Inglês Arcaico ou Antigo: É importante aprender?

70
Inglês Arcaico, Antigo ou Medieval: É importante aprender? Onde encontrar material?
3 respostas
Ordenar por: Data
Resposta aceita
140 1 3
O inglês antigo, do século V (Arcaico) é bem diferente em relação ao falado nos dias de hoje, que por sua vez será bem diferente do inglês falado no futuro. Pois idiomas passam por mudanças

Conforme foi transitando do inglês médio para o que falamos hoje, ocorreu muita confusão com coisas como:

“heo” no lugar de “she”

“hit” no lugar de “it”

“hem” no lugar de “them”
Eu particularmente não vejo muitas utilidades. A não ser, que você tenha curiosidade ou goste de ler textos bem antigos. O inglês antigo e arcáico não é mais utilizado atualmente. O melhor é se dedicar e se aprofundar no Inglês atual. O atual vai te abrir "fronteiras" de conhecimento, mais comunicação e etc. O antigo não, pois se trata de uma língua morta, igual o Latim.

Pode ser legal pesquisar a história e as mudanças que ocorreram na língua inglesa ao passar do tempo.
Lembrando que isso é apenas uma opinião minha.
Cambly Brasil - Mensagem Patrocinada Você tem medo de falar inglês? - Se você já estudou inglês mas ainda se sente inseguro(a) saiba que o primeiro passo é se expor ao idioma. Converse grátis por 15 minutos com um professor de inglês nativo, você vai se surpreender o quanto isso pode fazer a diferença.

Começar agora!
58960 6 45 1053
To lexicographers, students of languages in their roots, language historians, for deep academic studies it may or may not be that necessary (it´s a case by case, I think) and people that deal literature of old (versed in Shakespeare and all).
But for the average (and even above average) student it would be a stretch... Something of overdoing it. I sometimes throw the "where art thou?" somewhere just for fun.
Some filmmakers make forays into it too, when they want to portray something from the old ages, Hocus Pocus for instance have a few lines with Old English interspersed, being a Halloween film and from old age. But it´s not necessary.

As for where to find it. Shakesperean works, and literature from older centuries. The following could be a start point.

https://oldenglish.info/

https://www.oldenglishtranslator.co.uk/

https://lrc.la.utexas.edu/eieol/engol
20 1
Se você aprender Inglês Antigo, seu conhecimento vai às alturas. Você vai entender que mood significa mente, que not vem de nawiht (nobody), que os verbos irregulares têm classes, que which e whether são sinônimos, por que alguns substantivos têm plural irregular, por que há tantos sinônimos em inglês, entre outras coisas que não lembro agora. É recompensador, mas também devo dizer que é ridiculamente difícil. Para falar bem o Inglês Moderno, eu sugiro fazer a prova de C2 de Cambridge. Saber Inglês Antigo não é garantia de saber bem o Inglês Moderno; é como a cereja do bolo (vai te dar uma segurança incomparável com o Inglês Moderno), mas de que adianta a cereja sem o bolo? Eu falo Inglês Antigo e tenho um grupo de Whatsapp para praticarmos a língua frequentemente. Ruim não é, é ótimo; apenas certifique-se de não comprar mil cerejas e esquecer o bolo.

Ic wéne þe þæs þu fremst, þá þá þin snottornes stígþ. Siþþan ongiest þæt mood getácnaþ mód, þæt not ys of nawiht (nobody), þæt... Ys swíþe gód! :)