Motivação acabando, o que fazer?

E ai galera, blz?

Já estudei inglês em escolas de idiomas por 4 anos, dos 11 anos aos 15, em escola de idioma; não seria justo dizer que não aprendi nada; pq aprendi, mas longe de ser um resultado satisfatório em 4 anos. Nesses quatro anos eu não ligava muito pra inglês ia no cursinho por ir, apesar de tirar boas notas: 80% pra cima. Era muito fácil, mesmo pra quem não sabia nada de inglês.

Depois entrei no ensino médio e parei de fazer inglês por 3 anos. Hoje tenho 18 e resolvi realmente aprender inglês. Tem, eu diria 1 mês e poco que comecei a estudar sério; estudando todo dia e tals.

Mas me desanimo muito com o fato de na hora de ler um texto complexo, entender 50% do que está escrito, enquanto quando procuro um podcast entendo 90%.

Me desanima muito ir ver alguma conversa mais espontânea como TV e rádio, pq entendo 10% e quando vejo uma série de tv (Two and a half men por ex), entendo 80%.

Sei lá, as vezes acho que nunca vou aprender, alguém tem algum método pra se manter motivado e continuar estudando? Afinal esse é o maior segredo, imagino

Mais Votada Mais Votada

Avatar do usuário Emanuel On-line 1150 1 4 17
Hello Terráqueo.

Primeiramente gostaria de lhe dar os parabéns pela iniciativa e mais ainda pela humildade demonstrada ou criar este tópico e expor seus sentimentos.

Aprender inglês ao meu ver não tem uma fórmula exata ou como diz no popular uma "receita de bolo", depende muito de uma pessoa para outra. Para alguns a fluência que é o objetivo de muitos chega antes e para outros depois, para uns vem rápido e para outros demora um pouco mais. A única coisa certa é que persistindo uma hora ela chega.

O primeiro passo que acredito que funciona seria ter um objetivo claro, ou seja saber o por quê de estudar inglês. O que estaria buscando? Quais são seus planos, seus projetos? Garanto que isso lhe dará um grande impulso e motivação para sempre persistir.

Por falar em motivação ela só será necessária quando não estamos com vontade de fazer alguma coisa, então procuramos motivação e acho que é mais importante do que a motivação seria o segundo passo é o ambiente em que vive. A sugestão é que esteja num ambiente que torne o inglês como sua língua primária e não o português. Como seria isso? Seria como mudar sua vida tudo para o inglês como por exemplo: Mudar a linguagem de seu celular, e-mail, navegadores de internet, enfim todos os programas de seu computador, jogos, etc... Comece a pensar tudo com o inglês. No começo será um pouco lento as atividades rotineiras mas com um tempo vai se acostumando cada vez mais.

Pude perceber em seu relato que tem mais facilidades de entendimento para Podcast e seriados e menos em TV, rádio e textos complexos, então a dica que dou é nesta fase que está retomando os estudos é dar prioridade para o que tiver mais facilidade de entendimento para aumentar usa motivação. Realmente é muito chato quando nos deparamos com um texto complexo, científico ou mesmo intelectual e concluímos que entendemos só 50% ou as vezes nem isso. Mas isso é extremamente normal, já aconteceu e acontece com frequência com todo mundo, até um nativo tem dificuldades de entender tudo que está escrito. É impossível conhecer todas as palavras. Tire por base no próprio Português que quando ouvimos um noticiário ou lemos um artigo mais formal não conhecemos o significado da maioria das palavras, principalmente se não for de nossa área de formação ou interesse.

No momento do estudo, tradução por exemplo, escolha de preferência assuntos no qual tem mais interesse, por exemplo se gosta de esportes, procure notícias em revistas, ou vídeos relacionados a isso. Se gosta de moda procure assuntos relacionados a isso, assim como várias outras opções como religião, educação, comédia, filmes, músicas, etc... Garanto que vai aumentar e muito seu interesse em traduzir o mais rápido possível pois o assunto lhe interessa mais, com isso você esquece até que a matéria está em inglês, quando menos perceber verá que seu rendimento vai fluir cada vez melhor.

Eu particularmente tenho mais facilidade de aprendizado com filmes, músicas e vídeos, principalmente depois que descobrir que muitos dos vídeos do Youtube, tem o sistema de legendas que ajuda e muito na compreensão das palavras.

Por falar em compreensão de palavras, não fique se preocupado quando se depara com uma palavra ou expressão desconhecida, procure entender todo o texto e tentar forçar o entendimento da mesma, anote em uma papel separado e só depois pesquise com mais calma o significado de cada uma delas, com isso verá que muitas delas você mesmo já encontrou o significado por instinto.

Ao meu ver aprender inglês não suficiente apenas com uma escola de idiomas, acho importante sim e muito, pois ali dão "o caminho das pedras", mas apenas a escola não basta, cabe ao aluno pesquisar e praticar em outras fontes. Temos muitos exemplos de membros de renome e até mesmo aqui participantes do site que são autodidatas e que nunca frequentaram uma, aprenderam sozinhos.

Sempre que tiver uma dúvida procure o Fórum ou uma outra fonte de pesquisa que tem costume, pois o aprendizado é constante, temos sempre que colocar em prática.

Portanto amigo, bola pra frente, levante a cabeça e mãos a obra, não desamine e desista jamais!

Espero ter ajudado e dentro do possível estarei a disposição.

Abraços e felicidades.

Emanuel.
MENSAGEM PATROCINADA Para aprender mais sobre os Tempos Verbais baixe agora o: Guia Grátis de Tempos Verbais em Inglês. Ele contém um resumo bem estruturado para revisar os conceitos que você aprendeu na escola.

Clique aqui e saiba como baixar!
Avatar do usuário PPAULO 39205 6 32 684
Hey guy, let´s switch skills? you get my reading and in return you hand me your listening skills. Deal?
If you understand 80% of a TV show or of a podcast, that seems no short of outstanding to me. I am serious, no kidding!

Well, maybe the podcast is made in studio and talked in a way that is directed to students, or maybe you have issues with more "formal" texts. Say, news in a newspaper is more formal than, say, the magazine People, In Touch etc.

Hard to say, because there are several factors into play. For example, maybe you are used to American English, then you try watching the news or listening the BeeBee (BBC) radio news. To me, there are a big difference in pronouce and accents, so it may give the impression (to a learner) that his/her English is no good. It´s misleading indeed.

Now, comparing podcasts or TV with radio broadcasting, the formers are easier to understand, why is that? because you can have "clues", you see the environment, you see their body language, you see their mouths forming the words. Whereas a radio broadcast, is a real acid test, because you don´t have no clues that gives you such advantages, it really proves if you need to train your listening...you have to make it out what they are talking.

But it´s not the end of the world, if you say you can grasp what they say in a podcast or TV show, you are getting closer.

There are magazines, and sites with both, a text and its respective broadcasting, so train and train and you´ll succeed at last.

When you feel you are tired, try another skill or read some fun (comics, what about Peanuts? or Dilbert, or some othere comics?) or listen a music (sing along with the lyrics, you can take the lyrics from the Internet)

The secret is in the balance, a kind of tripod:
1) You have to convince yourself, incentive yourself, see you in the future..."ah, I am going to listen a song and sing along" or "I will be able to interview that star" or still "I will be able to talk to that beautiful girl etc..."

2) Seek the best material on English you can afford, the best teachers and the buddies most interested in English you know. You have to hang with the crowd that is better at it than you are. For example, on the Web, and in Brazil there are good sites, good people around.
You can´t be best learner of the world, and have a half-cocked teaching. If so, you lose time. Use your instincts.

3)Grade yourself, give you points, do exercise and exams. Use percentage, numbers, what you have.
Don´t do nothing without metrics, you need to know where your English stands.

For example, I used to solve crosswords, from the beggining I measured how many I got right (measured in percentage).
So, if there was 57 words across and 50 words down, then it tallied 107 (to me). If I got 54 words right, I would consider my score 50 percent.(54x100)/107=50.46...

Argh! I thought, I am such a slow guy! definitely I am not the sharpest knife in the drawer! Well, until I began to score up to 90%, but then...some happened to derail my confidence...
I scored 100 percent in a row, then I just couldn´t get that the following, it was a mistery, difficult, enigmatic...Ow! it hurts! it threw a monkey wrench in the works!
But then, I devised a new scheme to ramp up my self-confidence again...

Statistics, it makes wonders! Well, if I scored 100 in a crossword, 90 in the next, and then 50%, then overall I have (100+90+50)=80 (%)
Wow, not bad then!

That´s a good method, it works with me, if an item in a magazine is a turn off, then I think that 15 or 20 others I can read nicely. No problem at all, nobody is going to be unhappy about it. My day is saved again.

Well, don´t about you, but I think at least I told a good story, he he. Or didn´t I? :D
Ah, and have fun. Don´t be hard on yourself, and whenever you can, seek things you are interested into.

If you like photography, you can go to youtube and see that clip with a guy telling the last of the new camera with GPS built-in, he shows the zoom out and zoom in...etc. If you like cars, why don´t learn something about suspension, intelligent all-wheel drive, and so and so forth.

And I recommend Emanuel and others replies posted here about the matter. And, Ready, Set, Go!
Avatar do usuário PPAULO 39205 6 32 684
Ah, and remember, "Rome wasn´t built in a day".
Valeu Emanuel.

Seu texto me ajudou, acho melhor para com essa choradeira e continuar com a mão na massa.

Vou adaptar essa rotina pra ela ficar mais interessante. Ao invés de ler um texto qualquer na internet vou ler um livro com uma boa história e com o linguajar mais simples, muitos falam que os livros do Harry Potter são bons, então vou começar a le-los hoje ainda, nem que seja um pouquinho.

Vou continuar vendo os seriados e ouvir pelo menos 10 minutos de rádio por dia. É bom que vou avaliando meu progresso pelo meu intendimento de uma entrevista ou um show.

É vamos lá.

Acho que muita gente desanima ao estudar inglês porque é chato e um processo demorado; a ideia de aprender inglês é muito bonita mas muita gente preferi ficar na cama sem fazer nada, só pensando no quão bom seria...enquanto seria muito melhor tentar deixar o processo mais agradável.


Valew de novo pelo texto e vou continuar me esforçando.
----------------//-------------------------/----
Hi PPaulo

Hey thanks for the story. I saw that your way to continue motivated and Emanuel's way it's kind similar. Well, looks like it's a good tip for me to use it: try to imagine what I could do before I improve my english skills, I think in a lot of them. It's really motivational.

So I have to crongratulate you, because in this little text that you made I saw that your vocabulary is widely more complete than my, I kind saw 4-5 word that I did not know...

And I think you are right, the Tv Show is easily to understand much because of the scenes, feature that I do not have when I try to see a Tv debate or a radio.

Well as I already thank you because of the text and the story, but that does not avoid me to correct a probable mistake that you did in the text, am I right?

So in this phrase: "You can´t be best learner of the world" dont you think that you swallowed an "the"?
"You can´t be the best learner of the world"

I dont know if I am right, but let's give me a shot.

Thanks PPaulo and Emanuel, your texts really helped and lets continue studying

BB
Avatar do usuário PPAULO 39205 6 32 684
Indeed it was wrong. Thanks for noticing and pointing it out.
And I meant indeed "You can´t be the best learner of the world, and have a half-cocked teaching." (você não pode ser o melhor aluno do mundo e ter um ensino meia-boca/meia sola...). In the sense, that there are good learners in the wrong places, or learning from misleading sources (materials, teachers etc...) in other words if you want to learn, don´t settle for less (than the top). It´s not about arrogance, it´s the way athletes do.

So, my mistake might be excused, I still am in the basic levels! :P
As for the tips, those of Emanuel those and of mine were somehow similar, like they say “great minds think alike” huh? ha ha ha.


Well as I already thank you because of the text and the story, but that does not avoid me to correct a probable mistake that you did in the text, am I right?

No, that doesn´t keep you from correcting a problable mistake of mine, thanks for noticing it. You are an observant learner, I can see you are off to a good start!


I dont know if I am right, but let's give me a shot.
I dont know if I am right, but let's give it a shot. (more natural to me.)
(para “não sei se estou errado, mas vou fazer minha tentativa” (de alguma coisa)/ aqui vou experimentar fazer a correção/sugestão.)



Another advice I give you is, don´t make comparisons. I mean, you see the guy that is a native, a post-graduated one, a teacher or use English in an everyday basis. Don´t compare yourself as though you had to be like them.
Be aware of your own progress, think, “my! I didn´t manage to read anything two, five or ten years ago!” or “Man! I really made some progress, I dared to communicate with somebody else in English, in spoken or written English”. And paraphrase Neil Armstrong “this is a small step to a man, but a giant leap for me personally!

Not that you are the sort of guy that does it, but there are learners that do it. Imagine if the little kid that is beggining his training of diving, see that diving competitive event with that guy jumping from the 10-meter platform! he would certainly give up on spot...No, he goes training his 1-meter springboard, then the 3 metre springboard , going to 5, 8, and 10 metre.
What the does? when he earns a medal on the 1 meter springboard he is happy, he doesn´t get sad because he doesn´t the twists and somersaults a 10-meter medalist does. We have to accept our limits, while they exist. ;)
Avatar do usuário Sypher 955 1 1 24
Então, Terráqueo, você está no caminho certo :D Ser capaz de se auto-analizar não é para qualquer um. Só mesmo aqueles que sabem onde querem chegar é que são capazes desse tipo de auto-crítica, e isso é um muito bom sinal.

Falando agora sobre fontes motivacionais para o estudo de inglês, bom, eu não sei se você gosta de games, mas se você gostar eu tenho um boa dica. Recentemente, eu joguei Mass Effect 1, 2 e 3, jogo com temática sci-fy que lembra muito Star Trek, e com versões para PS3, X Box 360 e PC. Indo direto ao ponto, esse game conta com excelentes qualidade de diálogos (atores famosos como Yvonne Strahovski (Chuck), Carrie-Anne Moss (Matrix), Tricia Helfer (Battlestar Galactica) e Martin Sheen (Os Infiltrados) tem longas horas de dublagem durante o jogo). Além disso, todos esses diálogos contam com a opção de legenda, caso você queira. Enquanto eu jogava eu dizia pra mim mesmo, "Caramba meu, eu queria que esse tipo de game existisse na época em que eu estava aprendendo inglês porque ele é uma ótima ferramenta."

Se você estiver se desgastando muito com seu método atual de aprendizado, fica aí esse dica de uma forma descontraída porém efetiva para seus estudos. Tudo que você precisa é prática :D
Avatar do usuário Emanuel On-line 1150 1 4 17
Muito boa dia amigo Sypher.

Meu filho gosta muito desse jogo e já comentou mesmo comigo que está treinando seu inglês come ele e por incrível que pareça já estou percebendo a diferença na fluência dele.

Regards!

Emanuel.
Avatar do usuário Emanuel On-line 1150 1 4 17
Hello Terráquio.

Vai aqui uma dica de site que também acho super bacana, além de ser muito completo com diversos Podcasts, Vídeos, Gramáticas, vocabulário, exercícios, cultura, etc.. é o: http://learnenglish.britishcouncil.org/en/.

Este site tem opção para escolher seu nível de estudo e também opções voltadas para ensino de crianças, adolescentes, adultos e também para professores.

Esta vale muito a pena conferir, gosto muito dele.

See you later.

Good studies.

Emanuel.
MENSAGEM PATROCINADA Leia o e-book Aprendendo Idiomas por Conta Própria e conheça as técnicas utilizadas pelos Experts para aprender idiomas. Com ele você vai aprender a aprender inglês!

Baixar uma Amostra Grátis!
Valew pela dica Sypher. Realmente tenho que deixar o aprendizado mais leve, senão não vou aguentar manter todo dia.

E valew de novo ao Emanuel, muito bom o site; tem jogos e podcast, bom pra jogar um pouco e relaxar quando estiver enjoado.