do idioma. O inglês americano (assim como o português brasileiro fez com o português de Portugal) simplificou algumas destas estruturas. Não considero erros, mas um tipo de "modernização" do idioma.