O que a criatividade tem a ver com a fluência

Tenho observado que a fluência também está muito relacionada com a criatividade do falante.

Todos nós sabemos que a famosíssima frase consagradas das aulas de inglês nas escolas públicas em geral:

What's your name ?

Pois é...

E o que vc acha de:

Your name, please ? (seu nome, por favor)


Outro exemplo:

Você vai na padaria, mas não sabe pedir um pãozinho...oras economize palavras e se possível utilize gestos.

One roll, please ? (um pão, por favor)

O que eu quero dizer com tudo isso é que as vezes podemos utilizar menos palavras e ainda também explorar um pouco mais a nossa comunicação não verbal.

Sei que tem hora que as palavras são muito importantes e uma simples omissão pode ter até mesmo um efeito negativo, mas na maioria das vezes podemos deixar de ser prolixos e sermos mais objetivos, utilizando para isso menos palavras.


Em certos ambientes a objetividade é uma palavra muito importante, nada de encheção de linguiça.

É isso que a criatividade tem a ver com a fluência.

Quando somos fluentes, somos capazes de sermos criativos e nos comunicar de várias maneiras.


Abraços,
Junio Neves da Silva
MENSAGEM PATROCINADA Você sabe como está o seu nível de inglês? Teste agora GRÁTIS em apenas alguns minutos.

Clique aqui para iniciar o Teste Online!
Avatar do usuário Donay Mendonça 49075 21 73 1138
Hello Junio,

I agree with you!

It makes sense!


Happy new year!
Avatar do usuário Marcio_Farias 12350 1 22 206
Isso.

Em vez de perguntar: "Where is the post office?" a gente pode perguntar: "Can you direct me to the post office?" ou "Where can I find the post office?"

Em vez de perguntar: "How are you?" a gente pode perguntar: "How do you feel today?" ou "How have the last few days treated you?"

Q.d., a gente se depara com um oásis de possibilidades, nunca dantes percebido. Ou navega, por assim dizer, por mares nunca dantes navegados. E assim nós vamos pelos "dantes" da vida... criando e recriando para reabastecer a fluência com criatividade. E vice-versa.